Local

Local
Autarquia de Penalva do Castelo entrega Cartão Sénior Municipal

O autarquia de Penalva do Castelo entregou o Cartão Sénior Municipal aos primeiros seniores aderentes. Atualmente com 19 pessoas inscritas, o Cartão Sénior Municipal, "enquanto medida de promoção da inclusão social e de cidadania ativa, permite aos beneficiários usufruírem de um conjunto de vantagens e descontos nos 35 estabelecimentos comerciais que aderiram até ao momento", explica a Câmara Municipal.
O mesmo é disponibilizado nos serviços de Ação Social da Câmara Municipal, de forma gratuita, podendo dele usufruir todas as pessoas residentes no concelho de Penalva do Castelo com 65 ou mais anos.

Local
Tondela: Presidente da Câmara condenado a perda de mandato e cinco anos de prisão suspensa

O presidente da Câmara de Tondela, José António Jesus, foi condenado pelo Tribunal de Viseu a uma pena de cinco anos de prisão suspensa e perda de mandato na autarquia. A leitura da sentença aconteceu esta sexta-feira (26 de novembro) depois de vários adiamentos. José António Jesus tinha sido reeleito no passado dia 26 de setembro.
Em causa, um crime de peculato e dois de falsificação de documento, tendo ficado provado que o presidente da Câmara de Tondela se apropriou de dinheiro público ao receber pagamentos indevidos por deslocações em viaturas próprias, quando as viagens tinham sido feitas em viaturas da autarquia. Crimes ocorridos entre 2010 e 2017.
Segundo a juiz presidente do coletivo, a perda de mandato só se torna definitiva após o trânsito em julgado do acórdão.
O autarca fica também proibido do exercício de função pública por um período de quatro anos.

Local
Nelas: conferência sobre prospeção de lítio acontece este sábado (com áudio)

Em Nelas decorre este sábado (27 de novembro), uma conferência sobre a exploração de lítio na região.
Uma iniciativa organizada pela AZU, Associação de Zonas Uraníferas, que tem como objetivo alertar para os impactos que a prospeção do metal tem para a região, como dá conta António Minhoto, presidente da AZU.
A par da conferência, antigos mineiros da Urgeiriça e familiares participam numa marcha de indignação contra os atrasos na descontaminação do urânio nas habitações.

 

Local
Banco Alimentar contra a fome faz, este fim-de-semana, nova recolha de alimentos (com áudio)

Os hipermercados do distrito de Viseu acolhem, este fim-de-semana (27 e 28 de novembro), mais uma campanha de recolha de alimentos do Banco Alimentar contra a fome.
Iniciativa que no último ano não foi realizada nos moldes tradicionais por causa da pandemia. Pandemia, aliás, que levou a um aumento dos pedidos de ajuda junto da instituição, como explica Fátima Ribeiro, do Banco Alimentar de Viseu.
A recolha de saco deste fim de semana, ao contrário de anos anteriores, abrange apenas os hipermercados, num total de 16 no distrito viseense. Nos supermercados também é possível contribuir, mas com os vales de alimentos, como refere Fátima Ribeiro.
A responsável pelo Banco Alimentar de Viseu espera na campanha deste fim-de-semana conseguir as 20 toneladas de alimentos.

Local
Associação Empresarial de Resende prepara o IV concurso de Montras de Natal

A Associação Empresarial de Resende (AER) está a preparar a quarta edição do Concurso de Montras de Natal. Trata-se de um concurso destinado a todos os agentes do comércio local, que possuem estabelecimentos comerciais e/ou de serviços, com montra para o exterior. O objetivo passa por eleger as três melhores montras de Natal em Resende, através de uma votação online na página de Facebook da AER e mais três através da votação por um júri composto por cinco ilustres resendenses. "O propósito basilar desta atividade é dinamizar e promover os estabelecimentos locais, tornando-os mais apelativos durante a época natalícia, apelando ao consumo no concelho de Resende", explica a associação.
A quarta edição do concurso de montras de natal decorre entre os dias 10 e 22 de dezembro. Durante esta época natalícia, os Pais Natal da AER voltarão a animar as ruas de Resende e incentivar ao consumo no comércio local.
Para Joaquim da Conceição Sousa, presidente do organismo “a Associação Empresarial de Resende, depois do sucesso das edições anteriores, acredita que esta será, mais uma vez, uma enorme oportunidade de dinamização e enriquecimento do comércio local e valorização da proximidade dos comerciantes com os consumidores”. “Todos em conjunto, irão criar um ambiente interessante para promover o consumo no Natal, tornando o comércio local ainda mais atrativo durante a quadra natalícia", acrescenta.

Local
Secretariado Regional de Viseu da União das Misericórdias Portuguesas reúne em Mangualde (com áudio)

O Secretariado Regional de Viseu da União das Misericórdias Portuguesas reúne esta sexta-feira (26 de novembro) em Mangualde, com a presença da secretária de Estado de Ação Social, Ana Mendes.
Em cima da mesa vão estar vários temas, como realça José Tomás, provedor da Santa Casa de Mangualde e presidente do secretariado regional.
Na presença da secretária de estado de Ação Social vai ser discutida a transferência de competências para as autarquias.
José Tomás considera que as instituições de apoio social devem ser ouvidas e integradas no processo.

Local
Hospital de Viseu promove campanha para evitar violência contra as mulheres

O Centro Hospitalar Tondela-Viseu (CHTV) está a promover uma campanha de combate à violência contra mulheres. De forma assinalar o Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres, o CHTV exibe uma exposição que integra os vários pedidos de ajuda das vítimas, que chegam à Equipa para a Prevenção da Violência em Adultos.
A exposição pode ser vista no átrio principal do hospital, entre esta quita-feira, dia 25 de novembro, e o próximo domingo, dia 28 de novembro.
Segundo a unidade hospitalar, o objetivo passa por alertar a comunidade em geral para a violência de género, a proteção e direitos das vítimas.
O trabalho foi desenvolvido pela Equipa para a Prevenção da Violência em Adultos (EPVA), do CHTV, constituída por um assistente social, uma médica psiquiatra, uma psicóloga e dois enfermeiros.

Local
Cinfães: Câmara atribui apoios para fixar médicos de família

Com o objetivo de atrair e fixar médicos de família no concelho de Cinfães, a Câmara Municipal atribui um apoio mensal, no valor de 200 euros, a cada clínico que pretenda trabalhar em Cinfães e que não tenha habitação própria e permanente no concelho. Nesse sentido, a autarquia aprovou, na última reunião de Câmara, o apoio para mais quatro clínicos.
"Estes apoios foram concedidos ao abrigo do regulamento municipal de apoio à fixação de médicos de família no concelho através do qual os clínicos abrangidos são contemplados com o incentivo pecuniário no valor de 200 euros, para comparticipar a aquisição ou arrendamento de habitação ou as despesas de deslocação do local de habitação para a Unidade de Saúde. O apoio é concedido pelo prazo de três anos, com possibilidade de prorrogação, por períodos de um ano", explica a autarquia.
"Os médicos usufruem também de um conjunto de benefícios, nomeadamente, a isenção no pagamento de taxas relativas a licenças de construção, beneficiação e ampliação de casa para habitação própria e permanente, incluindo anexos e garagens e a redução de 30% nas tarifas de água, saneamento, e recolha de resíduos sólidos, em habitação própria ou arrendada, permanente, incidindo sobre os primeiros 10m3 de consumo de água", refere.
O acesso gratuito às piscinas municipais, cobertas e descobertas, extensivo aos restantes membros do agregado familiar, bem como o acesso gratuito aos espetáculos culturais no concelho são outras das regalias concedidas, a par do apoio inicial para o encaminhamento jurídico em processos motivados por factos ocorridos no exercício das suas funções.

Local
S. Pedro do Sul: foi descoberto um novo sítio arqueológico no concelho

Foi identificado um novo sítio arqueológico no concelho de S. Pedro do Sul, com a descoberta de vestígios de um Acampamento Militar Romano, localizado no Alto da Coelheira, na União de Freguesias de Carvalhais e Candal.
Segundo a autarquia, "este é um importante achado, com grande valor histórico e patrimonial, com relevância para a história da presença romana no centro português e com grande interesse no âmbito do património arqueológico do concelho".
"A estrutura apresenta um relativo bom estado de conservação, quando comparado com outros sítios semelhantes, e possui um anexo, uma característica única nos acampamentos romanos conhecidos em Portugal", explica.
Os estudos arqueológicos deste sítio vão ter início na primavera de 2022.

Local
Lamego celebra a fundação do Mosteiro das Chagas

A Santa Casa da Misericórdia de Lamego vai comemorar o 433º aniversário da fundação do Mosteiro das Chagas, do qual resta atualmente apenas a Igreja com o mesmo nome, com a realização de uma celebração no próximo sábado, dia 27 de novembro. 
O programa do evento prevê a realização, à noite, do concerto "Avé Senhora do Advento" em evocação de Nossa Senhora das Graças, pelo Coro da Misericórdia e pelo Coro de Santo Agostinho, da cidade de Coimbra. Ao final da tarde, às 18h00, também é celebrada na Igreja das Chagas uma missa, presidida por D. António Couto, Bispo da Diocese de Lamego.
Ao longo do dia, a instituição promove ainda um Curso de Formação de Canto Coral de aprendizagem teórico-prática. A formação é ministrada por Alberto Seiça, doutorado em Ciências Musicais pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, com uma larga experiência no domínio coral tendo dirigido diversos coros.
"Cuidar do aspeto vocal e da técnica de canto e recordar os princípios doutrinais para o canto na liturgia são os principais temas a abordar na formação" que decorre no edifício-sede da Misericórdia.

 

Local
Mangualde: manutenção na Linha da Beira Alta nos próximos dias

No âmbito da empreitada de modernização da Linha da Beira Alta, no troço entre Santa Comba Dão e Mangualde, vão decorrer trabalhos até dia 03 de dezembro nas localidades de Espinho, Moimenta de Maceira Dão e Cubos, no concelho mangualdense.
Em causa, a “preparação de terreno e descarga de carril para efeitos de substituição do carril existente”, explica a Infraestruturas de Portugal (IP). 
Segundo a empresa pública, as intervenções decorrem entre as 20h00 e as 08h00, incluindo aos sábados, domingos e feriados.
A Infraestruturas de Portugal alerta para a possibilidade de ruído e incómodo aos residentes próximo da linha férrea e pede compreensão à população. Segundo a IP os trabalhos a realizar são “fundamentais para garantir a melhoria da exploração e das condições de conforto e segurança da infraestrutura ferroviária”.

Local
Estâncias termais da região Centro oferecem descontos em vários tratamentos e produtos de bem-estar

Quatro estâncias termais da rede Termas Centro propõem várias promoções aos clientes que as visitarem nos próximos dias. A iniciativa, designada por “Blue Week Termas Centro”, envolve as Termas de S. Pedro do Sul, Carvalhal, Monfortinho e Piedade.
 As Termas de S. Pedro do Sul oferecem descontos imperdíveis nos dias 26, 27 e 28 de novembro. A oferta consiste em 50% de desconto no “You & Me”, um programa de relaxamento a dois que dura 90 minutos. Também os dermocosméticos Aqva terão 30% desconto na sua aquisição durante os três dias da iniciativa. Mais informações em www.termas-spsul.com.
 As Termas do Carvalhal, em Castro Daire, têm em vigor preços promocionais, de 26 a 29 de novembro, em várias massagens -- massagem geotermal completa (20€) e massagem geotermal localizada (12€) – e em drenagens linfáticas manuais, nomeadamente na zona abdominal e membros inferiores (29,60€), membros inferiores (23,20€) e zona abdominal (12,80€). As Termas do Carvalhal propõem ainda um programa semana termal, de 5 dias, pelo valor de 112,60€. Mais informações em www.termasdocarvalhal.com.
 

Local
Mangualde: 'Uma árvore erguida por cada mulher abatida' lembra as 23 vítimas em 2021 (com áudio)

Este ano 23 mulheres foram mortas, em Portugal, no âmbito da violência doméstica. Três são do distrito de Viseu. Números que esta quinta-feira (25 de novembro) são lembrados, no Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres.
A autarquia de Mangualde, em parceria com a UMAR, União das Mulheres Alternativa e Resposta promoveu, esta manhã,  uma iniciativa de homenagem às vítimas.
Cecília Loureiro, da UMAR, disse à Dão Digital que a violência às mulheres é uma preocupação e um flagelo. A responsável diz que o medo e a vergonha impedem as mulheres de apresentar queixa nas autoridades. Uma realidade maior na região do Interior do país.
Segundo Cecília Loureiro, a pandemia também agravou a situação.
Em Mangualde, o Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres é assinalado com a iniciativa “Uma árvore erguida por cada mulher abatida”. Vinte e três árvores com os nomes das vítimas que no dia 08 de março do próximo ano vão ser plantadas pelo concelho. Uma forma de manter viva a memórias das mulheres assassinadas.
Ainda para assinalar o Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres tem também lugar, sexta-feira (26 de novembro), a peça de teatro, intitulada “Sem medo Maria”, no Auditório da Biblioteca Municipal de Mangualde, pelas 15h45.  A peça é dinamizada pelo Grupo de Teatro Molhe de Grelos.

Ouça a entrevista a Cecília Loureiro, membro da UMAR

Local
Penalva do Catelo assinala o Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres

Fotografar o silêncio, o medo, a vergonha, os laços que se transformam em nós, as almas vazias e as marcas traumáticas foi o desafio lançado pelo Município de Penalva do Castelo a Luís Correia, técnico do Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ), que resultou na produção da campanha #AtosQueSãoUmaNódoa.
A iniciativa, integrada no projeto municipal “A Igualdade faz o meu género”, contou com a colaboração da Biblioteca Municipal de Penalva do Castelo e resultou na produção de oito cartazes. A mesma assinala o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres, celebrado anualmente a 25 de novembro, e tem como objetivo sensibilizar para o combate à violência de género, em que a esmagadora maioria das vítimas são mulheres.
Os oito cartazes estão em exposição, entre os dias 25 e 30 de novembro, no átrio do edifício dos Paços do Concelho de Penalva do Castelo passando, de seguida, para outras entidades públicas.

Local
Proteção municipal de Viseu desaconselha jantares e festas de Natal devido à evolução da pandemia

A Comissão Municipal de Proteção Civil de Viseu desaconselha “todo e qualquer tipo” de ajuntamentos, nomeadamente a realização de jantares-convívio e festas de Natal, tendo em conta a evolução pandémica no concelho.
“Sem prejuízo das regras, normas e orientações da Direção-geral da Saúde” (DGS) em vigor, a Comissão Municipal de Proteção Civil apela em comunicado “a toda a comunidade um empenho extraordinário para travar o crescimento de casos observados”.
Assim, “face à evolução pandémica observada” e apresentada e discutida na quarta-feira (24 de nove,bro) na reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil de Viseu, a nota de imprensa destaca dois apelos à comunidade.
“Desaconselha todo e qualquer tipo de ajuntamentos potenciadores de contágios, nomeadamente a realização de jantares-convívio e festas de Natal, tradicionais nesta época, e que nos conduzirão a um cenário vivido no ano passado, com graves consequências já conhecidas”.
E “apela ao maior cuidado na utilização das linhas e meios de emergência médica, destinadas apenas às situações críticas, de modo a reduzir o stress já verificado nas urgências hospitalares e nos meios de emergência pré-hospitalar”.
Neste sentido, a comissão recorda “a importância da Linha de Saúde 24 (808 24 24 24) para uma triagem inicial, comunicação e aconselhamento de situações e sintomas menos gravosos, relacionados com a suspeita da covid-19 e de outras patologias”.
O comunicado refere ainda que, atualmente, a taxa de incidência no concelho de Viseu é de 417 por 100 mil habitantes e, no Centro hospitalar Tondela-Viseu estão internadas 32 pessoas, seis do município viseense, e, sete delas na Unidade de Cuidados Intensivos, duas são do concelho.
Desde março de 2020, e até ao dia de hoje, o concelho de Viseu registou 10.330 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2, que provoca a covid-19.

 

Local
Grupo Desportivo de Mangualde promove campanha de recolha de brinquedos (com áudio)

Com o objetivo de proporcionar um Natal mais feliz às crianças desfavorecidas do concelho de Mangualde, o Grupo Desportivo lançou, esta semana, uma campanha de recolha de brinquedos e material escolar. 
O presidente do clube, Ricardo Lopes, explica que o desafio foi lançado a atletas e treinadores do Desportivo de Mangualde, mas a comunidade em geral também pode associar-se.
Ricardo Lopes tem boas expectativas quanto à adesão.
A campanha decorre até dia 19 de dezembro.

Local
Sátão: autarquia incentiva às compras de Natal no concelho

Com o objetivo de dinamizar e revitalizar o comércio local, o município de Sátão promove o concurso “Natal no comércio local – Ofereça Sátão”. Uma iniciativa destinada aos consumidores que durante a época natalícia façam as compras nas lojas do concelho.
O concurso decorre entre 01 de dezembro e 06 de janeiro e por cada 20 euros de compras nos estabelecimentos comerciais aderentes, será entregue um cupão, que o habilita a prémios em vouchers de compras cujo valor total ascende aos 750 euros. O cupão deve ser colocado na tômbola que estará disponível no Mercado de Natal da Praça Paulo VI, de 11 de dezembro a 06 de janeiro.
O sorteio dos prémios decorrerá no dia 14 de janeiro de 2022, às 11h00, em frente à Câmara Municipal, devendo ser reclamados até ao dia 31 de Janeiro de 2022, no Gabinete de Atendimento ao Munícipe, através da apresentação do documento de identificação válido e do talão de compra referido no cupão sorteado. Após o levantamento dos vouchers, os vencedores têm até dia 31 de julho de 2022 para os utilizar nos estabelecimentos comerciais aderentes.
 

Local
Aguiar da beira: VIII Certame Gastronómico do Míscaro este fim-de-semana

O município de Aguiar da Beira promove, este sábado e domingo (27 e 28 de novembro), o VIII Certame Gastronómico do Míscaro, com o objetivo de divulgar o potencial micológico e gastronómico do concelho.
O certame, que está de regresso após um ano de interrupção devido à pandemia, decorre no Pavilhão Gimnodesportivo de Aguiar da Beira e contempla a realização de várias atividades.
O programa inclui um espaço gastronómico, um mercadinho agrícola, um passeio micológico, um magusto comunitário, concertos e animação musical, entre outras atividades.

Local
Mangualde assinala o Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres

No âmbito do Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres, esta quinta-feira dia 25 de novembro, no Largo Dr. Couto, a Câmara Municipal de Mangualde, em parceria com a UMAR (União das Mulheres Alternativa e Resposta – núcleo de Viseu), promove uma iniciativa de homenagem às mulheres assassinadas por violência doméstica em 2021. A atividade surge no âmbito da iniciativa “Uma árvore erguida por cada mulher abatida” e tem início às 11h00.
Ainda para assinalar o Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres tem também lugar uma peça de teatro, intitulada “Sem medo Maria”, a realizar no Auditório da Biblioteca Municipal de Mangualde, na sexta-feira dia 26 de novembro, pelas 15h45. A peça, dinamizada pelo Grupo de Teatro – Molhe de Grelos, é de acesso gratuito, mas com inscrição obrigatória jnto dos serrviços ds autarquia.

Local
Nelas: incêndio na Lapa do Lobo deixa casal de idosos desalojado

Um incêndio numa habitação na Lapa do Lobo, concelho de Nelas, deixou esta quarta-feira (24 de novembro) um casal de idosos desalojado. Segundo informações dos bombeiros, não houve vítimas a registar, mas a casa constituída por dois pisos, ficou parcialmente destruída. O incêndio terá deflagrado num sofá próximo da lareira. Os habitantes com idades acima dos 70 anos ficam realojados em casa de familiares.
O alerta foi dado piucos minutos antes das 10h00 e no local estiveram 15 operacionais apoiados por seis viaturas, entre bombeiros, GNR e proteção civil da Câmara de Nelas.

Local
Tráfico de pessoas pode ser denunciado por qualquer cidadão. Sensibilização decorre em Mangualde

O tráfico de seres humanos é o tema de duas sessões de sensibilização que o município de Mangualde está a promover ao longo desta quarta-feira (24 de novembro). Uma iniciativa que surge no âmbito da cooperação entre a autarquia e o projeto Saúde em Português “Mercadoria Humana 4, Projeto de Sensibilização em Tráfico de Seres Humanos”. 
Paulo Lobo, técnico do projeto, falou à Dão Digital e contou que a instituição que representa acolhe diversas vítimas da região do Interior do país e alerta que qualquer pessoa pode denunciar situações de escravatura.
Paulo Lobo realça que são as pessoas mais vulneráveis que estão mais sujeitas ao tráfico.
O técnico refere ainsa que as vítimas, muitas vezes, não conseguem reconhecer que estão a ser exploradas.
A primeira ação de sensibilização sobre tráfico de seres humanos decorreu na manhã desta quarta-feira. A segunda sessão tem lugar no edifício da COAPE, no 2.º andar, a partir das 14h30.
Ouça a entrevista a Paulo Lobo

Local
Viseu: Centro de Apoio a Deficientes de Santo Estêvão celebra 20 anos (com áudio)

O Centro de Apoio a Deficientes de Santo Estêvão (CSE), em Viseu, assinala esta quarta-feira (24 de novembro), 20 anos de atividade. Uma data que a União das Misericórdias Portuguesas (UMP), responsável pela instituição, quer marcar com uma homenagem a quem lá trabalha. 
A diretora do Centro de Apoio a Deficientes falou à Dão Digital.
Maria Infância Pamplona espera um futuro desafiante para a instituição depois de duas décadas de muito trabalho. 
A diretora recorda os tempos difíceis de pandemia e que levaram a um trabalho reforçado.
Fundado em novembro de 2001, o CSE é um equipamento social da UMP dedicado a pessoas portadoras de deficiência, que disponibiliza um lar residencial para 72 utentes e um centro de atividades ocupacionais para 30. Os utentes do CSE são jovens e adultos de ambos os sexos, de idades compreendidas entre os 18 e 50 anos, que se encontrem impedidos, temporária ou definitivamente, de residir no seu meio familiar habitual.

 

Local
O Dia da Floresta Autóctone foi assinalado em Viseu com a plantação de um carvalho-alvarinho

O Município de Viseu procedeu à plantação de um carvalho-alvarinho no Parque de Mondim, em Sanguinhedo, na Freguesia de Côta, para assinalar o Dia da Floresta Autóctone 2021. 
A árvore plantada resulta da recolha de semente do carvalho-alvarinho centenário que caiu, a 19 de novembro de 2020, no Parque Aquilino Ribeiro. Após a queda desta árvore, a recolha da semente foi realizada pelos técnicos da Divisão de Ambiente, Higiene Urbana e Espaços Verdes. Segundo a autarquia viseense, a mesma foi propagada durante este ano "e deu origem a 30 árvores saudáveis e bem formadas que estão, neste momento, disponíveis para plantação". "Nos próximos dias, as mesmas serão plantadas nas restantes freguesias do concelho, para assim perpetuar o legado do carvalho centenário do Parque", explica.
“Uma árvore centenária é um monumento natural e o exemplar de onde provieram estas sementes foi, provavelmente, plantado pelos frades do Convento de Santo António dos Capuchos que se localizava naquele Parque, no século XVII. Já a plantação deste exemplar arbóreo representa o cuidado que os nossos serviços municipais têm, diariamente, na preservação e manutenção dos espaços verdes. É com satisfação que levamos a herança desta árvore centenária a vários locais do nosso concelho, valorizando assim o património de Viseu”, referiu o Vereador do Ambiente.
De referir que "a árvore que caiu, há um ano de forma natural, tinha uma idade estimada de 350 a 400 anos, um perímetro de base do tronco de 6 metros, um perímetro à altura do peito de 5,4 metros, uma altura de 30 metros, um diâmetro médio de copa de 16,20 metros e uma cavidade profunda e extensa que imprimia uma singularidade única ao exemplar que importa perpetuar", refere a autarquia de Viseu.

Local
Município de Mangualde promove sensibilização e alerta sobre o tráfico de seres humanos (com áudio)

O tráfico de seres humanos é o tema das duas sessões de sensibilização que o município de Mangualde promove esta quarta-feira (24 de novembro). Uma iniciativa que surge no âmbito da cooperação entre a autarquia e o projeto Saúde em Português “Mercadoria Humana 4”.
A ação pretende dotar as pessoas de informação relativa ao "modus operandi" do tráfico de seres humanos, sensibilizando-as para as diversas formas de exploração e de recrutamento, a fim de prevenir a sua vitimação.
As sessões de sensibilização centram-se em diversos objetivos específicos, tais como: Interpretação do conceito de tráfico de seres humanos; Reconhecimento do caráter criminoso do tráfico de seres humanos;  Promoção da consciencialização e reconhecimento do fenómeno de modo a prevenir o aliciamento; Identificar fatores de risco associados ao aliciamento de vítimas, sinais de alerta e indicadores da prática deste crime, tendo em vista a prevenção da vitimação; Saber como atuar e quem contactar em caso de possível situação de tráfico.

Maria José Coelho, vereadora de ação social na autarquia de Mangualde, explica que o tráfico de seres humanos deve ser uma preocupação de toda a sociedade.
A primeira ação de sensibilização sobre tráfico de seres humanos decorre esta quarta-feira pelas 11h00, no auditório da Câmara Municipal. A segunda sessão tem lugar no edifício da COAPE, no 2.º andar, a partir das 14h30.

PROGRAMA:

O Tráfico de Seres Humanos como uma violação de Direitos Humanos

  • A experiência de vitimação - Casos práticos de situações de Tráfico de Seres Humanos e notícias ilustrativas desta realidade.

Recrutamento – TSH para fins de exploração laboral

  • Os setores profissionais de maior risco para a prática de Tráfico de Seres Humanos;
  • Anúncios de jornais – sinais de alerta no momento de recrutamento;
  • Entrevista de emprego – sinais de alerta no momento de recrutamento;
  • Recomendações: como agir antes de aceitar uma proposta de emprego em Portugal e no estrangeiro.

Estruturas de apoio e meios de denúncia

Local
EUROPE DIRECT Viseu Dão Lafões disponibiliza uma exposição sobre

No âmbito da "EUROPE DIRECT WEEK", o EUROPE DIRECT Viseu Dão Lafões promoveu, esta terça-feira, dia 23 de novembro, a Sessão de Abertura da Exposição “Economia Europeia ”.
Desenvolvida por estudantes da Licenciatura de Economia da Universidade de Aveiro, a mostra, conduz os visitantes através de um roteiro onde marcam presença os grandes temas e desafios com que o projeto de construção europeu se depara. Entre outros apontamentos, merecem destaque a "Bazuca Europeia", a "Neutralidade Carbónica" ou a "Transição Climática". 
Com a "EUROPE DIRECT WEEK", que se prolonga até sexta-feira, dia 26 de novembro, o EUROPE DIRECT Viseu Dão Lafões procura dinamizar, por todo o território de Viseu Dão Lafões e de Aveiro, um conjunto de atividades relacionadas com a União Europeia. 
Assim, esta semana europeia será ainda pautada pela criação de um "Espaço Europa", em cada uma das bibliotecas que constituem a Rede Intermunicipal de Bibliotecas Viseu Dão Lafões (RIBVDL). Espaços estes, que vão facilitar, aos cidadãos dos 14 municípios que constituem esta rede, o acesso, na sua biblioteca municipal, a conteúdos e material relativo a diversas temáticas de âmbito europeu. 
Já no site www.europedirect.cimvdl.pt , até sexta-feira, está disponível o "Espaço Aberto", uma plataforma online onde os todos os cidadãos são convidados deixar o seu contributo para a Conferência sobre o Futuro da Europa.
Segundo o Presidente da CIM Viseu Dão Lafões, Fernando Ruas, a exposição é "extremamente importante, na medida em que há um desconhecimento muito grande, por parte dos cidadãos, do que é a União Europeia, esta exposição é uma forma muito eficaz de dar a conhecer aqueles que são os grandes temas da União Europeia."
Também de acordo o Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho, a iniciativa "EUROPE DIRECT WEEK", "procura envolver e consciencializar a comunidade local relativamente aos grandes temas e instituições da União Europeia. Se num primeiro momento, através do Open Day, convidámos a população a conhecer este espaço dedicado à divulgação do projeto europeu, num segundo momento, promovemos a aproximação dos temas europeus ao nosso território, tanto em formato físico, através desta exposição e do "Espaço Europa", como nas plataformas digitais, ao convidar os cidadãos a tomarem parte no debate sobre o futuro da Europa".
Por último, a Professora de Economia Europeia da Universidade de Aveiro, Marta Dias, referiu que "a colaboração que se tem vindo a desenvolver entre a Universidade de Aveiro e o EUROPE DIRECT Viseu Dão Lafões tem sido muito positiva, tendo contribuído para a aproximação, não só, dos alunos universitários, mas também dos cidadãos, aos grandes temas europeus".

Local
Santa Comba Dão: apreensão de armamento no âmbito de um processo de violência doméstica

A GNR apreendeu duas armas de fogo e diversas munições, no âmbito de um processo de violência doméstica, no concelho de Santa Comba Dão.
Os militares deslocaram-se ao local onde apuraram que o agressor, de 60 anos, ameaçou de morte a companheira de 37 anos, através do telemóvel.  No decorrer da ação foi efetuada uma busca domiciliária que culminou com a apreensão de duas caçadeiras, 258 cartuchos, dez munições e três cartucheiras.
Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Santa Comba Dão.

Local
Vouzela: Planalto Beirão e Câmara Municipal entregam compostor doméstico à Escola Profissional

A Câmara Municipal de Vouzela e a Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão (AMRPB) vão entregar um compostor doméstico à Escola Profissional de Vouzela, esta quarta-feira, dia 24 de novembro, pelas 15h00.
A iniciativa resulta de uma candidatura da AMRPB ao programa "Biobairros - da Terra à Terra", financiado pelo Fundo Ambiental, que pretende disponibilizar aos municípios financiamento para a implementação de soluções de separação e reciclagem na origem. Decorrente desta candidatura, a autarquia de Vouzela foi contemplada com a atribuição de 19 compostores domésticos. O primeiro será cedido à Escola Profissional e os restantes serão entregues à população.
Segundo a Câmara Municipal de Vouzela, "é mais um passo no sentido da redução de produção de lixo e consequentemente uma maior sustentabilidade ambiental, objetivos preconizados pela autarquia de Vouzela no âmbito do seu processo de certificação de sustentabilidade em curso".

Local
Contrato PRR prevê 1,2 milhões para intervenção no Museu de Lamego

No âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) foram assinados, em Lamego, os contratos interadministrativos de cooperação para a intervenção prevista no Museu de Lamego, Na cerimónia estiveram a Ministra da Cultura, Graça Fonseca, e a secretária de Estado Adjunta e do Património Cultural, Ângela Ferreira.
No total, será alocada uma verba superior a 1,2 milhões de euros para a requalificação e colocação de internet “wi-fi” no Museu de Lamego e no Convento de Santo António de Ferreirim, que integra a Rede de Monumentos do Vale do Varosa.
Estes espaços estão entre os museus, monumentos e palácios identificados como de intervenção prioritária no âmbito das verbas do PRR. As intervenções têm início no primeiro trimestre de 2023.
Francisco Lopes, Presidente da Câmara Municipal de Lamego, sublinhou que “tem sido notável o trabalho de requalificação realizado em Lamego nas últimas duas décadas com vista à vivenciação dos seus espaços patrimoniais e para aproveitamento turístico. Embora o PRR tenha sido feito sem grande auscultação às entidades regionais e aos municípios, acreditamos que os projetos previstos são os melhores e os valores vão ser corretamente aplicados”.
O autarca acrescentou, no entanto, que o património local tem ainda “algumas lacunas” que poderão ser valorizados no âmbito do PRR ou do próximo quadro comunitário, solicitando, por isso, que sejam contempladas no futuro as requalificações da Igreja de Santa Cruz, da Capela de Nossa Senhora dos Meninos, da Capela da Esperança e do Santuário e Mata dos Remédios.
No Museu de Lamego, a intervenção prevista compreende a renovação das condições infraestruturais, com a reabilitação de coberturas e fachadas, instalação de sistema de climatização e revisão de equipamentos elétricos, telecomunicações e segurança, arranjos exteriores e melhoria efetiva das condições de acessibilidade de todo o equipamento, além da instalação da rede wifi.

Local
Mangualde: CPCJ promove workshops sobre combate ao insucesso e abandono escolar

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Mangualde (CPCJ) em parceria com o Agrupamento de Escolas de Mangualde e os 5 Sentidos - Espaço de Reabilitação e Intervenção Psicoeducacional, promovem entre esta terça e quinta-feira (23 a 25 de novembro), na Escola Gomes Eanes de Azurara, os Learnlabs “A viagem do EGA”. Estes workshops têm como público alvo os alunos dos 5º e 7º anos e abordam a importância da transição de ciclo e combate ao insucesso e abandono escolar.
A atividades está inserida na operacionalização do Plano Local de Promoção e Proteção das Crianças e Jovens de Mangualde que tem como missão contribuir para a planificação, execução, monitorização e melhoria da ação na área infanto-juvenil do território na promoção dos direitos e proteção das crianças e jovens. Segundo a autarquia mangualdense, a iniciativa tem como visão constituir-se como um instrumento de referência na defesa desses mesmos direitos, numa relação convergente de todos os agentes comunitários no fomento, preferencialmente, de soluções de cariz preventivo.

Local
Mangualde associou-se à campanha nacional 'Estendal de Direitos'

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Mangualde, em colaboração com o Município de Mangualde e com o Agrupamento de Escolas de Mangualde, associou-se à Campanha Nacional “Estendal dos Direitos”. 
Uma iniciativa promovida pela Comissão Nacional de Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças e Jovens, inserida na Comemoração do aniversário da adoção da Convenção sobre os Direitos da Criança (CDC) por parte das Nações Unidas, celebrada a 20 de novembro.

A Convenção sobre os Direitos da Criança é um documento que expressa um vasto conjunto de direitos fundamentais de todas as crianças, não só civis e políticos, mas também económicos, sociais e culturais. 

Segundo a autarquia de Mangualde, a iniciativa "teve um balanço claramente positivo, onde os objetivos desta ação saíram reforçados".

Local
Frio e neve marcam esta semana na região do Interior (com áudio)

Tempo frio, chuva e queda de neve nos locais mais altos é o cenário previsto para os próximos dias na região do Interior.
A meteorologista Cristina Simões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) deixa-nos a previsão do tempo.

Local
São João da Pesqueira: homem detido por tráfico de droga

Por tráfico de droga, um homem de 39 anos foi detido no concelho de São João da Pesqueira.
No âmbito de uma denúncia, os militares encetaram diligências, que culminaram na localização e abordagem ao suspeito, estando na posse de 80 doses de haxixe.
Segundo a GNR, o homem tem antecedentes criminais, tendo já cumprido pena de prisão efetiva pelo mesmo tipo de crime.

Local
Viseu: PSP deteve homem por injúrias e coação

Por injuriar agentes da PSP de Viseu e coação ao funcionário de um café, um homem de 24 anos foi detido. Segundo a polícia, o indivíduo estava a perturbar o funcionamento do estabelecimento comercial após se deslocarem ao local verificaram que o detido estava com um comportamento alterado.
Ao abordarem o homem, o mesmo adotou, segundo a PSP, uma postura agressiva e injuriosa com os polícias, recusando-se a abandonar o local. Perante a situação, o indivíduo foi detido.

Local
Volkswagen Kombi reforça coleção do Museu do Caramulo

O Museu do Caramulo viu a colecção permanente de automóveis reforçada pela Volkswagen Kombi (T2b) de 1975 que esteve ao serviço da companhia de seguros “A Mundial” na Base Militar Americana das Lages.
Denominada de Kombi, Samba, Microbus, Camper ou Bulli, dependendo do país importador, foi o segundo modelo produzido pela marca logo depois do famoso Type 1, mais conhecido como
“Carocha”. Este exemplar pertence à segunda geração do modelo lançado a 8 de Março de 1950, foi produzido a partir de 1967, terminando o seu ciclo de produção em 1979.
"É seguramente o veículo comercial que mais tempo esteve em produção nas suas múltiplas configurações, tendo as últimas 1200 unidades a nível mundial sido produzidas recentemente no
Brasil, no ano de 2013, pondo fim a um ciclo de 63 anos de história de produção industrial do modelo", refere o museu.
Com um motor traseiro refrigerado a ar e uma capacidade de carga standard de 960 kg, chegando aos 1000 kg de capacidade quando retirados os bancos traseiros, cumpria o seu desígnio de veículo capaz de desempenhar múltiplas funções, neste caso, o de ambulância, que esteve ao serviço da companhia de seguros “A Mundial” nos Açores.

Local
CIM Viseu Dão Lafões desenvolve ações práticas de capacitação e credenciação em fogo controlado

A Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, através da Unidade de Ambiente e Proteção Civil Intermunicipal, no âmbito do projeto europeu LIFE Landscape Fire Project, está a desenvolver sessões práticas de capacitação e credenciação de Técnicos de Fogo Controlado e de Operacionais de Queima.  
As sessões práticas que tiveram início nos dias 17 e 18 de novembro, junto da localidade de Ameixiosa, na União de Freguesias de Covas do Rio e S. Martinho das Moitas (concelho de São Pedro do Sul), pretendem dotar os agentes de proteção civil do território de ferramentas que lhes permitam realizar planos de fogo controlado e executar técnicas de ignição para queima prescrita, bem como a posterior avaliação dos impactes da queima. 
Estas ações de capacitação são dirigidas aos formandos do curso Técnico de Fogo Controlado (25 formandos - técnicos da CIM, técnicos dos municípios e elementos da UEPS (GNR)) estando também presentes alguns dos formandos do curso de Operacionais de Queima (16 formandos das corporações de Bombeiros Voluntários e Bombeiros Sapadores de Viseu e Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Paiva).
De referir que o fogo controlado "é uma importante" ferramenta da Silvicultura Preventiva, que consiste no uso do fogo sob condições, normas e procedimentos previamente definidos. Esta ferramenta permite, em comparação com as outras técnicas de gestão da vegetação, alcançar diversos objetivos: silvícolas, silvopastoris, cinegéticos e ecológicos. Surge com relevante importância para a prevenção de incêndios, diminuindo a área percorrida anualmente por estes com a manutenção de cargas de combustíveis florestais abaixo de níveis críticos.
De acordo com o Presidente da CIM Viseu Dão Lafões, Fernando Ruas, “esta proposta de capacitação de técnicos de fogo controlado, assume grande importância no âmbito da proteção civil intermunicipal, pois permite dotar a região de recursos humanos e técnicos extremamente importantes para o reforço da nossa capacidade de prevenção e combate ao flagelo dos incêndios rurais.” 
“Com esta iniciativa, a CIM Viseu Dão Lafões dá mostras do seu empenho no reforço da resiliência do território”, concluiu o Presidente da CIM Viseu Dão Lafões. 

Local
Município de Vouzela promove campanha de recolha de bens alimentares

Até dia 07 dezembro, em Vouzela, decorre a campanha de recolha de bens alimentares promovida pela autarquia local.
A ação solidária reverte a favor das famílias mais carenciadas do concelho, sinalizadas pelos serviços de Ação Social da câmara.
"Os donativos podem ser entregues no Gabinete de Educação e Ação Sociale nas escolas do concelho", refere a autarquia.
A campanha termina no dia 07 de dezembro e é "mais uma resposta social da autarquia face às dificuldades monetárias que algumas famílias do concelho vivem atualmente".

Local
Mangualde: atas das reuniões de câmara disponíveis na íntegra no site do munícipio (com áudio)

As atas das reuniões de câmara, em Mangualde, passam a ser disponibilizadas na íntegra no site da autarquia. A decisão do atual executivo. liderado pelo PS, pretende uma maior proximidade com os munícipes, como  explica o presidente da autarquia, Marco Almeida. 
Outra alteração decidida pelo atual executivo é o dia das reuniões. Deixa de acontecer às segundas para as quintas-feiras, de 15 em 15 dias.

Local
Mangualde: Stellantis exige mais medidas ao Governo para compensar aumento da eletricidade e gás

A fábrica da Stellantis em Mangualde, antiga PSA, registou um disparo do preço da eletricidade e do gás natural este ano e alerta que está a perder rentabilidade e competitividade face a automóveis produzidos noutros mercados.
Na eletricidade houve um aumento de 73% do custo entre janeiro e setembro deste ano face a período homólogo, “sendo que só no mês de setembro o aumento foi de 161%. Se formos mais abrangentes, por exemplo, o custo do gás teve um aumento de 40%”, disse ao Jornal Económico (JE) fonte da fábrica.
A empresa alerta que o “aumento do valor de custo das energias tem um impacto muito significativo nos custos diretos da produção dos nossos veículos. A consequência direta é a perda de rentabilidade e competitividade”.
A Stellantis, segundo o JE,  aponta mesmo que no caso da eletricidade “os apoios a empresas nacionais são muito menores (nulos) em relação a outros países. Portugal é o 2º país da Europa continental em que o preço da eletricidade é mais elevada (cerca de 15% acima da média). Toda esta situação coloca-nos em desvantagem competitiva”.
Olhando para mercados fora da União Europeia, mercados low cost e ultra low cost, os “custos destas energias são claramente mais favoráveis e os apoios para financiamento são mais relevantes”.
A produtora automóvel defende que as “entidades públicas devem contribuir para enfrentar este problema. À semelhança das medidas colocadas em práticas noutros países (exemplo de Espanha), o Governo deveria incentivar ao autoconsumo, através de ajudas públicas. Para além do que já foi anunciado sobre a descida das tarifas de acesso às redes, estas poderiam ser mais acentuadas (impostos indiretos da eletricidade)”.
Analisando as medidas anunciadas pelo Governo para a indústria no valor de 135 milhões para reduzir os preços para os clientes industriais, a que se junta uma descida de 13% nas tarifas de acesso à rede, a fabricante automóvel de Mangualde considera-as insuficientes destacando que “estas medidas apenas representam uma baixa de cerca de 5% do custo em setembro de 2021”.
“O elevado custo da eletricidade em Portugal é uma das bandeiras do grupo Stellantis e já alertámos as entidades públicas para este problema diversas vezes. Como é evidente, em 2021, devido ao contexto de crise atual, esse custo teve ainda maior impacto na nossa exploração, no entanto estamos confiantes, das melhores e novas medidas que o Governo Português possa tomar. É um problema muito sério que tem de ser resolvido rapidamente, pois, caso contrário, a competitividade da nossa empresa fica em causa, afetando diretamente o PIB nacional português”, alerta a empresa liderada por Carlos Tavares.
A fábrica da Stellantis produzi os modelos Peugeot Partner/Rifter, Citroen Berlingo/Berlingo Van e Opel Combo/Combo furgão e emprega cerca de 900 trabalhadores.

 

Local
Petição recolhe assinaturas contra a exploração de lítio na região de Viseu

 O presidente da associação Ambiente em Zonas Uraníferas (AZU) disse esta terça-feira (09 de novembro) à agência Lusa que já há “milhares de assinaturas” numa petição contra a prospeção e exploração de lítio na região de Viseu.
“É uma petição para dizer não. As pessoas não querem que seja pesquisado, prospetado e muito menos explorado o lítio e outros minerais, porque isto é pescar à linha, tudo o que vier à rede é peixe e o nosso abaixo-assinado é nesse sentido”, explicou António Minhoto.
“Queremos o máximo de assinaturas, claro, e já temos umas largas centenas, julgo que até milhares. O abaixo-assinado está a ter uma boa aceitação e queremos continuar a recolher até ao próximo dia 10 de dezembro, quer junto dos cidadãos, como também de responsáveis”, afirmou.
Para isso, António Minhoto disse que “a AZU pediu audiências aos autarcas de Viseu, Nelas, Mangualde e Carregal do Sal, tudo áreas envolvidas no distrito de Viseu, para que também eles lancem protestos e recolhas de assinaturas”.
Este responsável explicou que tem vindo a desenvolver várias ações de esclarecimento e recolha de assinaturas nos concelhos que fazem parte do mapa em consulta pública que “o Governo lançou à má-fé, porque foi durante a campanha eleitoral autárquica e nem os autarcas sabiam”.
A petição está a circular na internet, mas, “como há muitas pessoas sem acesso”, estas associações vão “continuar junto das populações até dia 10 de dezembro”.
Está também a ser organizado “um debate com vários técnicos ligados à área para maiores esclarecimentos”.
Do mapa em consulta pública, continuou, constam os concelhos de “Viseu, Nelas, Mangualde, Seia, Penalva do Castelo, Pinhel, Guarda, numa área de cerca de 2,5 mil quilómetros quadrados que vão ser muito afetados” em caso de avanço da prospeção.
“Toda esta região acabava com toda a sustentabilidade ambiental e desenvolvimento, nomeadamente na área ligada à pastorícia, agricultura, até o turismo. E, por isso, não seria desenvolvimento, mas sim destruição”, apontou.

 

Local
Associações ambientais sensibilizam população de Viseu contra exploração de lítio (com áudio)

Contra a exploração de lítio na região, a AZU, Associação de Zonas Uraníferas, em parceria com o Movimento contra a Mineração na Beira Serra e a Associação Olho Vivo, promoveram esta manhã de terça-feira (09 de novembro), junto à feira semanal de Viseu, uma ação de luta.
António Minhoto, presidente da AZU, fala dos objetivos do protesto e acrescenta que é importante a envolvência dos autarcas neste tema.

 

Local
A Academia STEM Mangualde participou no Evento Nacional do 'Science on Stage'

A Academi@ STEM Mangualde participou no fim de semana, dias 6 e 7 de novembro, no Evento Nacional do “Science on Stage”, que decorreu na Escola Frei Gonçalo de Azevedo, em Cascais. O “Science on Stage” é uma rede europeia destinada a promover o intercâmbio de ideias inovadoras e boas-práticas entre professores de Ciências dos ensinos básico e secundário, bem como professores do primeiro ciclo e educadores do pré-escolar, fornecendo uma plataforma ampla de debate que destaca a importância da ciência e tecnologia nas escolas e na sociedade em geral.
"A Academi@ STEM Mangualde apresentou o que de melhor se faz em Mangualde a uma diversidade de professores oriundos de vários pontos do país. O feedback foi excelente, todos felicitaram o projeto pela inovação que traz para a educação, sobretudo por se tratar do trabalhar o currículo de forma articulada", explica a autarquia mangualdense.
A Academi@ STEM Mangualde convida todos a consultar e a conhecer um pouco melhor o trabalho desenvolvido a partir do site www.academiastemmangualde.pt, com a esperança que este projeto possa servir de inspiração para que outras Academias "floresçam" pelo país.

Local
Sol na região de Viseu para cumprir a tradição do 'verão de S. Martinho' (com áudio)

Tempo seco e frio é o cenário previsto para esta semana na região de Viseu, pelo menos até domingo (14 de novembro). É o verão de S. Martinho a não faltar à tradição.
A previsão do tempo com a meteorologista Patrícia Gomes do Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

 

 

Local
Santa Comba Dão: antigo autarca e mais oito arguidos condenados a penas de prisão suspensa

O antigo presidente da Câmara Municipal de Santa Comba Dão, João Lourenço, e mais oito arguidos foram esta segunda-feira (08 de novembro) condenados a penas de prisão suspensas por estarem envolvidos num esquema em que fundos comunitários foram usados para obras já feitas.
O juiz disse que se provou “tudo o que estava em causa no processo”, que, além de João Lourenço, envolve engenheiros civis e um arquiteto da Câmara de Santa Comba Dão, o presidente do conselho de administração da Embeiral, António Carlos Lemos, e engenheiros civis desta empresa.
O processo refere-se a concursos públicos relacionados com a requalificação de estradas e de centros históricos das freguesias, tendo os arguidos sido condenados pelos crimes de prevaricação de titular de cargo público, fraude na obtenção de subsídios e falsificação de documentos.
A João Lourenço – que foi presidente da autarquia entre 2005 e 2013 - o Tribunal de Viseu aplicou uma pena de prisão de sete anos, que foi suspensa por se ter confirmado que sofre da doença de Alzheimer.
Os restantes arguidos foram condenados a penas de prisão suspensas, que variam entre os cinco e os três anos. A Embeiral foi também condenada a 450 dias de multa, o que totaliza 157.500 euros.
Mesmo tendo o julgamento chegado ao fim, o juiz admitiu que “dificilmente se sabe que obras foram feitas” com as quantias referidas no processo, se já foram todas pagas ou se estão por pagar. O juiz frisou que os crimes cometidos são graves, referindo que “em causa está a própria economia, a verdade dos negócios, a contratação pública, a boa-fé e a concorrência”.
“É uma vergonha para todos os autarcas honestos que temos no país”, considerou, acrescentando que é também uma vergonha para Santa Comba Dão e para Portugal. O juiz afirmou que a Câmara de Santa Comba Dão “ainda tem ações em tribunal por causa disto” e que, em última análise, serão os contribuintes portugueses, e os munícipes de Santa Comba Dão em particular, que terão de pagar os custos.

 

Local
Lamego: selo comemorativo celebra 141 anos da Escola Secundária Latino Coelho

A Escola Secundária de Latino Coelho, em Lamego, celebrou esta segunda-feira (08 de novembro) o 141º aniversário, enquanto instituição de educação e formação, com a apresentação pública de um selo postal comemorativo desta efeméride, concebido pela aluna Sara Teixeira do curso de "Artes Visuais". O selo é apadrinhado pelos CTT e terá circulação nacional até final do próximo ano.
Na intervenção que proferiu no encerramento da sessão, o Presidente da Câmara Municipal de Lamego, Francisco Lopes, sublinhou a importância da qualificação dos recursos humanos que "apenas pode ser obtida na escola como modo de assegurar a nossa qualidade de vida". "Quero deixar publicamente o compromisso do Município de Lamego de colaborar com o Agrupamento de Escolas Latino Coelho para o estabelecimento de um relacionamento profícuo na área infraestrutural e também no programa educativo, estimulando ao mesmo tempo uma relação umbilical com todos os intervenientes neste processo: alunos, professores, pais e funcionários", afirmou.
Francisco Lopes recordou ainda a importância das obras de requalificação e modernização realizadas recentemente neste estabelecimento de ensino, num investimento de quatro milhões de euros, com o objetivo de responder às novas exigências educativas e melhorar a vivência diária de muitas centenas de alunos.
O programa de comemorações do 141º aniversário da Escola Secundária de Latino Coelho decorre até ao próximo sábado, dia 13 de novembro.

Local
Rota Dão e Petiscos de regresso em mais de 60 restaurantes da região

Com o objetivo de valorizar os estabelecimentos da região demarcada do Dão, promover a gastronomia e o vinho do Dão a Rota Dão & Petiscos está de regresso para a segunda edição. A iniciativa da Comissão Vitivínicola Regional (CVR) do Dão está a realizar-se em mais de 60 restaurantes aderentes da região até dia 30 de novembro. Assim, cada ponto de venda aderente está a promover um menu composto por um petisco à escolha e um copo de vinho do Dão por 4,50 euros.
“Esta iniciativa aconteceu pela primeira vez no ano passado, de forma a promover os vinhos e a restauração num ano atípico, uma vez que o canal horeca é muito importante para os produtores. A Rota Dão & Petiscos foi um sucesso e, por isso, passou a fazer parte do nosso calendário de ações para promover os vinhos do Dão”, explica o Presidente da CVR do Dão, Arlindo Cunha.
"Esta iniciativa é ideal para quem não resiste a um petisco harmonizado com um vinho da região e quem aderir ainda pode ganhar prémios, tal como aconteceu no ano passado", refere a CVR Dão.
Para os clientes que se quiserem habilitar a ganhar têm de partilhar uma fotografia do menu e do copo no Facebook ou Instagram com a hashtag #vinhosdodao e o nome do estabelecimento fica imediatamente habilitado ao sorteio dos seguintes prémios: 1º estadia para duas pessoas, em regime de meia pensão no Hotel Quinta do Medronheiro e três garrafas de vinho Dão; 2º almoço ou jantar, para duas pessoas, no restaurante Mesa de Lemos - galardoado com uma Estrela Michelin em Viseu - e três garrafas de vinho do Dão; 3º seis garrafas de vinho do Dão. Os três prémios serão entregues às fotografias com maior número de gostos entre as duas redes sociais.

A CVR Dão está a promover esta iniciativa em parceria com a AHRESP (Associação da hotelaria, restauração e similares de Portugal), a Cave Lusa e a Viseu Marca.
A lista de restaurantes aderentes pode ser consultada no site cvrdao.pt/rotadaopetiscos.

Local
Mangualde: Motoclube disponibiliza albergue para motociclistas e peregrinos (com áudio)

O Motoclube de Mangualde já tem disponível um albergue a pensar nos motociclistas e peregrinos que passam pelo concelho.
Localizado nas novas instalações da associação, no antigo colégio, o albergue era uma ideia antiga, como contou à Dão Digital o presidente do motoclube, Fernando Santos.
No arranque do projeto, o albergue tem capacidade para acolher cerca de 25 pessoas, mas o objetivo passa por aumentar o espaço. A inauguração aconteceu no fim-de-semana (06 de novembro) na presença do presidente da Câmara Municipal de Mangualde. Marco Almeida enalteceu o trabalho feito pelo Moto Clube de Mangualde, lembrando a concentração motard que em condições normais trazem a Mangualde entre 1000 a 1500 visitantes.
O autarca relembrou ainda a parte mais solidária do Moto Clube de Mangualde, quando se associam ou promovem ações solidárias em prol da comunidade. “É com enorme gosto que inauguramos as novas instalações do Moto Clube de Mangualde, traz dignidade a uma associação que representa muito bem o nosso concelho de norte a sul de Portugal e além-fronteiras”, disse o autarca.

Local
S. João da Pesqueira: seis turmas em isolamento devido à Covid-19

Três turmas do Centro escolar de Trevões, no concelho de S. João da Pesqueira, estão em isolamento profilático, assim como duas turmas do Centro escolar de Paredes da Beira e uma do segundo ciclo do Agrupamento de Escolas de S. João da Pesqueira. No total são seis turmas do concelho em isolamento devido ao surgimento de casos de Covid-19 na comunidade escolar.
Segundo a autarquia de S.João da Pesqueira o isolamento decorre até dia 16 deste mês e a Autoridade de Saúde vai fazer nova ronda de testes por uma questão de precaução.
"A autoridade de Saúde é a única entidade a quem compete determinar medidas de isolamento profilático ou encerramento de turmas", refere a Cãmara Municipal, acrescentando que a Autoridade de Saúde "está a articular todas as medidas necessárias com a direção do Agrupamento de Escolas de S. João da Pesqueira".
"A Câmara Municipal acompanha a situação prestando à autoridade de Saúde, ao Agrupamento e às famílias todo o apoio necessário", sublinha.

 

Local
De passagem por Mangualde, a ministra da agricultura anunciou vários apoios para o setor (com áudio)

Nos últimos seis anos, o concelho de Mangualde beneficiou de milhões de euros em apoios à agricultura. Os números foram dados a conhecer pela ministra da agricultura, Maria do Céu Antunes, numa passagem pela Quinta dos Monteirinhos.
A produção de vinho é uma das apostas da Quinta dos Monteirinhos, em Moimenta de Maceira Dão, propriedade de Miguel Ginestal, antigo deputado socialista na Assembleia da República. Um projeto que, segundo a governante, e à semelhança de outros são uma mais valia para a região e para o país.
Quanto a apoios ao setor primário, a ministra da agricultura deu a conhecer alguns que avançam ainda até ao final deste ano.
E com um novo ciclo de investimento à porta, Maria do Céu Antunes, pretende, no futuro, uma agricultura mais competitiva.
A convite da COAPE, a ministra visitou também, durante o fim-de-semana, várias explorações agrícolas de frutos vermelhos na freguesia de Espinho.
Para Marco Almeida, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, esta visita foi muito importante para o concelho de Mangualde. “É um setor que terá uma forte aposta por parte do Município nos próximos anos e a vinda da senhora Ministra da Agricultura ao nosso concelho é um sinal claro de que temos bons projetos, bons empresários, um futuro promissor no setor primário”, referiu o autarca. 

Local
Carregal do Sal: escola encerrada até quarta-feira devido a casos de Covid-19

A Escola Básica Nuno Álvares, em Carregal do Sal, está encerrada até quarta-feira (10 de novembro), após terem sido detetados dois casos de infeção por Covid-19 em duas funcionárias.
Segundo o presidente da Câmara, “a escola foi mandada fechar pelo delegado de saúde, porque duas funcionárias da cozinha estão infetadas e, como todas as crianças da escola tiveram contacto com as duas senhoras, estão todas em vigilância passiva”.
Paulo Catalino acrescenta ainda que, apesar dos alunos não irem à escola, “os docentes e não docentes estão a trabalhar e há também uma turma que está a ter aulas, uma vez que não teve contacto” com as funcionárias.
“É uma turma do segundo ano que estava em casa, devido a um caso positivo na turma. E, como estavam em isolamento, acabaram por não ter contacto agora com estas duas assistentes operacionais”, explicou.
“Uma outra gestão que tivemos de fazer foi a das refeições, uma vez que é dali, daquele centro educativo, que saem as refeições para todo o Agrupamento [de Carregal do Sal] e ainda para uma de Cabanas de Viriato”, contou.
Assim, “foi reorganizada toda uma logística da cozinha para poder fazer chegar as refeições a todos os alunos que beneficiam delas” no concelho.
“Também articulámos com os presidentes das juntas de freguesia para disponibilizarem espaços para dar apoio às famílias que estão em vigilância passiva de forma a ajudar os pais que trabalham”, continuou.

 

Local
Viseu: município apoia alunos do Ensino Superior com bolsas de estudo

O Município de Viseu voltou a abrir candidaturas para bolsas de estudo para estudantes do Ensino Superior. O valor ronda os 50 mil euros, com o objetivo de apoiar as várias candidaturas "que cumpram os critérios definidos no regulamento".
“As bolsas de estudo representam um grande apoio a várias famílias para que os seus filhos possam prosseguir os estudos para o Ensino Superior”, refere o presidente da Câmara Municipal de Viseu, Fernando Ruas.
"A respetiva atribuição implica que os estudantes em causa ingressem no Ensino Superior para a obtenção de grau de licenciado ou mestrado integrado", explica a autarquia. Para a submissão, este ano totalmente em formato digital, é necessário apresentar um atestado de residência, o certificado de matrícula, a declaração e nota de liquidação do IRS e o Cartão de Cidadão. A candidatura pode ser formalizada até dia 15 de novembro, numa plataforma própria, através de link disponibilizado em www.cm-viseu.pt e www.viseu-educa.pt.
"O processo de atribuição de bolsas de estudo demonstra que o município pretende estar atento às dificuldades que os jovens e as famílias têm”, afirma o presidente da Câmara.
A atribuição das bolsas implica que o agregado familiar resida há, pelo menos, três anos no concelho de Viseu e que os estudantes em causa ingressem ou frequentem estabelecimentos de Ensino Superior no território nacional, para obtenção do grau académico de licenciado. Os Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTeSP) estão, para já, excluídos deste apoio.

Local
Viseu: Trabalhos no ex-IP5 condicionam trânsito durante três dias

Entre quinta e sexta-feira (27 a 29 de outubro), o trânsito no antigo IP5 vai estar condicionado na zona de Viseu, durante o dia, devido ao desmantelamento dos pórticos de sinalização. Em comunicado de imprensa a Infraestruturas de Portugal (IP) explica que "por forma a garantir a segurança dos utilizadores da via e dos trabalhadores em obra, torna-se necessário proceder ao condicionamento do trânsito, com a circulação a processar-se de forma alternada à passagem no local da intervenção”.
Neste sentido, a IP agendou o início dos trabalhos para as 08h30 sendo que, na quinta-feira, se realizam no nó de Figueiró (km 81,5), na quinta-feira será no nó de São Pedro do Sul (km 88,5) e, na sexta-feira, no nó do Sátão (km 93,5).
“A zona de trabalhos e respetivos condicionamentos encontram-se devidamente sinalizados e terão acompanhamento das autoridades policiais no local”, refere a IP, apelando à “melhor compreensão para os eventuais transtornos que este condicionamento temporário possa provocar”.

Local
Tribunal de Viseu adia leitura de acórdão de presidente da Câmara de Tondela

O Tribunal de Viseu adiou, esta sexta-feira (22 de outubro), a leitura do acórdão relativo ao caso que envolve o presidente da Câmara de Tondela, José António Jesus (PSD), acusado de ter recebido pagamentos indevidos por deslocações em viaturas próprias.
A leitura do acórdão "foi adiada por motivos de saúde da juiz presidente do coletivo", disse uma fonte do tribunal.
Nos próximos dias, "será designada nova data" para essa diligência, acrescentou.

 

Local
Covid-19: três turmas da Escola Ana de Castro Osório, em Mangualde, em isolamento (com áudio)

Três turmas da Escola Ana de Castro Osório, em Mangualde, e dois professores estão em isolamento profilático, depois de três alunos e uma professora terem testado positivo ao novo coronavírus.
O diretor do Agrupamento de Escolas de Mangualde, Agnelo Figueiredo, faz o ponto de situação.
Os três alunos e a professora infetados regressam à escola no início de novembro. O diretor do agrupamento apela calma à comunidade escolar.
Também nas Piscinas Municipais estão quatro turmas de crianças e uma de adultos em isolamento, depois de na quarta-feira (20 de outubro) um professor de natação ter testado positivo.
Na quinta-feira, a Câmara Municipal de Mangualde deu conta de 21 novos casos de Covid-19, no concelho, relativamente às últimas 24 horas. Esta sexta-feira surgiram mais seis infetados.
Nesta altura, no concelho, há 29 casos ativos.

Local
Mangualde: feira promove a adoção animal, este sábado (com áudio)

Este sábado (23 de outubro) decorre em Mangualde a ”Feira de adoção” de animais de companhia. São cães provenientes do CROI (Centro de recolha oficial intermunicipal de animais de companhia, localizado no concelho de Sátão.
Um serviço intermunicipal que abrange os concelhos de Mangualde, Sátão, Penalva do Castelo e Aguiar da Beira.
O objetivo passa por sensibilizar a população para a adoção, como explica Rui Costa, vereador na autarquia de Mangualde.
Rui Costa considera que é necessária uma maior aposta na sensibilização para a adoção de animais.
A iniciativa tem lugar em frente ao edifício da Câmara Municipal entre as 14h30 e as 17h30. Segundo a autarquia, o animal adotado é entregue gratuitamente esterilizado, vacinado e identificado com microship.

Local
Mangualde: Universidade Sénior reabre esta sexta-feira

Arranca esta tarde de sexta-feira (22 de outubro) mais um ano letivo na Universidade Sénior do Rotary Clube de Mangualde. Ao longo dos próximos meses dezenas de alunos sénior vão frequentar cerca de 15 disciplinas.
Para o presidente do Rotary Clube de Mangualde, Luis Fraga, a Universidade Sénior é uma mais valia.
Segundo o diretor da Universidade Sénior, João Carlos Alves, o arranque fica marcado com uma cerimónia de homenagem.

Local
'Conferência Murganheira' regressa a Lamego

À quinta edição, a "Conferência Murganheira" vai reunir na cidade de Lamego dois oradores: o professor Gaspar Martins Pereira e o arquiteto Manuel Ferreira. 
Mais uma vez, Manuel Sobrinho Simões, médico e diretor do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular e Celular da Universidade do Porto (IPATIMUP) é o moderador convidado desta conferência. Desta vez, terá ao seu lado, na moderação, o médico psiquiatra Júlio Machado Vaz. "DOURO - Passado, Presente e Futuro" é o tema escolhido para as intervenções deste ano.

Aberta à participação do público em geral, a "Conferência Murganheira" decorre no Teatro Ribeiro Conceição, no sábado, dia 23 de outubro, a partir das 16h00.

Local
Caramulo: 'Museu na rua' regressa no sábado

Depois da primeira edição em maio deste ano, a iniciativa do Museu do Caramulo, O Museu na Rua, regressa no este sábado, dia 23 de outubro. A atividade permite ao público,segundo o museu, "a rara oportunidade de ver, ouvir, cheirar e até passear no lugar de passageiro nas máquinas cheias de história que fazem parte do acervo do Museu do Caramulo, naquilo que será uma verdadeira viagem no tempo".
Entre os veículos estão o Minerva 20HP “Torpedo” (1923), descoberto por João de Lacerda num sucateiro e restaurado totalmente nas oficinas do Museu do Caramulo, o Mercedes-Benz 770 Grosser (1938), o automóvel blindado utilizado por Salazar por ocasião da visita oficial do Generalíssimo Franco, o Alfa Romeo Giulietta Spider Veloce (1961), o Jaguar E-Type 4.2 OTS (1965), ou o Simca Rallye 2 (1973).
As duas rodas também marcam presença na iniciativa, com destaque para a Honda NR750 (1992), "modelo que pelas suas notáveis e raras especificações é hoje um objecto de culto muito raro, encontrando-se praticamente só em museus".
Para tirar partido desta experiência única e memorável, os visitantes necessitam apenas de adquirir um voucher, cujo valor simbólico reverte na totalidade para a manutenção e conservação da
colecção do Museu do Caramulo.

Local
Covid-19: casos aumentam no concelho de Mangualde

A autarquia de Mangualde deu conta que nas últimas 24 horas, 21 novos casos de Covid 19 surgiram no concelho. Segundo informações são surtos verificados nas Piscinas Municipais, onde na quarta-feira (20 de outubro) houve a informação de um professor de natação infetado. Outro surto surgiu na Escola Ana de Castro Osório, onde três turmas estão em isolamento.
Já nas Piscinas Municipais estão quatro turmas de crianças e uma de adultos também em isolamento.

Local
Tarouca: Duas pessoas detidas por tráfico de droga

Por tráfico de droga, um homem de 39 anos e uma mulher de 43 foram detidos pela GNR no concelho de Tarouca, no âmbito de uma investigação que decorria há cerca de um ano.
Os militares da GNR realizaram diversas buscas e apreenderam 92 doses de canábis, quatro doses de heroína, cinco plantas de canábis, dois telemóveis, 25 euros e uma balança de precisão.

Local
Vila Nova de Paiva: 'Histórias de Susto' na noite de Halloween

"Histórias de Susto" é a proposta apresentada pelo Município de Vila Nova de Paiva, através da Biblioteca Municipal Aquilino Ribeiro, para a comemoração da noite de Halloween, no próximo dia 31 de outubro.
A atividade destinada a crianças entre os 6 e os 10 anos, engloba um desfile de fantasias, uma hora do conto, o jogo "Doçura ou Travessura" e a Orquestra "Terribilis Horribilis".
As inscrições são limitadas, até 28 de outubro, no Centro de Documentação do Auditório Municipal Carlos Paredes,

Local
Cáritas Diocesana de Viseu implementa o programa 'Bairros Saudáveis' no bairro social de Paradinha

A Cáritas Diocesana de Viseu viu aprovada a candidatura ao programa “Bairros Saudáveis” que irá ser implementado no Bairro Social de Paradinha até maio do próximo ano.
Segundo a Cáritas, o bairro de Paradinha cumpre alguns dos critérios de elegibilidade definidos pelo Regulamento do Programa, nomeadamente condições de habitabilidade deficientes ou precárias, número significativo de moradores com rendimentos baixos ou muito baixos, número significativo de crianças e jovens em idade escolar a não frequentar a escola ou com elevada percentagem de insucesso e número significativo de pessoas em situação de exclusão social, isolamento ou abandono.
“Assim, propusemos um projeto que engloba ações integradas para uma dotação financeira de 50 mil euros com o objetivo de promover redes comunitárias e de vizinhança, através da educação ambiental e do desenvolvimento de competências sociais”, explica.
Serão trabalhadas as áreas do eixo social, eixo ambiental, intervenções de qualificação do espaço público e/ou comum, melhoria da limpeza urbana e ações de educação ambiental.
Ao nível das atividades a desenvolver com os participantes do projeto, a Cáritas Diocesana de Viseu propõe um ateliê de carpintaria, a criação e manutenção de uma Horta Indoor e a criação de um espaço exterior de compostagem.
A Cáritas Diocesana de Viseu, enquanto instituição promotora, convidou entidades parceiras para a execução do projeto, nomeadamente, a Câmara Municipal de Viseu, a Junta de Freguesia de Repeses e São Salvador, o ACES Dão-Lafões, e o Grupo Informal de Moradores do Bairro Social de Paradinha.

Local
Vouzela: Universidade Sénior reabre no dia 07 de novembro

Até ao dia 29 de outubro, estão abertas as inscrições para a Universidade Sénior de Vouzela, ano letivo 2021/ 2022. As inscrições podem ser realizadas no edifício da Universidade Sénior, entre as 9h30 e as 12h30 e à tarde das 14h30 às16h30.
Segundo a autarquia de Vouzela, as vagas serão atribuídas por ordem de inscrição, sendo dada prioridade aos alunos matriculados no ano letivo anterior.
A sessão de abertura está marcada para o dia 07 de novembro (domingo), pelas 9h30, no Auditório Municipal de Vouzela.

Local
Penalva do Castelo vai ter uma plataforma online de promoção da maçã Bravo de Esmolfe (com áudio)

Em Penalva do Castelo está a ser criada uma plataforma online de promoção da maçã Bravo de Esmolfe. Um projeto do Centro Estratégico de Inovação Territorial (CEIT). Segundo Cristóvão Monteiro, presidente executivo do CEIT, o projeto nasce da "necessidade de afirmar uma marca territorial forte que permita relançar o produto, bem como os atores que gravitam ao seu redor".
"Esta maçã é uma verdadeira “vitamina” e um fruto cada vez mais procurado, nomeadamente pelos segmentos de saúde e bem-estar. As suas propriedades benéficas são únicas e estão demonstradas em estudos científicos de diferentes áreas da medicina", explica.
O objetivo passa por criar uma autêntica plataforma de cooperação que alavanque a economia local e regional através da promoção dos produtores, comerciantes e restantes elementos da cadeia de valor da maçã Bravo de Esmolfe.
"Este projeto pretende não só ajudar a promover o produto, mas também alavancar a atividade turística por via da valorização do território, da sua cultura e das suas gentes", acrescenta. A
nova marca e respetiva plataforma online já estão em desenvolvimento e devem ser apresentadas em 2022.
 

Local
Jornadas Técnicas Internacionais de Resíduos e Encontro de Engenharia Sanitária e Ambiental no IPV

A Associação Portuguesa de Engenharia Sanitária e Ambiental promove, entre esta quinta-feira e sábado (21 a 23 de outubro), o 19.º Encontro de Engenharia Sanitária e Ambiental e as 12as Jornadas Técnicas Internacionais de Resíduos. Pela primeira vez as duas ações juntam-se num único evento.
Estão previstas sessões plenárias sobre temas como “A Neutralidade Carbónica e a Transição Energética nos Serviços de Águas e Resíduos”, “A Resiliência dos Serviços de Águas e Resíduos em Contexto de Crise Sanitária”, “A Inovação nos Serviços de Águas e Resíduos”, “Serviços de Águas e Resíduos: Uma Ponte Com Outros Setores de Atividade” e “O Papel dos Engenheiros no Desenvolvimento Sustentável”.
O programa inclui ainda apresentações onde serão discutidos os desenvolvimentos técnicos, as inovações científicas e as opções tecnológicas no setor da Engenharia Sanitária e Ambiental. Está ainda prevista uma exposição técnica durante todo o evento, e uma sessão dedicada à divulgação de soluções Técnico-comerciais.
O 19.º Encontro de Engenharia Sanitária e Ambiental e as 12as Jornadas Técnicas Internacionais de Resíduos decorrem no Instituto Politécnico de Viseu.

Local
Covid-19: professor de natação das piscinas de Mangualde está infetado

Um professor de natação das Piscinas Municipais de Mangualde testou positivo à Covid-19. Segundo a autarquia mangualdense, a última vez que o professor contactou com os alunos foi no passado sábado, dia 16 de outubro, tendo, "a partir dessa data ficado em isolamento profilático".
"A situação foi de imediato comunicada à Saúde Pública, através da Delegada de Saúde que, após análise cuidada das circunstâncias, determinou que todos os alunos que contactaram sem máscara com o professor iniciassem de imediato isolamento profilático ficando os encarregados de educação a aguardar contacto posterior", explica o munícipio acrescentando que todos os técnicos superiores de desporto foram, esta quarta-feira, dia 20 de outubro, submetidos a testes à COVID-19 (testes antigénio com zaragatoa registados no SINAVE), "dando todos negativos".
Assim, "as aulas de natação das Piscinas Municipais vão continuar a decorrer com toda a normalidade". A autarquia de Mangualde apela a todos os utilizadores daquelas instalações para continuarem a cumprir com as normas da DGS, nomeadamente a recomendação do uso de máscara até ao início de cada uma das atividades e ao reforço das medidas de higienização.

Local
Jornadas da CPCJ de Mangualde aborda o direito de brincar e a responsabilidade da comunidade

A mudança constante que o mundo está a ser alvo, implica com o direito de brincar das crianças.
A ideia é defendida por Carlos Neto, investigador na Faculdade de Motricidade Humana da Universidade Técnica de Lisboa, que esta quarta-feira (20 de outubro) participou na 1ª Jornada da CPCJ de Mangualde.
Segundo o investigador, o défice de brincadeira nas crianças leva a um desenvolvimento mais limitado.
Outro dos oradores das jornadas da CPCJ de Mangualde foi Élio Ferreira, coordenador da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens da região Centro que falou da responsabilidade da comunidade nos direitos das crianças.

 

Local
Mangualde: colisão provoca um ferido

Um ferido ligeiro foi o resultado de uma colisão ocorrida ao final da manhã desta quarta-feira (20 de outubro), em Chãs de Tavares, no concelho de Mangualde, no antigo IP5, no sentido Guarda/Mangualde.
A colisão deu-se entre duas viaturas ligeiras e obrigou ao corte da via. No local estiveram os bombeiros de Mangualde e a GNR com 15 operacionais apoiados por sete viaturas.
O ferido ligeiro foi encaminhado para o hospital de Viseu.

Local
Tondela: autarquia atribui bolsas de estudo a alunos do ensino superior

Os alunos do concelho de Tondela, que frequentam o Ensino Superior e que se encontram em situação socioecónomica difícil, podem candidatar-se às Bolsas de Estudo atribuídas pelo Município até ao próximo dia 15 de novembro.
"A Câmara Municipal de Tondela tem reforçado o investimento em matéria de educação, com uma medida que é direcionada a jovens estudantes do concelho, com o objetivo de promover a igualdade de oportunidades de acesso ao ensino, incentivando-os a prosseguir os estudos para além do ensino secundário", refere a autarquia.
Podem candidatar-se à bolsa "todos os alunos que demonstrem empenho e dedicação no seu percurso letivo e que, simultaneamente, apresentem uma situação socioeconómica com baixo rendimento per capita. Como fator de majoração será, ainda, dada prioridade às famílias mais numerosas".
O acesso à candidatura faz-se através do preenchimento de um formulário próprio existente no site do município, que deverá ser entregue no Gabinete de Educação ou enviada por e-mail para educacao@cm-tondela.pt, juntamente com a documentação solicitada no respetivo regulamento.

Local
CPCJ de Mangualde aborda o burnout parental na primeira jornada da instituição (com áudio)

O burnout parental foi um dos temas abordados esta manhã de quarta-feira (20 d eoutubro) na 1ª Jornada da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Mangualde.
Ana Gomes, psicóloga clínica falou do tema que afeta muitos pais e cuidadores de crianças e jovens e que acaba por se refletir nos mais novos.
A psicóloga clínica alerta para a necessidade da deteção e acompanhamento especializado do problema.
Ana Gomes diz ainda que o burnout parental aumentou e ficou a ser mais conhecido durante a pandemia.

Local
Tondela: remoção de coberturas com amianto de Escola Básica está terminada

Os trabalhos de remoção de coberturas e outras estruturas em fibrocimento contendo amianto na Escola Básica de Tondela já estão terminados.
Segundo a autarquia tondelense, a retirada deste tipo de material vem decorrendo ainda em outras duas escolas do concelho.
"Os trabalhos na Escola Básica de Campo de Besteiros encontram-se praticamente concluídos, enquanto que na Escola Básica da Lajeosa do Dão continuam em curso", refere a Câmara Municipal. Os trabalhos foram entregues a duas empresas, no seguimento de concurso público, sendo o investimento total de cerca de 350 mil euros.

Local
Vouzela: programa alimentar 'Os Super Saudáveis' decorre nas escolas do 1º ciclo do concelho

"Os Super Saudáveis" é um programa de Educação Alimentar que arrancou na segunda-feira, dia 18 de outubro, no Agrupamento de Escolas de Vouzela.
Dirigido às crianças do 1º ciclo do Ensino Básico, a iniciativa é promovida pela Liga Portuguesa contra o Cancro em parceria com os agrupamentos de escolas do concelho de Vouzela e a Câmara Municipal.
"Inicialmente cada criança recebe uma caderneta explicativa (um passaporte) e um conjunto de cinco cartas. Estas cartas iniciais correspondem a alimentos que as crianças conhecem: água, azeite, batata, ovo e cenoura. As restantes 10 cartas serão entregues ao ritmo de duas cartas semanais cada semana, de acordo com uma calendarização prévia. No total, cada criança irá colecionar 15 cartas que representam 15 alimentos saudáveis - "Os Super Saudáveis"", explicou Raquel Ferreira, diretora do Agrupamento de Escolas de Vouzela, na sessão de apresentação.
O programa decorre durante cinco semanas, sendo que um almoço e um lanche por semana serão acompanhados de um alimento com um poder super saudável. Com a ingestão desses alimentos, na escola serão entregues as respetivas cartas. Assim, ao almoço, uma vez por semana, será servido um alimento na escola e uma vez por semana será pedido aos pais para prepararem um lanche para a escola que inclua outro alimento saudável.
"Pretendemos com este projeto fomentar hábitos alimentares mais saudáveis nas crianças, envolvendo os alunos e as famílias na definição de ementas que privilegiem escolhas alimentares mais adequadas do ponto de vista nutricional", concluiu.
Congratulando-se com as parcerias envolvidas no programa, o vereador com o pelouro da Educação, Carlos Oliveira, realçou a importância do projeto e o desafio que encerra na sensibilização das crianças, famílias e escola para a promoção de hábitos de vida saudáveis e de uma alimentação equilibrada.
O programa envolve 170 alunos do Agrupamento de Escolas de Vouzela e 96 do Agrupamento de Escolas de Vouzela e Campia.

Local
Chuva regressa à região na quarta-feira (com áudio)

Na região de Viseu, depois do sol que se faz sentir nesta terça-feira, a chuva vai regressar na quarta-feira (20 de outubro) acompanhada de uma descida dos valores da temperatura.
A previsão do tempo para esta semana é dada a co nhecer pela meteorologista Cristina Simões. 

Local
Caminho Português de Santiago Interior entre Viseu e Chaves foi certificado pelo Governo

O Governo certificou o Caminho Português de Santiago Interior, que se estende de Viseu a Chaves em território nacional, no âmbito de um trabalho de reconhecimento e preservação do património cultural e natural.
A portaria que certifica este caminho foi assinada pelas secretárias de Estado do Turismo, Rita Marques, e Adjunta e do Património Cultural, Ângela Ferreira.
O Caminho Português de Santiago Interior contempla uma extensão de 214 quilómetros e guia os peregrinos por oito municípios, desde Viseu, Castro Daire, Lamego, Peso da Régua, Santa Marta de Penaguião, Vila Real, Vila Pouca de Aguiar a Chaves.
Já em Espanha, segue por Verim e liga, posteriormente, à Via da Prata, e finalmente a Santiago de Compostela.
Os Caminhos de Santiago, que atravessam Portugal de sul para norte, são seguidos pelos peregrinos há séculos e têm como destino a Catedral de Santiago de Compostela, em Espanha.
“Os Caminhos de Santiago são de uma grande importância pois contribuem para a diversificação da nossa oferta turística e ajudam a desenvolver a atividade do turismo ao longo de todo o ano e por todo o território nacional, dois objetivos estratégicos que temos inscritos na nossa Estratégia de Turismo (ET) 2027”, afirmou Rita Marques, citada num comunicado conjunto das duas secretarias de Estado.
Para Ângela Ferreira, “este trabalho vem, uma vez mais, demonstrar o lugar cimeiro do património cultural, reflexo da história na sua dimensão de encontro, diálogo e diversidade e, simultaneamente, rica em cooperação no interior do território e no que projeta para o mundo e, em particular, para a experiência do património europeu”.
“Seguimos, por isso, com muito empenho, a certificação deste segundo itinerário do Caminho Português de Santiago, aos quais esperamos que outros se juntem a breve prazo”, acrescentou a secretária de Estado do Turismo.

Local
Estrelacoop promove encontro com produtores de queijo e queijarias da região centro

 A EstrelaCoop está a promover dois encontros com produtores de leite e queijarias para sensibilização, partilha de conhecimento e boas práticas, durante o mês de outubro. O primeiro decorre na quarta-feira, dia 20 de outubro, no Centro Cultural, em Celorico da Beira e o segundo na quinta-feira, dia 21 de outubro, no CISE – Centro de Interpretação da Serra da Estrela em Seia. A participação é gratuita e a entrada é livre.
“O objetivo primordial é promover o aumento de Queijarias produtoras de Queijo Serra da Estrela DOP e o aumento de produtores de leite para a produção de Queijo Serra da Estrela DOP, assim como a sensibilização das boas práticas para atingir um produto de qualidade e excelência”, explica a EstrelaCoop que defende que esta iniciativa vem dar um contributo não só para “enriquecer o conhecimento dos produtores no setor do leite”, mas também para “entender o comportamento do queijo” e “perceber o contexto da legislação em vigor”. 
Com o objetivo de desenvolver um trabalho de proximidade com os produtores e queijarias, a EstrelaCoop promove dois encontros, com o mesmo programa. Ambos arrancam às 9h30 com a sessão de abertura. Moderado por Célia Silva, da direção da EstrelaCoop, contará com as intervenções de Carlos Ascensão, Presidente da Câmara Municipal de Celorico da Beira e Luciano Ribeiro, Presidente da Câmara Municipal de Seia. Este primeiro painel conta, ainda, com as comunicações de Joaquim Lé de Matos, Presidente da EstrelaCoop e Manuel Marques, Presidente da ANCOSE.
Às 10h00, Célia Henriques, técnica da EstrelaCoop, irá apresentar “os Requisitos para a DOP no Queijo Serra da Estrela”. Às 10h30, a sessão estará a cargo de Miguel Miranda, veterinário da ANCOSE, com o tema “Qualidade Higiénico/Sanidade do Leite”.  Os “Fatores que Condicionam a Qualidade do Queijo Serra da Estrela” será outra das matérias em cima da mesa, pela voz de Nuno Alvarenga, às 11h00. No encontro, em cima da mesa, estão, ainda mais dois temas: Às 11h30 um representante da DGAV irá falar sobre o “Controlo Oficial nas Queijarias/Produção Primária do Leite” e às 12h00, Paulo Moreira, do Grupo O Valor do Tempo, falará do “Queijo Serra da Estrela e Valorização no Turismo Gastronómico”.  A sessão termina com um espaço de debate.
Esta é uma ação que decorre no âmbito do Programa de Valorização da Fileira do Queijo da Região Centro, Financiado pelo Centro 2020, Portugal 2020 e União Europeia através do FEDER

Local
Covid-19: Mangualde regista mais uma morte e mais oito novos casos

O concelho de Mangualde regista mais uma morte associada à Covid-19. A informação foi avançada pela autarquia mangualdense que dá conta de mais oito novos casos da infeção pelo novo coronavírus no concelho.Há também a registar, segundo a Câmara Municipal, mais nove doentes recuperados.
Nesta altura há, no concelho de Mangualde, sete casos ativos. No total e desde março de 2020, Mangualde tem o registo de 1571 pessoas diagnosticadas com a doença, sendo que 1535 recuperaram e 29 pessoas morreram com patologias associadas à Covid-19.
O Município de Mangualde reforça, junto da população, reforça que deve manter o cumprimento das normas preventivas divulgadas pela Direção-Geral da Saúde, nomeadamente o uso de máscara, lavar as mãos regularmente, manter o distanciamento social e arejar bem os espaços privados e de acesso público.

Local
A exposição 'O futuro é amanhã' regressa às escolas da região Viseu Dão Lafões

Esta segunda-feira, dia 18 de outubro, na Escola D. Luís de Loureiro, do Agrupamento de Escolas Infante D. Henrique, em Viseu, teve lugar a sessão de abertura da exposição itinerante “O futuro é amanhã!”, que marca o reinício da itinerância da exposição pela região. Ao longo deste novo ano letivo a exposição vai percorrer a região Viseu Dão Lafões, ficando uma semana em cada Agrupamento de Escolas.
"Para além dos módulos temáticos já conhecidos, este ano letivo, a exposição apresenta, como novidade, uma Bancada Móvel das Ciências onde os alunos poderão levar a cabo diversas experiências,refere a Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões.

Local
Viseu: um homem tentou agredir, ameaçou e injuriou elementos da PSP

Por tentativa de agressão, ameaças e injúrias a agentes da PSP, um homem de 32 anos foi detido em Viseu.
Após a denúncia de um indivíduo estar a perturbar o normal funcionamento de um estabelecimento de restauração e bebidas, a PSP deslocou-se ao local, tendo vindo a interceptar o suspeito que, segundo as autoridades, estava bastante alterado. "Ao ser abordado, e com uma postura agressiva recusou-se a identificar, injuriou, ameaçou e tentou agredir os polícias", atitudes que, como refere a PSP em comunicado, manteve durante a ocorrência "pelo que lhe foi dada voz de detenção".

Local
'Crianças e Jovens, o Direito a Ser Feliz' é o tema da I Jornada da CPCJ de Mangualde (com áudio)

Cerca de 40 crianças e jovens estão a ser acompanhados pela Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Mangualde. A pensar nessas crianças e jovens a decorre esta quarta-feira (20 de outubro), a “I Jornada Anual da CPCJ Mangualde”, intitulada de “Crianças e Jovens – O Direito a Ser Feliz”. 
Fernando Espinha, presidente da CPCJ de Mangualde fala dos objetivos da iniciativa e do trabalho desenvolvido.
A “I Jornada Anual da CPCJ Mangualde” acontece no Auditório da Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves, entre as 9h30 e as 17h00.

9h30 – Abertura Secretariado

10h00 – Sessão de Abertura

               - Presidente da CPCJ de Mangualde

-  Presidente da Câmara Municipal de Mangualde

10h15 – “Burnout Parental e os Direitos das Crianças”

- Drª Ana Gomes – Psicóloga Clínica e co-Fundadora do Projeto “Pais a Bordo”

11h15 – Pausa para Café

11h30 – “O direito ao brincar num mundo em mudança” 

- Prof. Carlos Neto - Investigador da Faculdade de Motricidade Humana da Universidade Técnica de Lisboa

Moderador: Drª Tatiana Louro – Psicóloga Clínica

12h30 – Debate

14h30 – Mesa Redonda “O Sistema Educacional   a situação de Mangualde”:

                - Presidente da Câmara Municipal de Mangualde

                - Diretor Agrupamento de Escolas de Mangualde

                - Presidente da Associação de Pais de Mangualde

                 - Presidente da Associação de Estudantes da Escola Secundária Drª Felismina   

                  Alcântara

Moderador: Dr. José Miguel Sousa – Diretor do Centro de Formação Edufor Mangualde

15h30 - “A Responsabilidade da Comunidade na Promoção dos Direitos da Criança”

- Dr. Hélio Bento Ferreira – Coordenador da Equipa Técnica Regional do Centro

16h30 – Debate

17h00 – Encerramento

- Dr. Fernando Espinha – Presidente da CPCJ de Mangualde

Local
Cinfães: homem detido para cumprimento de pena de prisão efetiva

O Comando Territorial de Viseu, através do Posto Territorial de Cinfães deu cumprimento a um mandado de detenção de um homem de 57 anos, no concelho de Cinfães.
Segundo a GNR, recentemente, no decorrer de uma ação de patrulhamento, os militares da reconheceram o indivíduo que se colocou em fuga. "Foram encetadas diligências policiais no sentido de detetar o suspeito que andava foragido à justiça há cerca de um ano". O homem foi no dia 15 de outubro, localizado e intercetado por duas patrulhas quando se deslocava da Barragem de Carrapatelo em direção a Marco de Canaveses, tendo sido dado cumprimento ao mandado de detenção para cumprimento de pena de prisão efetiva de dois anos e seis meses por tráfico de droga.
O detido foi conduzido ao Estabelecimento Prisional de Vila Real.

Local
Viseu: meia centena de pessoas saiu à rua contra aumento dos combustíveis

Cerca de meia centena de pessoas manifestaram-se este domingo (17 de outubro), em Viseu, contra os sucessivos aumentos do preço dos combustíveis, criticando o “assalto fiscal” de que estão a ser alvo os portugueses.
“Mãos ao alto, isto é um assalto”, gritaram os manifestantes.
Ao som de cornetas e com faixas nas mãos a exigir “combustível mais barato” e “menos impostos, mais mobilidade”, as cerca de 50 pessoas – algumas das quais levando no rosto uma máscara do primeiro-ministro, António Costa - caminharam pela Avenida da Europa para mostrar a indignação.
Uma das manifestantes disse aos jornalistas que já não aguentava ficar sentada no sofá “a ver o crescimento dos impostos em catadupa”, sem que haja uma “perspetiva de crescimento económico” de Portugal.
“Apenas estão a sustentar-se em impostos e mais impostos para nos levar à pobreza”, lamentou, lembrando que, numa zona do país como Viseu, em que os transportes públicos “são muito deficitários”, quem precisa “trabalhar para conseguir sustentar a família tem mesmo que se deslocar numa viatura própria”.
Do mesmo se queixou outro manifestante, que vive em Viseu e trabalha em Tondela. “Quem se desloca todos os dias cerca de 30 quilómetros para ir trabalhar, corresponde a quase 200 euros de gasóleo, em que só 120 euros são para o Estado e isso é insuportável”, frisou.
A manifestação foi convocada pelo núcleo de Viseu da Iniciativa Liberal, mas pretendeu ser apartidária, até porque “não há ninguém que fique muito agradado de 60% do preço que paga por um litro de combustível ser uma fatia para o Estado”, disse aos jornalistas o coordenador, Sérgio Figueiredo.
Na opinião de Sérgio Figueiredo, o anúncio da redução da taxa do imposto sobre produtos petrolíferos (ISP) aplicável à gasolina e ao gasóleo de pouco valeu
“Toda a gente consegue entender que aquilo de boa vontade não tem nada. Porque se fosse de boa vontade não eram dois cêntimos, nem era depois de se levantar uma onda de protestos. É atirar areia para os olhos, é tirar dois cêntimos de um lado, para depois aumentar no outro”, frisou.
Neste âmbito, depois da manifestação de domingo, poderão vir a ser marcadas outras, avisou.

Local
Três homens detidos por tráfico de droga em Santa Comba Dão e Carregal do Sal

Por tráfico de droga nos concelhos de Santa Comba Dão e Carregal do Sal, três homens com idades compreendidas entre os 24 e os 36 anos, foram detidos pela GNR.

As detenções ocorreram no âmbito de uma investigação que decorria há cerca de nove meses, na qual já tinham sido detidos dois homens no dia 28 de julho, ficando um deles em prisão preventiva.

Desta vez, os militares efetuaram diversas buscas que culminaram na detenção dos três suspeitos e na apreensão de diverso material, nomeadamente:

50 doses de cocaína, 50 doses de heroína, três balanças de precisão, sete telemóveis, um computador portátil, uma trotinete elétrica, vários cartões de cidadão furtados e diverso material de embalamento de droga.
No decorrer da operação foi ainda constituída arguida uma mulher de 24 anos pelo mesmo crime.
Depois de ouvidos em tribunal, um dos suspeitos ficou sujeito a apresentações diárias e os restantes a apresentações bissemanais às autoridades.

Local
Nelas: antigos mineiros em vigília este sábado à noite (com áudio)

Antigos mineiros da Urgeiriça e respetivas famílias manifestam-se este sábado (16 de outubro), no concelho de Nelas, contra o atraso na recuperação das habitações contaminadas com radiações.
António Minhoto, porta-voz dos ex trabalhadores, considera lamentável que as casas contaminadas continuem a ser habitadas.
Os ex-trabalhadores da Empresa Nacional de Urânio e os moradores da Urgeiriça, exigem receber o relatório sobre as 28 habitações intervencionadas no âmbito do processo de recuperação ambiental.
Para este sábado às 21h00 está prevista uma manifestação para pressionar o Governo para o acelerar do processo de descontaminação das habitações e novos protestos podem acontecer.

 

Local
SEF faz fiscalização em Viseu e outras cidades do país. Uma centena de pessoas identificadas

Uma centena de cidadãos nacionais e estrangeiros, cinco dos quais em situação irregular, foram identificados pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) numa ação de fiscalização em seis estabelecimentos de diversão noturna, em diferentes locais do país, incluindo Viseu.

O SEF refere em comunicado que a operação de fiscalização e investigação ocorreu durante a madrugada em estabelecimentos situados em Coimbra, Figueira da Foz, São João da Madeira, Leiria e Viseu.

No decurso da operação foram detetados cinco cidadãos estrangeiros em situação irregular no país, notificados para abandono voluntário, e três com relações de trabalho fictícias.

Local
Viseu: Iniciativa Liberal promove manifestação contra aumento dos combustíveis

Com o objetivo de protestar contra os sucessivos aumentos dos combustíveis, a Iniciativa Liberal (IL) promove, este domingo (17 de outubro), uma manifestação em Viseu. A iniciativa está marcada para as 10h30 no parque junto à Rotunda Cibernética e segue pela Avenida da Europa. Segundo a IL, “em breve este aumento dos combustíveis vai ter um reflexo no custo da logística de transporte e os bens essenciais serão inflacionados penalizando uma vez mais quem menos tem”. “O governo socialista gosta de criar pobreza e de penalizar com impostos quem diariamente trabalha por um Portugal melhor”, acrescenta.
A Iniciativa Liberal realça ainda que a população não deve permitir que “este assalto fiscal se mantenha”. “Exigiremos, nas ruas, uma redução drástica dos preços. Mais do que a ideologia partidária move-nos a vontade de construir um país melhor sem esbulho fiscal onde o justo valor que o contribuinte paga lhe seja devolvido em serviços, bem estar, segurança e qualidade de vida. Basta de roubo fiscal nas gasolineiras”.

Local
Há quatro anos a região ficou pintada de negro. Um 'inferno' que não é esquecido (com áudio)

Há quatro anos, no dia 15 de outubro de 2017, toda a região centro viveu momentos difíceis e trágicos com as chamas que devastaram vidas, habitações, empresas, animais e muitos hectares de floresta e terrenos agrícolas. O distrito de Viseu não foi exceção, nomeadamente concelhos como Mangualde, Nelas, Viseu, Santa Comba Dão, Tondela, Vouzela, entre outros.
Para assinalarmos a data ouvimos o comandante dos bombeiros de Nelas, concelho onde houve a registar uma vítima mortal. Guilherme Almeida recorda o dia trágico.
Passados quatro anos, o comandante dos voluntários de Nelas teme que uma situação idêntica se repita.
O mesmo receio tem o comandante dos bombeiros de Mangualde. Carlos Carvalho realça as alterações climáticas, mas também sublinha que o país está melhor preparado para enfrentar situações complicadas. Carlos Carvalho lembra também as dificuldades sentidas no concelho de Mangualde no dia 15 de outubro de 2017. No concelho as chamas, no dia 15 de outubro de 2017, consumiram floresta, terrenos agrícolas, habitações, empresas e animais. Apenas não houve vítimas mortais a registar.

Local
Viseu: Diocese acompanha caso do sacerdote que envolve mensagens de cariz sexual

A Diocese de Viseu assume que está em curso uma investigação sobre um sacerdote, na sequência de uma denúncia de que terá enviado mensagens de cariz sexual a um menor, e que decorrem os procedimentos legais por parte das autoridades civis e eclesiásticas.
“O caso anunciado nos meios de comunicação social está nas instâncias próprias e segue o percurso que o Papa Francisco e as diretrizes da CEP [Conferência Episcopal Portuguesas] indicam para estes casos”, afirma a diocese em comunicado.
“A comissão recebeu a denúncia e depois seguiram-se todos os passos e procedimentos legais para este tipo de investigações tanto por parte das autoridades civis como eclesiásticas”. explica.
O Correio da Manhã noticiou, na quarta-feira (13 de outubro), que um padre da Diocese de Viseu, de 46 anos, “está a ser investigado pelo Ministério Público por causa de mensagens impróprias, algumas de cariz sexual, que enviou a um menor de idade”.
No comunicado, a Diocese de Viseu afirma que “a vontade salvífica de Deus não exclui ninguém do seu amor” e “o menor e o adulto vulnerável são uma prioridade para a sociedade e para a Igreja”.
“A Diocese de Viseu constituiu a comissão de proteção de menores e adultos vulneráveis no mês de fevereiro de 2020. A referida comissão está a trabalhar nos casos apresentados à mesma”, refere.
Relativamente às notícias veiculadas pela comunicação social, a nota esclarece que, “tendo em conta a privacidade, confidencialidade e autodeterminação que são devidas às vítimas, a Diocese respeitará sempre as normas civis e eclesiásticas”.

Local
Segunda fase coloca 245 alunos no Politécnico de Viseu

Na segunda fase do concurso de acesso ao Ensino Superior foram colocados 245 estudantes no Instituto Politécnico de Viseu (IPV). Na fase anterior foram colocacos 872 alunos. No IPV ficam ainda 384 vagas disponíveis para a fase seguinte.
Tecnologias e Design de Multimédia é o curso com mais colocações (22), seguindo-se Educação Básica (20). Comunicação Social e Secretariado de Administração são os curso que colocam 16 alunos cada.
Sem qualquer ingressos, nesta segunda fase, surgem os cursos de Engenharia Civil, Engenharia do Ambiente, Engenharia Eletrotécnica, Engenharia Alimentar e Engenharia Zootécnica.

Local
Mangualde recebeu a ação 'Bullying, conhecer para prevenir'

O auditório da Escola Ana de Castro Osório, em Mangualde acolheu a ação "Bullying! Conhecer para Prevenir!”. Uma iniciativa da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Mangualde (CPCJ) em colaboração com o Instituto de Apoio à Criança – Pólo Coimbra (IAC), e em parceria com o Município de Mangualde e o Agrupamento de Escolas de Mangualde. 
A ação "Bullying! Conhecer para Prevenir!” está inserida na operacionalização do Plano Local de Promoção e Proteção das Crianças e Jovens de Mangualde, com o objetivo de mobilizar a comunidade contra a violência.

A iniciativa dirigiu-se a crianças do 1º ciclo e Assistentes Operacionais do Agrupamento de Escolas de Mangualde, com as temáticas dos direitos da criança e bullying – alerta e prevenção.
Os técnicos do Instituto de Apoio à Criança, Cristina Barros e José Coelho, realizaram duas sessões dirigidas a 80 alunos do 1º ciclo das escolas do concelho de Mangualde e uma sessão dirigida aos Assistentes Operacionais dos vários estabelecimentos de ensino do concelho de Mangualde.

Local
Nelas: ex-mineiros ameaçam com protesto para terem acesso a relatório das casas intervencionadas

Os antigos trabalhadores da Empresa Nacional de Urânio (ENU) e os moradores da Urgeiriça, no concelho de Nelas, exigem receber o relatório sobre as 28 habitações intervencionadas no âmbito do processo de recuperação ambiental.
Numa moção, os ex-trabalhadores e os moradores lamentam que a Empresa de Desenvolvimento Mineiro (EDM) não tenha "enviado o relatório final radiológico das 28 habitações intervencionadas, como a Associação dos Ex-Trabalhadores das Minas de Urânio (ATMU) havia solicitado, a fim de que os moradores pudessem ser devidamente informados" sobre os valores das radiações.
Na moção, é exigido "que todas as habitações já intervencionadas no âmbito da recuperação ambiental sejam precedidas do relatório final de avaliação radiológica, servindo este de declaração conforme as suas habitações se encontram com os níveis radiológicos estabelecidos pela Comissão Europeia".
Os ex-trabalhadores e os moradores querem também "que a recuperação ambiental das habitações da Urgeiriça estabelecida no protocolo entre o governo e a comissão de moradores, em 2008, tenha uma data de conclusão célere, tendo em conta a necessidade dos moradores terem direito a uma habitação saudável e a viverem numa zona descontaminada".
Caso as exigências não sejam aceites pela EMD, "os moradores, com a solidariedade dos ex-trabalhadores da ENU", prometem fazer uma vigília de protesto.

Local
ViseuNoivos decorre este fim de semana com várias ofertas

O Solar do Vinho do Dão, em Viseu, acolhe este fim de semana, dias 16 e 17 de outubro, a sétima edição da feira ViseuNoivos. Depois de não se ter realizado em 2020, pelas circunstâncias associadas à pandemia, o evento está de regresso este ano. No solar do Vinho do Dão estão presentes diversas empresas que representam o universo wedding da região.
Dos convites à lua de mel, do vestido de noiva ao fato do noivo, passando pelos penteados, alianças e anéis de noivado, animação, fotografia e vídeo, flores e decoração, espaços para o copo de água, a ViseuNoivos apresenta um vasto leque de expositores.
Este ano, a ViseuNoivos adota a temática “cinema”. Segundo a organização, o espaço apresenta "um figurino que mistura o romance e a aventura, numa clara conotação com a difícil tarefa de organizar o casamento, num ambiente repleto de glamour e totalmente seguro".
“Além de ajudar os casais a organizar o casamento de sonho, queremos que o certame seja uma importante alavanca para a retoma deste importante sector que prevê em 2022 um verdadeiro boom de casamentos”, refere a organização, a cargo da empresa BestEvents.

Local
Tondela acolhe concurso nacional de queijos portugueses (com áudio)

A ANIL, Associação Nacional dos Industriais de Lacticínios, promove esta quinta e sexta-feira, dias 14 e 15 outubro, em Tondela, a 12ª edição do Concurso de Queijos de Portugal. "Uma iniciativa que pretende dinamizar o setor queijeiro e ainda desafiar os produtores a apresentarem, para além dos seus queijos habituais, as suas novidades e inovações", refere a associação.
A organização lançou o convite a 438 empresas produtoras de queijo para que mostrem, através das 23 categorias do concurso, o que de melhor fazem. A edição deste ano conta com 204 queijos a concurso de Portugal continental e ilhas.
A diretora-geral da associação, Maria Cândida Marramaque, falou à Dão Digital e explicou que o concurso pretende dar uma maior notoriedade aos queijos produzidos no país e refere ainda que a participação no concurso ajuda os produtores a potenciar, no mercado, o queijo que produz.
A competição é realizada em regime de “prova cega”, por jurados com proveniências diversas, nomeadamente, representantes do setor queijeiro, dos organismos de controlo e certificação, de instituições de ensino, da restauração e da gastronomia, da distribuição, representantes de empresas do sector industrial e comunicação social.

Local
Sonae Capital financia central de biomassa de Mangualde com emissão 'verde' de 41 milhões de euros

A Sonae Capital vai realizar uma emissão de obrigações 'verdes' de 40,8 milhões de euros, para financiar os custos de construção da central de biomassa em Mangualde, em operação desde o ano passado. De acordo com a Sonae Capital, a emissão será feita através da Sociedade de Iniciativa e Aproveitamentos Florestais – Energia, detida pela sua subsidiária Capwatt, e conta com o BPI e o Banco de Empresas Montepio (BEM) como parceiros da operação.
A Sonae Capital refere que "a central de biomassa residual florestal de Mangualde, que começou a operar em 2020, representa um investimento de cerca de 50 milhões de euros e utiliza a melhor tecnologia disponível para produzir energia renovável a partir de biomassa florestal residual".
A central "valoriza anualmente cerca de 300 mil toneladas de biomassa florestal residual (não consome madeira virgem), promovendo a economia circular e satisfazendo a totalidade das necessidades de energia térmica da unidade industrial da Sonae Arauco na mesma localização e gerando adicionalmente 83 GWh/ano de energia renovável descentralizada", refere ainda a empresa.

Local
Fórum Viseu acolhe simulacro de incêndio

Esta quinta-feira (14 de outubro), pelas 10h00, o Forum Viseu serve de cenário para um simulacro de incêndio, seguido de um exercício de evacuação do Centro Comercial. Inserido nas Medidas de Autoproteção do Centro, as operações decorreram em toda a zona comercial, tendo como cenário fictício um incêndio numa loja.
Na resposta ao evento será acionada a intervenção de equipas internas do Forum Viseu, e o apoio de entidades externas de socorro, nomeadamente: Bombeiros Voluntários de Viseu, Corpo de Bombeiros Sapadores de Viseu, Polícia de Segurança Pública, Polícia Municipal e Cruz Vermelha Portuguesa. Na qualidade de observadores estarão ainda presentes o CDOS - Comando Distrital de Operações de Socorro e o SMPC - Serviço Municipal de Proteção Civil.
Com o objetivo de garantir o cumprimento dos procedimentos de emergência definidos no Plano de Segurança Interno, no decorrer do exercício, os acessos ao Centro Comercial e Parque de Estacionamento estarão condicionados.

Local
IP consigna último troço para modernização da Linha da Beira Alta entre Mangualde e Santa Comba Dão

O secretário de Estado das Infraestruturas (IP) sublinhou, na terça-feira (12 de outubro), a importância da consignação da empreitada do último troço de modernização da Linha da Beira Alta, entre Santa Comba Dão e Mangualde, para o transporte de mercadorias em Portugal.
“O simbolismo deste dia significa que hoje temos mesmo esta Linha da Beira Alta, todo o corredor internacional Norte, em fase de obra. Já não há dúvidas sobre o que está no terreno. Temos o grande objetivo de conclusão deste projeto até 2023 e, conseguindo hoje consignar mais este troço, mantemos a nossa expectativa de o conseguir”, disse Jorge Delgado.
Num investimento de 57,6 milhões de euros, esta obra é desenvolvida no âmbito do Programa de modernização da Rede Ferroviária Nacional, Ferrovia2020, que vai aumentar a capacidade de transporte ferroviário.
“A importância da obra é enorme porque, com este tipo de obras, vamos conseguir dinamizar de uma forma particularmente relevante todo o transporte de mercadorias em Portugal. São estes eixos, o corredor Sul e Norte, que vão permitir ampliar de uma forma enorme a capacidade de transporte de mercadoria por via ferroviária”, referiu.
A empreitada que agora tem início, envolve a requalificação integral do troço com cerca de 40 quilómetros de extensão, entre as estações ferroviárias de Santa Comba Dão e de Mangualde, dotando a via-férrea de maior capacidade operacional e melhores condições de segurança e circulação, beneficiando não só o transporte de mercadorias como também as viagens de comboio de passageiros nas ligações inter-regionais.
“Vamos poder ter comboios maiores, com 750 metros, e aumentar a capacidade do número de comboios que podem circular na Linha e vamos torná-los mais interatuáveis. Isto além da questão ambiental e da eletrificação que, no caso da Beira Alta, já existia”, disse Jorge Delgado.
O secretário de Estado das Infraestruturas, que se mostrou otimista em relação aos objetivos traçados até 2023, frisou a importância de aproveitar da melhor forma os fundos europeus.
“É fundamental do ponto de vista económico porque vai criar condições muito particulares e muito melhores para o transporte de mercadorias por via-férrea e porque vamos conseguir cumprir com as metas que temos como objetivo para 2023, não desperdiçando fundos europeus que são tão importantes não desperdiçar”, afirmou.
Com o início desta empreitada, a IP está atualmente a realizar obras de requalificação integral e modernização no valor de cerca de 300 milhões de euros, numa extensão de cerca de 190 quilómetros da Linha da Beira Alta, pertencendo 45 desses quilómetros ao troço entre Santa Comba Dão e Mangualde que foi consignado na terça-feira.

Local
Viseu acolhe encontro internacional de arqueologia do megalitismo na região Dão Lafões

O Auditório da Escola Superior de Tecnologia de Viseu acolhe entre esta quinta-feira e sábado, 14 a 16 de outubro, o encontro de “Arqueologia do Megalitismo de Viseu Dão Lafões: Investigação, Conservação, Valorização”, promovido pela Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões.
Segundo um comunicado de imprensa, a CIM procura “fomentar o debate relativo ao megalitismo enquanto motor do turismo cultural, bem como, refletir sobre a importância, para os territórios, do estudo, da preservação e da valorização destes monumentos”. 
Entre os convidados deste encontro, para além de técnicos de câmaras da região de Viseu Dão Lafões, estão também Gertrudes Branco, da Direção Regional de Cultura do Centro (DRCC) e Pedro Sobral de Carvalho, da Éon, Lda.
O encontro conta ainda com oradores de universidades portuguesas como António Faustino Carvalho (Algarve), João Carlos de Senna-Martines (Lisboa), Lara Bacelar (Coimbra) e Leonor Rocha (Évora) e de Espanha como Fernando Carrera Ramirez (Vigo), José Antonio Linares Catela e Coronada Mora Molina (Huelva), Primitiva Bueno Ramirez, Rosa Barroso Bermejo e Rodrigo de Balbin Behrmann (Alcalá de Henares).

Local
Cinfães: novo lar da Santa Casa da Misericórdia a concurso

A Santa Casa da Misericórdia de Cinfães vai ter mais um lar residencial. A obra já foi lançada a concurso público, pelo valor base superior a 1 milhão e 620 mil euros.
Este investimento, classificado como prioridade no âmbito do Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, será financiado a 85% pelos fundos comunitários.
O equipamento vai nascer, no centro da vila de Cinfães, junto ao complexo já existente da Santa Casa da Misericórdia, num terreno onde existem diversas construções que até aqui eram utilizadas como arrumos. Segundo a autarquia, terá uma capacidade máxima para 34 utentes e virá complementar a oferta já existente. De referir que, atualmente, a Santa Casa tem 50 utentes na valência de Lar, distribuídos por dois equipamentos.
Tem ainda uma Unidade de Cuidados Continuados com capacidade de 30 camas. Dá resposta a 20 pessoas no apoio ao domicílio e no âmbito do projeto cantina social, serve 1240 refeições por mês. A instituição tem também uma capacidade máxima para 51 crianças na valência de creche e é a entidade acolhedora do Contrato Local de Desenvolvimento Social Terceira Geração, designado por Projeto EIRA 3G.

Local
Mangualde: Rotary Clube retoma as visitas guiadas ao património histórico do concelho

No âmbito das visitas ao patrímónio histórico do concelho de Mangualde, promovidas pelo Rotary Clube de Mangualde, este sábado (16 de outubro) a iniciativa recomeça depois de um interregno devido à pandemia.
A visita guiada por João Carlos Alves, diretor da Universidade Sénior dos rotários mangualdenses, acontece à Igreja Matriz, também conhecida por Igreja de S. Julião.  É Monumento de Interesse Público, desde 1983. Participam na visita alunos e encarregados de educação do Agrupamento de Escolas de Mangualde, alunos da Universidade Sénior e elementos da ACAB, Associação Cultural Azurara da Beira.
O ponto de encontro é junto ao edifício da Câmara Municipal às 10h00.

Local
Penalva do Castelo: autarca realça os projetos para os últimos quatro anos de mandato (com áudio)

A poucos dias de iniciar um novo mandato à frente da autarquia de Penalva do Castelo, Francisco Carvalho faz um balanço positivo dos últimos quatro anosna liderança do concelho. O atual presidente toma posse na sexta-feira (15 de outubro) para o terceiro e último mandato possível.
A regeneração urbana da vila e a construção de Estações de Tratamento de águas Residuais foram as prioridades de Francisco Carvalho, num mandato marcado pela pandemia.
Para fechar os 12 anos à frente do concelho, Francisco Carvalho destaca algumas obras para o próximo mandato.

Local
Sernancelhe: Centro de desportos náuticos do Rio Távora inaugurado este domingo

O Centro Cultural e Desportos Náuticos do Rio Távora, que custou 244.345 mil euros, inaugurado este domingo (17 de outubro), na aldeia ribeirinha de Vila da Ponte, no concelho de Sernancelhe contou com um apoio financeiro da União de Europeia de 146.607 mil euros.
A autarquia explica que, devido à estratégia que tem seguido desde 2010, a Vila da Ponte tem atualmente "um espelho de água que garante as condições para o funcionamento de uma praia fluvial, de uma piscina flutuante (e brevemente um embarcadouro), passadiços, percursos pedestres, espaços de desportos e lúdicos".
O Centro Cultural e Desportos Náuticos surge assim "como um espaço agregador de toda esta atividade desportiva e cultural, proporcionando condições para acolher atletas, servindo de base às suas operações", e também como um espaço "aberto à população nas mais diversas ações de caráter social, cultural e desportivo".
O município realça que tem colocado em prática "uma estratégia de criação de condições que garantam qualidade de vida às populações e contribuam para o fortalecimento das comunidades nas vertentes social, cultural e económica".
Vários indicadores "confirmam a assertividade das ações e a necessidade de apoios contínuos às dinâmicas prosseguidas nas freguesias, por forma a tornar o concelho mais homogéneo e preparado para enfrentar os desafios colocados pelos novos tempos", acrescenta.
Foi neste âmbito que se realizaram as obras da ampliação do edifício do Conservatório Regional de Música de Ferreirim, também inauguradas este domingo e tiveram um custo de 83.538 euros (com um financiamento de 35.700 euros da Direção Geral das Autarquias Locais).
"Trata-se de uma associação que prossegue uma missão educativa muito importante no concelho e na região, dando formação musical a cerca de 200 alunos, e que tem atingido grande projeção nacional", justifica.

Local
Mangualde: Universidade Sénior com inscrições abertas

A Universidade Sénior do Rotary Clube de Mangualde tem as inscrições abertas para o novo ano letivo 2021/2022. Estão disponíveis estão diversas disciplinas. Segundo a organização, e para salvaguarda das regras sanitárias devido à pandemia, algumas das disciplinas terão um número limitado de inscrições admitidas.
Segundo o diretor da Universidade Sénior de Mangualde, João Carlos Alves, este ano, são várias as disciplinas disponíveis: Informática, Atelier criativo, Yoga, Literatura portuguesa, Inglês, Francês, Cantar sénior, Ginástica de manutenção, Comunicação social, Artes, Sala de pintura, Geografia de Portugal, Humana e física, História e Património, Folclore/Danças modernas, Teatro e Análise Social. 
Para mais informações e respetiva inscrição, os interessados devem dirigir-se à secretaria da União de Freguesias de Mangualde, Mesquitela e Cunha Alta.

Local
Iniciativa Liberal pede melhores condições para o Comando Distrital da PSP Viseu

O Núcleo de Viseu da Iniciativa Liberal (IL)mostra-se preocupado o que considera ser um abandono do Comando Distrital de Viseu da PSP por parte do Ministério da Administração Interna (MAI) e realça o facto da estrutura estar sem comandante distrital desde o dia 01 de Setembro.
Segundo o IL, "são recorrentes as queixas internas, algumas mesmo por parte do comando até em ocasiões comemorativas, deixando recado e apelando ao Governo o reforço de efetivos e a melhoria em viaturas e equipamento que não têm encontrado qualquer resposta positiva o que tem conduzido com as saídas para a aposentação uma cada vez maior falta de efetivos e à degradação ou inexistência de viaturas adequadas ao desempenho de missões de patrulhamento, segurança e vigilância".
"Não havendo, felizmente, um registo de situações de insegurança ou de um aumento significativo de criminalidade e apesar do distrito de Viseu se continuar a pautar por um ambiente seguro é necessário que o Governo preste maior atenção à situação que se vive com os agentes e viaturas no limite da capacidade de resposta", refere.
É importante que uma maior presença permanente de forças policiais se
faça sentir nas zonas mais críticas da cidade e muitos dos programas de
segurança próxima estão reduzidas ao estritamente possível que não o
absolutamente necessário.
O Núcleo de Viseu da Iniciativa Liberal considera que no centro histórico, na zona de Jugueiros, no mercado municipal, entre outros espaços, e "em especial durante a noite é notório a necessidade de uma maior presença dissuasora de comportamento negativos por parte dos transeuntes dessas zonas e para isso é necessário que os efetivos policiais existentes permitam organizar as escalas e rondas adequadas". "Acresce que semelhante situação se vive com o Divisão de Lamego da PSP onde a falta de efetivos, de equipamento e viaturas se faz sentir com igual intensidade", explica.
A Iniciativa Liberal solicita à tutela "uma maior atenção para o Comando Distrital de Viseu nomeando em tempo o seu novo Comandante Distrital, preenchendo os efetivos em falta e reforçando o parque automóvel ao serviço da PSP Viseu".

Local
Idoso está desaparecido, desde domingo, no concelho de Seia

Um homem de 81 anos está dado como desaparecido no concelho de Seia. O desaparecimento foi dado a conhecer às autoridades policiais no domingo (10 de outubro) à noite.
As autoridades estão a realizar buscas para tentar encontrar o idosos que desapareceu na localidade de Sazes da Beira.
O alerta terá sido dado pela esposa que, segundo as autoridades, não via o marido desde a manhã de domingo.
As autoridades pedem a quem tenha informações sobre o seu paradeiro que contate o Comando Territorial da GNR da Guarda através dos números 961195070 ou 271 210 630.

Local
Planalto Beirão com nova instalação industrial de preparação de Combustíveis Derivados de Resíduos

A Ecobeirão SA, empresa intermunicipal de tratamento dos resíduos sólidos urbanos produzidos no território dos 19 municípios do Planalto Beirão, assinou esta segunda-feira, dia 11 de outubro, na sede da Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão (AMRPB), o contrato de investimento para a construção da nova instalação industrial de preparação de Combustíveis Derivados de Resíduos (CDR).
O investimento promovido pela AMRPB, na qualidade de entidade titular das responsabilidades pela gestão dos resíduos urbanos nos 19 municípios associados, no valor de cerca de 8,5 milhões de euros, é cofinanciado pelo Fundo de Coesão da União Europeia através do Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos do Acordo de Parceria Portugal 2020.
A nova instalação industrial, que será construída no Centro de Tratamento de Resíduos Sólidos Urbanos de Tondela, vem equipar o Sistema de Gestão de Resíduos da Região do Planalto Beirão com mais uma importante valência na gestão das cerca de 140 mil toneladas anuais de resíduos urbanos, produzidas num território com mais de 6 mil quilómetros quadrados e com uma população de cerca de 350 mil habitantes. Esta instalação vai juntar-se às Centrais de Triagem de resíduos de embalagens e de papel/cartão, à Unidade de Tratamento Mecânico e Biológico, à Unidade de Confinamento Técnico (aterro sanitário) e à Estação de Tratamento de Lixividos do Centro de Tratamento de Tondela.
A instalação de uma linha de preparação de CDR vem dar uma resposta determinante ao problema originado pela chamada fração resto: o conjunto de resíduos não recicláveis que sobram das operações de tratamento e de recuperação de recicláveis desenvolvidas no Centro de Tratamento de Tondela e que, na ausência de alternativa, têm obrigatoriamente de ser confinados em aterro, com impacto no custo suportado pelos utilizadores e consequências ambientais negativas ao nível, por exemplo, da emissão de gases com efeito de estufa.
A região Centro, na qual se integra o Sistema de Gestão de Resíduos Urbanos do Planalto Beirão, produziu em 2017 mais de 439 mil toneladas de fração resto, o equivalente a 58% do total produzido a nível nacional. O Sistema do Planalto Beirão produziu em 2018 mais de 90 mil toneladas. A solução preconizada pela construção das instalações de preparação de CDR representa uma resposta dos 19 municípios do Planalto Beirão ao problema da fração resto de tratamento de resíduos, com potencial acrescido ao configurar uma solução com alcance regional.
Os produtores de resíduos da Região do Planalto Beirão pagaram em 2020 mais de 800 mil euros de Taxa de Gestão de Resíduos, na sua fatura do serviço de gestão de resíduos, pela deposição em aterro de mais de 124 mil toneladas de resíduos sólidos urbanos. Esta taxa é uma obrigação legal cujo produto reverteu em quase 70% para a Agência Portuguesa do Ambiente e para a Inspeção-Geral da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território. 
Os equipamentos desta nova infraestrutura preveem a trituração, triagem e desidratação da fração resto de resíduos urbanos processada e posterior armazenamento do CDR produzido. O projeto tem uma capacidade instalada para tratar até 50 mil toneladas anuais de fração resto e produzir um CDR com elevado valor calorífico, suscetível de aproveitamento energético, cuja utilização impactará positivamente a dependência nacional de combustíveis fósseis e a diversificação das fontes de energia.
A construção da nova infraestrutura de preparação de Combustíveis Derivados de Resíduos insere-se num conjunto de investimentos de modernização e de ampliação dos equipamentos e infraestruturas de gestão de resíduos urbanos, promovido pela Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão. Um investimento total de cerca de 35 milhões de euros, cofinanciado no quadro da política de coesão da União Europeia entre 2015 e 2023, com o objetivo de preparar a gestão de resíduos urbanos na Região do Planalto Beirão para os desafios decorrentes da adoção do Pacto Ecológico Europeu e do Plano de Ação para a Economia Circular.
 

Local
Viseu: Bloco de Esquerda contra propostas para prospeção de lítio na região

O Bloco de Esquerda (BE) de Viseu manifestou-se esta segunda-feira (11 de outubro) contra as propostas para prospeção ou exploração mineira na região que integram o Programa de Prospeção e Pesquisa de Lítio, cujo relatório de avaliação ambiental preliminar se encontra em consulta pública.
Mangualde, Nelas, Penalva do Castelo, Sátão e Viseu são os concelhos da região que constam de algumas das oito áreas do Programa de Prospeção e Pesquisa de Lítio.
Em comunicado, o BE refere que "a exploração mineira caracteriza-se pela sua finitude" e que os recursos minerais recolhidos "não são renováveis, nem requalificáveis".
"O tipo de exploração pretendida é vulgarmente conhecida como mina a céu aberto e apresenta graves impactos negativos nos ecossistemas e em toda a comunidade envolvente, contaminando o ar, solos e água e produzindo uma enorme poluição sonora", alerta.
O BE está convencido de que "a saúde das populações residentes e a biodiversidade serão certamente afetadas" e também que "será invalidada qualquer outra atividade que pressuponha a utilização de recursos naturais para consumo, sejam elas atividades agrícolas, de exploração animal, captações de água para consumo ou termas".
"Não podemos esquecer o quanto a exploração mineira nesta região, em especial na zona da Urgeiriça, afetou a saúde humana e ainda hoje há quem tenha problemas de saúde graves derivados da exploração mineira aí efetuada", lembra o BE, aludindo às minas de urânio.
Neste âmbito, a comissão coordenadora distrital de Viseu do BE opõe-se "a qualquer uma das propostas apresentadas para prospeção ou exploração mineira na região", considerando que "as carências económicas e financeiras do interior não podem servir de pretexto para sacrificar a biodiversidade e o bem-estar ambiental e humano em nome de potenciais receitas a curto prazo".
No seu entender, também não haverá vantagens ao nível da criação de postos de trabalho, porque, "no que respeita à exploração mineira, atualmente o processo é largamente mecanizado".
O BE defende que "todos os pedidos de prospeção, extração ou alargamento, independentemente da dimensão proposta, devem obrigar à realização de relatórios e estudos de impacte ambiental, que devem ser divulgados junto das populações".
A integração de coletivos ambientalistas no grupo de trabalho para o lítio e "que os processos de consulta pública sejam marcados por uma divulgação eficiente da informação dos pedidos e do seu impacte" são outras exigências.
"As atividades económicas têm de procurar ser benéficas para as populações, não só no retorno que dão com a criação de emprego e pagamento de impostos, mas também têm de ter um impacto positivo no respeito pelo meio ambiente envolvente e minimizar os impactos que sempre causam", sublinha.

Local
Sol e calor, na região de Viseu, ao longo da semana (com áudio)

O sol vai continuar a brilhar ao longo desta semana, na região de Viseu. Segundo a meteorologista Ângela Lourenço, as temperaturas também vão continuar amenas para a época.
O vento também vai continuar a fazer-se sentir.

Local
ASSOL promove oficina de velas

Na quarta-feira, dia 13 de outubro, a ASSOL vai promover uma oficina de velas, com a produção de velas artesanais tradicionais/castiçal e de diferentes formatos e cores, que podem ser utilizadas em variadas ocasiões.
A ASSOL é uma IPSS que tem como sonho dotar a região de Lafões de uma rede de apoios às pessoas com limitações decorrentes de deficiências ou doenças psiquiátricas crónicas e incapacitantes, que potencie a sua integração social e familiar que permita o recurso aos serviços quando necessários e que esses apoios possam ser tão flexíveis quanto as necessidades de cada pessoa.
O Centro de S. Pedro do Sul é um dos polos da ASSOL, que dentro dos apoios prestados e indo de encontro às solicitações das pessoas apoiadas disponibiliza algumas oficinas, nomeadamente a Oficina de Velas.

Local
Projeto da Juventude da Cruz Vermelha de Mangualde selecionado a nivel internacional (com áudio)

O projeto da Academia Jovem da Juventude da Cruz Vermelha de Mangualde integra o grupo de sete projetos que foram selecionados para integrar a primeira Academia de Inovação Juvenil da Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e Crescente Vermelho.
Para Sérgio Couto, coordenador da Juventude da Cruz Vermelha, a seleção do projeto de Mangualde é uma mais valia para a implementação da Academia Jovem.
A partir de agora, o grupo de Mangualde vai receber apoio e orientação para desenvolver as ideias.

Local
Risco elevado de incêndio para quatro concelhos do distrito de Viseu

Quatro concelhos do distrito de Viseu apresentam esta segunda-feira (11 de outubro) risco elevado de incêndio. São eles, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera: Mangualde, Penalva do Castelo, S. Pedro do Sul e Viseu. Os restantes 20 concelhos do distrito estão com risco moderado. 

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, a região vai continuar com sol e temperaturas amenas para a época.

 

Local
Vouzela assinala mês da prevenção do cancro da mama com caminhada 'Outubro Rosa'

O Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC.NRC) encontra-se a promover na Região Centro o “Outubro Rosa”, uma iniciativa de âmbito nacional que tem como objetivo principal a consciencialização para a prevenção e diagnóstico precoce do cancro da mama, nomeadamente através do Rastreio.
Em Vouzela, os voluntários da LPCC.NRC, organizam esta segunda-feira (11 de outubro) pelas 15h00, a Caminhada “Outubro Rosa”, iniciativa que decorre sob o mesmo princípio das anteriores (e recentes) caminhadas realizadas: a premissa das caminhadas livres, efetuadas de forma individual ou em pequenos grupos, sem horário marcado ou percurso definido. A participação implica, ainda, o cumprimento de todas as orientações das Autoridades de Saúde, recomendando-se a utilização de máscara, desinfeção das mãos e o distanciamento físico.
Os participantes concentram-se junto à Alameda D. Duarte de Almeida, local onde se encontra um stand “Outubro Rosa” da LPCC, com o objetivo de disponibilizar informação e materiais de sensibilização relativos ao projeto. Os participantes devem usar uma peça cor-de-rosa. 
Mais uma vez, a Liga pretende desafiar a comunidade a unir-se em torno da sensibilização e difusão da mensagem de alerta para o diagnóstico precoce e rastreio, assim como promover sinergias para aumentar o impacto do movimento “Outubro Rosa”, na Região Centro.
De referir que o Cancro da Mama, se diagnosticado e tratado precocemente, tem uma taxa de cura superior a 90%. Segundo os dados estatísticos mais recentes (Globocan, 2021), em 2020, no nosso país, estima-se que mais de 7000 mulheres tenham sido diagnosticadas com cancro da mama, lamentando-se a morte de 1800 mulheres por esta doença. Cerca de 1 em cada 100 cancros da mama desenvolvem-se no homem.

 

Local
Município de Viseu lança projeto-piloto que premeia quem mais recicla

Arrancou esta sexta-feira (08 de outubro), na freguesia de Abraveses, no Bairro de Santo Estêvão, o projeto-piloto RAYT (Receive-As-You-Throw) junto de 600 alojamentos familiares. A iniciativa pretende premiar quem faz a separação dos resíduos recicláveis, aumentar a consciência ambiental e tornar o concelho de Viseu mais sustentável.
Através de uma tecnologia inovadora em funcionamento nas três ilhas ecológicas do bairro, que controla o acesso às mesmas, os moradores da área residencial do bairro vão utilizar um cartão de acesso, pessoal e intransmissível, para conseguirem desbloqueá-las e fazerem a respetiva separação de resíduos.
A entrega do cartão será feita, durante os próximos dias, a cada habitação, através de uma deslocação porta-a-porta dos serviços municipais para a entrega de um formulário de adesão, com o respetivo cartão associado à família e com a entrega de um “ecobag”. Além disso, está assegurada esta entrega também aos clientes não-domésticos (setor do comércio).
A implementação do sistema RAYT tem por base o mote de que quanto mais o munícipe separar os seus resíduos, mais ganha. Neste caso, quantos mais resíduos recicláveis as famílias colocarem no contentor certo, mais vão ajudar o bairro a conquistar um prémio. 
O projeto foi apresentado pela presidente da Câmara Municipal de Viseu, com a ajuda de duas turmas do 4º ano da Escola Básica Rolando de Oliveira, que alertaram para a urgência de adotar comportamentos ambientalmente sustentáveis. 
“As crianças são as primeiras em casa a educar os pais e a apontar atitudes menos corretas. São o futuro da nossa comunidade pelo que fizemos questão de as envolver no lançamento deste projeto inovador e amigo do ambiente”, afirma Conceição Azevedo.

No futuro, pretende-se que o projeto "se estenda a outros bairros do concelho, de forma a abranger 420 contentores de recolha e 27 mil viseenses".
Esta é uma ação que se insere no projeto desenvolvido pela Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão e é cofinanciado pelo POSEUR, PORTUGAL 2020 e União Europeia, através do Fundo de Coesão.

Local
Petição pela requalificação da EN16 debatida na Assembleia da República

Decorreu esta sexta-feira, dia 8 de outubro, na Assembleia da República, a discussão da petição "Pela requalificação urgente da Estrada Nacional 16, entre as Termas de S. Pedro do Sul e Vouzela".
Foi reiterado, por todos os partidos com assento parlamentar, a necessidade urgente da requalificação desta via de comunicação na região de Lafões.
O Vice-Presidente do Município, Pedro Mouro, o Presidente da Assembleia Municipal de S. Pedro do Sul, Vítor Barros e o Presidente do Município de Vouzela, Rui Ladeira estiveram presentes na discussão.
Em março de 2020, a comissão para a requalificação da EN16 entregou um abaixo-assinado com mais de 4500 subscritores, alertando que esta "é uma via de grande movimento rodoviário, com circulação de muitos automóveis ligeiros e pesados e o único acesso dos aquistas do litoral ao maior centro termal da Península Ibérica, bem como de todos os outros turistas que pretendam usufruir da paisagem, da gastronomia ou das unidades de alojamento da região, que, no seu todo, constituem a maior capacidade hoteleira do distrito de Viseu".

Local
Comarca de Viseu tem falta de Funcionários Judiciais e poucas condições de trabalho (com áudio)

O Sindicato dos Funcionários Judiciais passou pelos 18 tribunais da Comarca de Viseu para ouvir os trabalhadores do setor e fazer um levantamento das lacunas.
A ronda terminou esta quinta-feira (07 de outubro). O sindicalista Luis Barros faz o ponto de situação destacando a falta de funcionários, a idade avançada dos mesmos e os equipamentos sem condições.
Luis Barros refere que os equipamentos disponibilizados pela tutela não permitem que o trabalhos dos oficiais de justiça seja célere "como é exigido".
Para além da Comarca de Viseu, a caravana da Justiça está a percorrer o país até ao final da próxima semana.  O objetivo passa por recolher informação sobre os recursos humanos, condições dos equipamentos e edifícios e sobre a vida dos oficiais de justiça.

Local
Filmes do Turismo Centro de Portugal são finalistas em competição internacional

Os filmes promocionais “No Centro de Portugal, A Vida é Agora”, do Turismo Centro de Portugal, são candidatos a melhores filmes de turismo do ano, numa votação online que decorre a nível mundial.
A série de filmes está nomeada para os “People´s Choice Awards” (prémios do público) do festival CIFFT. Esta é uma competição internacional que reúne os melhores filmes que participam no circuito mundial de festivais de filmes de turismo. Este ano, há 40 filmes na votação pelo título de Melhor Filme de Turismo do Mundo – entre eles, a série de filmes do Centro de Portugal.
O vencedor dos “People´s Choice Awards” é decidido pelos votos online, numa votação aberta até às 12h00 do dia 25 de outubro. Os vencedores serão anunciados no final do ano, no Grand Prix CIFFT, em Viena.
Os votos na série de filmes do Centro de Portugal são feitos pelo link: https://www.cifft.com/film/tourism-center-of-portugal-i-no-pain-no-gain.  Cada pessoa pode votar uma vez por dia, podendo fazê-lo também através do site e das redes sociais do Turismo Centro de Portugal.
A série de filmes “No Centro de Portugal, A Vida é Agora” surgiu como resposta à crise provocada pela pandemia de covid-19. Produzidos pela Slideshow para o Turismo Centro de Portugal, no final do ano de 2020, os filmes pretenderam posicionar a região como destino alinhado com as novas tendências turísticas. Cada episódio apresentou as mais-valias da região em vários produtos, como o turismo ativo, o turismo gastronómico e vínico, o nomadismo digital ou turismo cinematográfico, entre outros.
Todos os filmes começam com seis pessoas em reunião via plataforma digital. No final da reunião, o protagonista fecha o computador e vemo-lo em vários locais atrativos do Centro de Portugal, demonstrando que é possível, em simultâneo, trabalhar e aproveitar a vida ao máximo nesta região.
Os filmes “No Centro de Portugal, A Vida é Agora” podem ser vistos neste link: https://bit.ly/3cEUxKk.
 

Local
CIM Viseu Dão Lafões aposta em projeto de deteção e combate à vespa asiática

A Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, no âmbito do Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR), viu aprovada uma candidatura, com um investimento elegível de aproximadamente 340 mil euros, para a deteção e combate à espécie exótica invasora Vespa velutina (Vespa Asiática).  
O projeto, agora aprovado, consiste na implementação de ações dirigidas para a prevenção, vigilância e controlo da espécie sobre os ecossistemas e, em particular, sobre os serviços de polinização por eles suportados. 
Com arranque previsto para janeiro de 2022, esta operação prevê a instalação e monitorização de uma rede de armadilhas entomológicas, tendo em vista a deteção precoce da presença de exemplares ou ninhos de Vespa velutina e o acompanhamento/estudo da sua dispersão por todo o território da CIM Viseu Dão Lafões. 
Este projeto que conta com a colaboração da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra, prevê, ainda, a aquisição de equipamentos para a deteção e combate a esta espécie, incluindo armadilhas e feromonas, equipamento de proteção individual (EPI), kits de destruição de ninhos, hipsómetros e binóculos, bem como, a divulgação de procedimentos de monitorização junto de técnicos dos Gabinetes Técnicos Florestais e Serviços Municipais de Proteção Civil; Técnicos de organizações de apicultores (associações, cooperativas); de caça; de produtores florestais; Bombeiros; Sapadores Florestais; etc...
Para o Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho, a implementação deste projeto "permitirá, não só, desenvolver uma estratégia intermunicipal de combate a esta espécie invasora, mas também aumentar o nosso conhecimento (tanto de técnicos como da população) sobre os hábitos desta espécie, permitindo a adequação de comportamentos e procedimentos a adotar quando detetada a presença da Vespa Velutina". 
"Com esta iniciativa, a CIM pretende contribuir de forma direta para a mitigação dos efeitos provocados por esta espécie na atividade agrícola, bem como, para a segurança dos cidadãos e, ainda, para a minimização dos impactos sobre a biodiversidade e ecossistemas presentes nos catorze municípios da região Viseu Dão Lafões", conclui o Secretário Executivo. 

 

Local
Feira da maçã Bravo de Esmolfe reune produtores, este domingo (com áudio)

Cerca de vinte produtores de maçã participam este domingo (10 de outubro), em mais uma edição da Feira da Maçã Bravo de Esmolfe, no  concelho de Penalva do Castelo. No ano passado, devido à pandemia, o certame não foi realizado. No domingo regressa ainda que com algumas limitações, como explica Francisco Carvalho, o presidente da autarquia de Penalva do Castelo.
Para esta edição, a autarquia convidou a secretária de estado da Segurança Social. O autarca vai aproveitar para lembrar que o concelho aguarda a aprovação de algumas candidaturas.

Local
Autarquia de Tondela aposta nos Caminhos de Santiago

O município de Tondela está integrado num grupo constituído pelos concelhos de Coimbra, Penacova, Mortágua, Santa Comba Dão e Viseu que trabalham, há alguns meses, no sentido de obter a certificação do “Caminho Português de Santiago Coimbra-Viseu”, num processo liderado pela Federação Portuguesa do Caminho de Santiago.
Nestes últimos dias, a autarquia de Tondela implementou a sinalização no concelho, cujo caminho advém de Santa Comba Dão (São Joaninho) e termina em São Miguel do Outeiro, seguindo no sentido Viseu. Na generalidade, o caminho cultural de peregrinação, saído da Igreja de São Tiago em Coimbra, segue em direção a Penacova (centro) e, posteriormente, para Mortágua (centro) onde existem duas variantes (Mortágua-Rio Milheiro-São Joaninho; Mortágua-centro de Santa Comba Dão).
No concelho de Tondela, o caminho entra em Alvarim e percorre os lugares de Chancela, Outeiro de Cima e de Baixo, Dardavaz, Moitas, Adiça, Tondela, Naia, Casal do Rei, Canas de Santa Maria, Sabugosa e São Miguel do Outeiro (nas proximidades da AHPV-Centro Hípico Montebelo).
Nesta última povoação cruza-se, num pequeno troço, com o caminho de Santiago Caramulo e Vale do Vouga. Este projeto de implementação e certificação, do caminho de Santiago Coimbra-Viseu, irá decorrer nos próximos meses.

Local
'Moda Cinfães' regressa no sábado

Após um ano de interregno devido à pandemia, o desfile “Moda Cinfães” está de regresso. O evento está agendado para  o próximo sábado, dia 09 de outubro, com início às 21h30, no Jardim Serpa Pinto. O melhor do comércio local volta a mostrar-se, numa organização da Casa do F.C. do Porto de Cinfães e com o apoio do Município de Cinfães.
"Venha conhecer as propostas para a estação Outono/Inverno e apoiar o comércio tradicional local, numa noite que promete aliar a moda à música", convida a autarquia.

Local
Moimenta da Beira: 'O Homem da Nave', 2º Percurso das Caminhadas/Corridas Aquilinianas

Encontram-se abertas, até dia 22 de outubro, as inscrições para o segundo percurso das Caminhadas/Corridas Aquilinianas, desta vez denominado “O Homem da Nave”, em Moimenta da Beira.
Ao todo são seis caminhadas em seis meses (até fevereiro 2022). A atividade deste mês de outubro vai decorrer entre os dias 23 a 31 e os interessados podem decidir fazer os trajetos sozinhos, com a família ou amigos. Já a caminhada do dia 24 vai ser acompanhada por técnicos do desporto. Neste dia, realizar-se-á também o 2º percurso “Caminhe com o Doutor”, uma iniciativa feita em parceria com a Unidade de Saúde Local - USF Aquilino Ribeiro - através do Programa & quot, Walk with the Doc&quot, um programa de escala mundial, amplamente disseminado em vários continentes. Consiste em reunir um grupo de pessoas em data, hora e local previamente marcados/divulgados para uma pequena sessão informativa acerca de hábitos de vida saudáveis, seguido de uma caminhada, que permita a interação entre todos e esclarecimento de dúvida com o(s) profissional(ais) de saúde.
A participação nas Caminhadas/Corridas Aquilinianas é gratuita, mas necessita de inscrição obrigatória. Esta pode ser feita no site da Câmara Municipal de Moimenta da Beira.
A organização informa que os caminhos serão marcados com tinta biodegradável, e apela também a todos os participantes que não utilizem garrafas de plástico, ou qualquer material não biodegradável. “Pratique Plogging…uma nova modalidade que mistura atividade física com recolha de lixo”.

Local
Três detidos por tráfico de droga em Nelas e Mangualde

Por tráfico de droga, dois homens de 17 e 31 anos e uma mulher de 25 anos foram detidos nos concelhos de Nelas e Mangualde.
No âmbito de uma investigação que decorria há cerca de oito meses, os militares efetuaram quatro buscas domiciliárias e três em veículos, que culminaram na apreensão de  101 doses de canábis,  24 doses de haxixe, dois veículos, cinco telemóveis e diverso material de corte e pesagem de droga.
Depois de ouvidos no Tribunal de Viseu, um dos suspeitos ficou em prisão preventiva e os restantes obrigados a apresentações bissemanais às autoridades.

Local
Quatro anos depois do incêndio de outubro de 2017, Vouzela presta homenagem às vítimas

Pelo quarto ano consecutivo, a Câmara Municipal de Vouzela vai assinalar, no dia 15 de outubro, a data do incêndio de 2017 que afetou toda a região centro, com uma cerimónia evocativa de homenagem às vítimas.
Com a iniciativa, a autarquia pretende homenagear "todos aqueles que foram atingidos por esta calamidade, honrando a memória dos que partiram e em reconhecimento de todos quantos lutaram para proteger as suas vidas, os seus bens e um território devastado pela força do fogo".
O programa no dia 15 de outubro, tem início pelas 15h30, com a colocação de uma coroa de flores no monumento evocativo junto ao Instituto Missionário Marista, em Vouzela. Segue-se, às 16h15, a homenagem às vítimas dos incêndios no cemitério de Ventosa, às 17h15 a homenagem às vítimas dos incêndios no cemitério de Queirã, e às 18h na Igreja Paroquial de Campia, a celebração eucarística presidida pelo Bispo da Diocese de Viseu, D. António Luciano.

Local
Tondela: Ministério Público quer pena de prisão suspensa para autarcas

O Ministério Público (MP) pediu na quarta-feira (06 de outubro) pena de prisão suspensa para o presidente da Câmara de Tondela, José António Jesus, e o seu vice-presidente, Pedro Adão, por terem recebido pagamentos indevidos por deslocações em viaturas próprias.
José António Jesus (que foi reeleito nas últimas autárquicas) e Pedro Adão começaram em dezembro a ser julgados no Tribunal de Viseu pelos crimes de peculato e falsificação de documentos, que terão ocorrido entre 2010 e 2017.
Em causa está o pagamento de ajudas de custo por deslocações efetuadas em viaturas próprias, que terão sido realizadas em viaturas do município.
Durante as alegações finais a procuradora do Ministério Público disse que a confrontação de documentos permitiu chegar aos valores de 11.099 euros e de 10.144 euros, que José António Jesus e Pedro Adão, respetivamente, receberam, mas “sabiam que não lhes eram devidos, porque a viatura usada era do município”.
A procuradora lembrou o depoimento do inspetor da Polícia Judiciária (PJ) ouvido durante a manhã, que explicou como foram cruzados dados dos boletins de itinerário referentes às deslocações feitas pelos dois arguidos, com extratos da Via Verde dos carros do município, atas das reuniões de câmara e manuscritos apreendidos na casa de José António Jesus sobre alterações feitas nos boletins de itinerário (acrescentando anotações e rasurando datas).
Para o Ministério Público, “a prova documental é bastante” para chegar à mesma conclusão da investigação da PJ, ou seja, que havia valores nos boletins de itinerário “que tinham sido abonados aos arguidos e não deviam” porque a viatura utilizada era do município.
Segundo a procuradora, os arguidos aproveitaram-se do facto de os Recursos Humanos (responsáveis por processarem os vencimentos) não cruzarem os dados com a Contabilidade (que tinha os extratos da Via Verde).
Uma vez que, entretanto, os valores em causa foram devolvidos e que “a simples ameaça de prisão” será suficiente para não repetirem os crimes, considerou que devem ser condenados a uma pena de prisão não superior a cinco anos, mas suspensa.
O advogado de José António Jesus pediu a absolvição, lembrando que “nem os Recursos Humanos solicitavam as Vias Verdes, nem a Contabilidade solicitava algum controle” se o veículo utilizado era o próprio ou o do município.
Segundo o advogado, o seu cliente estava convencido de que havia um cruzamento de dados, não tendo intenção de se apropriar daquele montante.
Neste âmbito, “não pode aceitar que falhas dos serviços administrativos” o façam incorrer em procedimentos criminais, frisou.
O advogado disse que o seu cliente é “uma pessoa reputada socialmente”, que demonstra rigor e retidão “na administração da coisa pública”, como atestaram as testemunhas abonatórias.
Entre elas estavam a ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, que lidou com José António Jesus enquanto vogal e presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, António Leitão Amaro, que foi secretário de Estado da Administração Local e deputado parlamentar, e o presidente da Câmara de Tábua, Mário de Almeida Loureiro.
Também o advogado de Pedro Adão pediu a absolvição do seu cliente, lamentando que haja a tentação “de que a política também se faça nos tribunais”.
De acordo com o advogado, se os arguidos devolveram as quantias, é porque entenderam que lhes foram pagas sem a elas terem direito.
Fazendo contas ao valor e aos 90 meses abrangidos pelo processo, questionou se alguém que se dedica à causa pública venderia “a fé nas suas funções” por pouco mais de cem euros por mês.
A leitura do acórdão ficou marcada para o próximo dia 22.

Local
Mangualde: autarquia assina protocolo com o Instituto Piaget (com áudio)

Com o objetivo do ensino superior voltar ao concelho de Mangualde, esta quarta-feira (06 de outubro), a autarquia de Mangualde assinou um protocolo com o Instituto Piaget.  A parceria pretende o desenvolvimento de Cursos de Pós-Graduação, formações especializadas e contínuas. 
O presidente da Câmara, Elísio Oliveira explica o que está previsto.
O espaço apontado para acolher a iniciativa será o antigo colégio, mas pode passar também por outros edificios.
A parceria pode acontecer no final deste ano ou início do próximo. Este poderá ser o primeiro passo para a criação em Mangualde, de um polo do Instituto Piaget.

 

Local
Mulher desaparecida na Serra da Estrela já foi encontrada

Um mulher de 27 anos de nacionalidade alemã que estava desaparecida na Serra da Estrela desde terça-feira (05 de outubro) foi esta quarta-feira encontrada “consciente, com algumas escoriações e desidratada”, segundo fonte da proteção civil.
“[A mulher] foi encontrada pelas 15:30, na zona da Lagoa Comprida”, disse à agência Lusa, pelas 16:20, uma fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) da Guarda.
Segundo a fonte, a mulher encontra-se “consciente, com algumas escoriações e desidratada” e foi encaminhada para o hospital.
O alerta para o desaparecimento da mulher, numa zona da Serra da Estrela entre a localidade de Sabugueiro, no concelho de Seia, e a Lagoa Comprida, foi dado pelas 21:07 de terça-feira.
“O alerta foi dado pelo namorado e por uma colega da desaparecida”, disse a mesma fonte do CDOS.
Segundo a página da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, pelas 16h30, encontravam-se no terreno 40 operacionais e 13 viaturas.

Local
Cinfães: Escolas de Gatão e Moimenta reconvertidas em habitação social

Com o objetivo de dar um novo uso e uma segunda vida às escolas primárias desativadas, a autarquia de Cinfães tem apostado na requalificação dos edifícios escolares. A ideia passa por  "transformá-los para outros fins".  Recentemente a Câmara Municipal abriu o procedimento pré-contratual por consulta prévia, com o valor base de sete mil euros, para a elaboração do projeto de manutenção e beneficiação da Escola de Gatão e Escola de Moimenta.
"Estes dois equipamentos serão reconvertidos em habitações unifamiliares destinadas à habitação social. A Escola de Gatão, na freguesia de Travanca será transformada num T1 e a Escola de Moimenta em dois fogos, ambos de tipologia T1", explica a autarquia.

Local
Centro Hospitalar Tondela Viseu retoma visitas aos doentes internados

A partir de quinta-feira (07 de putubro), o Centro Hospitalar Tondela-Viseu (CHTV) retoma as visitas aos doentes internados. Consultas que estiveram suspensas devido à pandemia.
As visitas vão decorrer todos os dias, entre as 14h00 e as 17h00, e requerem marcação prévia no horário das 11h00 às 13h00 e das 17h00 às 19h00, pelo telefone 232420511. Também poderá ser feito o agendamento pelo endereço eletrónico atendimento@hstviseu.min-saude.pt ou presencialmente no Balcão de Informações.
Para visitas nos Serviços de Pediatria, Neonatologia e Obstetrícia, onde vigora um regime especial, devem ser contactados os profissionais desses serviços.
Segundo o CHTV, cada doente pode ser visitado apenas por uma pessoa por dia, por um período de 20 minutos. "Em cada período de visita, a presença no interior do quarto é permitida a um visitante de cada vez. Preferencialmente, deverá ser sempre o mesmo visitante (familiar de referência), nos vários dias de internamento do utente", explica em comunicado.
O uso da máscara vai manter-se obrigatório, tal como a apresentação do certificado digital.
"No Hospital de Tondela e no Departamento de Psiquiatria, as visitas são agendadas diretamente com as equipas assistenciais", refere acrescentando que "devem ser cumpridas as regras impostas pelas autoridades de saúde, como o distanciamento físico, etiqueta respiratória, utilização correta da máscara e higienização das mãos".

Local
Lamego recebe Jornadas de Apoio Médico, Psicológico e Social

Na próxima sexta-feira, dia 8 de outubro, o Teatro Ribeiro Conceição recebe as Jornadas de Apoio Médico, Psicológico e Social, organizadas pela Liga dos Combatentes com o apoio da Câmara Municipal de Lamego.

Realizadas com o apoio da Câmara Municipal de Lamego, as 3as Jornadas de Apoio Médico, Psicológico e Social vão decorrer, pela primeira vez, na cidade lamecense. A decorrerem no quadro das comemorações do centenário da Liga dos Combatentes, o evento terá como principal temática de abordagem o apoio médico, psicológico e social junto dos combatentes e respectivas famílias.
Segundo a organização, as jornadas realizam-se com o intuito de proporcionar um momento de encontro e partilha entre todos os participantes, onde se dará a conhecer o trabalho desenvolvido ao longo dos anos, mas também pretende ser uma oportunidade para debater as lacunas existentes ao nível do apoio médico, psicológico e social junto dos combatentes e seus familiares.
Composto por quatro painéis de oradores, as Jornadas iniciam-se pelas 08h30 num primeiro debate dedicado ao “Apoio Médico”. Fernando Reis, antigo combatente da Guerra do Ultramar, fará uma intervenção dedicada ao tema “Do passado ao futuro”, com a participação dos convidados José Andrade, João Hipólito e Margarida Ribeiro.
Após a cerimónia de sessão de abertura (11h00), seguir-se-á o segundo painel, subordinado ao “Apoio Psicológico”, moderado por Ana Teixeira, psicóloga e membro efectivo da Ordem dos Psicólogos Portugueses. À mesa de debate juntar-se-ão os oradores Odete Nunes, Catarina Gonçalves e Inês Maroco.
Ao início da tarde os trabalhos recomeçam às 14h30, com o tema “Apoio Social”, moderado por Paula Santos, professora na Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Lamego, e que contará com as intervenções de Ana Melo, Marta Marques, Maria de Fátima Santos, Vítor Oliveira, José Oliveira, Rui Ruas e Renata Miranda.
O evento termina com a temática “Estudos e Investigações”, com moderação de João Hipólito, professor catedrático doutorado em medicina e psicologia. Compõem os oradores deste painel Ana Vianez, Rute Brites e Maria Vieira.
As 3as Jornadas de Apoio Médico, Psicológico e Social incluem também diversos espaços de exposição.

 

 

Local
Biblioteca Municipal de Viseu acolhe apresentação de livro sobre atleta paralímpico Mário Trindade

A Biblioteca Municipal D. Miguel da Silva, em Viseu, acolhe esta quarta-feira, dia 6 de outubro, pelas 16h00, a apresentação do livro “Mário Trindade: História de vida de um atleta paralímpico de excelência”, da autoria de Antonino Pereira, Professor Coordenador com agregação da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Viseu, e Tadeu Celestino, Docente no Agrupamento de Escolas de Nelas.
Segundo os autores, “a obra revela uma investigação abordada no âmbito da Sociologia do Desporto, que teve como propósito compreender, a partir do percurso de vida de Mário Trindade, atleta paralímpico de atletismo de cadeiras de rodas, os fatores determinantes que se encontram subjacentes à sua excelência no desporto adaptado”.
Ao analisarem esse conjunto de fatores e evidências, Antonino Pereira e Tadeu Celestino salientam que “a história de vida de Mário Trindade, aqui interpretada, ajuda-nos a compreender que não é a deficiência que é incapacitante que limita, mas esta pode servir de ignição para se realizar o impossível, o sonho”.

Local
Arqueólogos avançam no estudo sobre o primeiro milénio da era cristã em Santa Comba Dão

O grupo de arqueólogos da Universidade de Coimbra, dirigido por Pedro Matos, está de volta ao Couto do Mosteiro para uma escavação que alarga o estudo sobre a ocupação humana, em Santa Comba Dão, no primeiro milénio da era cristã. Os trabalhos de arqueologia são promovidos pelo Município de Santa Comba Dão, sendo realizados em articulação e com o apoio da
Fábrica da Igreja Paroquial da Freguesia do Couto do Mosteiro e da Associação de Estudos do Baixo Dão.
Pedro Matos reitera que as ruínas - já reveladas em 2020 - correspondem, de facto, à "sapata" (fundações) de um edifício contemporâneo ao primeiro registo histórico da igreja de Santa Columba (974 da era cristã), sendo que a própria dimensão da estrutura permite sustentar que se trata de um edifício de cariz público e não de natureza privada. Apesar destes progressos, o arqueólogo acautela que "não existem dados suficientes para dizer que foram encontrados vestígios da igreja de Santa Columba" avançando, no entanto, que as estruturas reveladas - balizadas cronologicamente entre os séculos X e XIII depois de Cristo (Alta idade Média) - poderão corresponder a um anexo, fisicamente associado ao templo.
Escavando a um nível mais profundo encontraram provas de ocupação romana, ocorrida entre os séculos I e III d.c.
Pedro Matos explica que no setor existia uma antiga villa romana, que já havia perdido o seu caráter de propriedade senhorial há, pelo menos, meio milénio, tendo posteriormente sido construído o edifício medieval em estudo.
O diretor da escavação antevê que as próximas campanhas vão permitir perceber a planta da estrutura da Alta Idade Média e sustentar hipótese(s) sobre a sua função ou funções. Por exemplo, o que já foi escavado deixa antever um edifício de dimensões consideráveis, que poderá permitir dar corpo à teoria da existência, durante a Alta Idade Média, de um pequeno mosteiro na zona. A escavação em profundidade vai, de igual modo, possibilitar o estudo da sequência ocupacional do sítio arqueológico. Há vários séculos de hiato entre o que conhecemos da ocupação do local: Alto Império romano - entre os séculos I e III d.c, e Alta Idade Média - entre os sécs. X e XIII. "Depois do período romano vieram as invasões bárbaras. Teria havido ocupação durante as invasões bárbaras ou não? Veio depois o domínio islâmico. Será que vamos encontrar materiais dessa período que poderemos associar a uma ocupação islâmica?". Estas e outras questões, levantadas pela equipa de arqueólogos, podem vir a ter resposta nas próximas campanhas no sítio do Couto do Mosteiro.

Local
Mangualde: Liga Portuguesa Contra o Cancro faz rastreio do cancro da mama (com áudio)

Ao longo deste mês é celebrada a iniciativa Outubro Rosa dedicada à prevenção do cancro da mama.
Em Mangualde, o grupo de voluntariado comunitário tem previstas várias atividades, como realça o presidente Manuel Marques.
Em 2020, em Portugal, estima-se que sete mil  mulheres tenham sido diagnosticadas com cancro da mama e 1.800 tenham morrido com a doença. A prevenção é uma das armas para o combate à doença. Na próxima sexta-feira (08 de outubro), a Liga Portuguesa Contra o Cancro inicia o rastreio em Mangualde.

Local
A chuva vai dar lugar a poucas nuvens na região de Viseu ao longo da semana (com áudio)

Esta semana vai ser de tréguas em relação à chuva e a temperatura vai subir na região de Viseu.
A meteorologista Patrícia Gomes deixou-nos a previsão do tempo para os próximos dias.

 

Local
Moimenta da Beira: autarquia investe 11 milhões de euros para habitação de famílias carenciadas

O município de Moimenta da Beira vai investir cerca de 11 milhões de euros no âmbito da Estratégia Local de Habitação. O objetivo passa, segundo a autarquia, por garantir habitação condigna à generalidade das famílias mais carenciadas do concelho

Em comunicado, a autarquia fala em 132 habitações onde residem 355 pessoas, a maior parte em alojamentos de habitação social a necessitarem obras de reabilitação ou substituídos por construções novas, casos do Bairro da Formiga, Corujeira, Quinta do Salvador, em Moimenta da Beira; casos ainda dos Arcozelos da Torre e do Cabo, Toitam, Nagosa, entre outros.

"O levantamento abrangeu todas as 16 freguesias e uniões de freguesia do concelho. Ninguém ficou de fora. Foi um trabalho feito em parceria com o Ministério das Infraestruturas e da Habitação, através do Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU), o organismo que tem por missão garantir a concretização, coordenação e monitorização da política nacional de habitação e dos programas definidos pelo Governo para as áreas da habitação, do arrendamento habitacional e da reabilitação urbana", explica.

Ao todo, a estratégia local de habitação em Moimenta da Beira vai custar cerca de 11 milhões de euros. "É um valor histórico no âmbito da política urbana local. As obras de construção novas, de reabilitação ou aquisição e de apoios financeiros diretos aos proprietários devem começar ainda este ano e ficar concluídas em 2026", acrescenta. “O objetivo é não apenas pôr fim aos núcleos pouco dignos e precários existentes no concelho como também garantir habitação condigna à generalidade das famílias carenciadas”, explica José Eduardo Ferreira, Presidente da Câmara Municipal de Moimenta da Beira.

Para a prossecução dos trabalhos, o município vai assinar acordos de colaboração com o IHRU, no âmbito do 1.º Direito - Programa de Apoio ao Acesso à Habitação, que visa apoiar a promoção de soluções habitacionais para pessoas que vivem em condições habitacionais pouco dignas e que não dispõem de capacidade financeira para suportar o custo do acesso a uma habitação adequada. O Programa assenta numa dinâmica promocional predominantemente dirigida à reabilitação do edificado e ao arrendamento. Aposta também em abordagens integradas e participativas que promovam a inclusão social e territorial, mediante a cooperação entre políticas e organismos setoriais, entre as administrações central, regional e local e entre os setores público, privado e cooperativo.

Local
CIM Viseu Dão Lafões apresenta Projeto-Piloto de Transporte Flexível a Pedido Ir e Vir

A Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões vai implementar o Projeto-piloto de Transporte Flexível a Pedido IR e VIR, que foi apresentado esta sexta-feira, dia 01 de outubro, no Parque Urbano de Tondela, numa sessão que contou com a presença da Senhora Ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa. 
O Projeto-piloto de Transporte Flexível a Pedido IR e VIR é uma solução desenvolvida pela Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões que tem como principal objetivo alargar e reforçar a oferta de transporte público de passageiros, garantindo uma cobertura adequada em zonas de menor densidade demográfica, nomeadamente, nos concelhos de Aguiar da Beira, Nelas, Oliveira de Frades, Santa Comba Dão, Tondela e Vouzela, conferindo, uma nova mobilidade a populações que residam em áreas que não dispõem de um serviço regular de transporte público de passageiros. 
À semelhança do transporte coletivo regular, o IR e VIR tem (20) circuitos com horários e paragens pré-definidas, sendo que as deslocações apenas podem ser efetuadas nesses circuitos. 
Desta forma, a partir da próxima segunda-feira, dia 04 de outubro será possível viajar, em dias úteis pré-definidos, dentro dos concelhos abrangidos, mediante reserva efetuada até às 12h00 (meio dia) do dia útil anterior à viagem, através do número 800 10 20 30 (chamada gratuita). 
Com tarifas que podem oscilar entre os 1,05 euros e os 4,05 euros, dependendo do percurso, este projeto inovador contempla, para já, 20 circuitos, distribuídos pelos seis concelhos. 
Segundo o Vice-Presidente da CIM Viseu Dão Lafões, Paulo Almeida, “este é um projeto ambicioso da CIM na medida em que permite anular, de uma forma definitiva, carências do transporte público de passageiros nas zonas mais isoladas do nosso território, assegurando assim uma maior coesão territorial. Com esta proposta, procuramos garantir que setores da população mais isolados e com maior dificuldade de deslocação possam aceder de forma cómoda e economicamente justa aos serviços disponíveis na sede do seu concelho”. 
De acordo com a Ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, “este é um bom exemplo de utilização dos fundos europeus das regiões para promover a coesão e a qualidade de vida da população, já que assegura um serviço público mais próximo e eficiente para os cidadãos deste território, independentemente de onde vivam. Queremos apoiar projetos como este em todas as CIM do Interior. Para isso precisamos que as nossas autarquias continuem a trabalhar em conjunto pelos seus objetivos comuns, como fez, neste caso, a CIM Viseu Dão Lafões”. 
Para o Presidente do Município de Tondela, José António Jesus, “O ato que hoje aqui testemunhamos é um dos mais fortes contributos para a coesão. Garantir mobilidade, acesso a serviços essenciais, como aos serviços públicos, à saúde, é uma obrigação resultante do modelo de desenvolvimento que conjuntamente desejamos aprofundar.” 

Local
Viseu: aviso amarelo, de sábado para domingo, devido ao vento

Viseu é um dos cinco distritos que no fim de semana vai estar com aviso amarelo devido à previsão de vento. Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), para além de Viseu taambém Braga, Porto, Vila Real e Viana do Castelo vão estar com risco amarelo.
A previsão aponta para vento forte entre as 21h00 de sábado e as 03h00 de domingo. O IPMA prevê rajadas até 70 km/h, sendo que nas terras mais akatas pode atingir os 95 km/h. Para domingo está também previsto o regresso da chuva à região de Viseu.

Local
Autarquia de Penalva do Castelo lança o Cartão Sénior Municipal no Dia Internacional do Idoso

Como forma de promover a inclusão social das pessoas idosas e a sua participação ativa na sociedade, a Câmara Municipal de Penalva do Castelo encontra-se a trabalhar num conjunto de ações que pretendem ir ao encontro das necessidades identificadas no Diagnóstico Social, corrigindo ou atenuando os efeitos dos problemas sociais detetados.
Nesse sentido, e de forma a assinalar o Dia Internacional do Idoso, celebrado a 01 de outubro, é lançado o Guia do Cartão Sénior Municipal de Penalva do Castelo, onde se encontra descrita a forma de funcionamento, as entidades aderentes e tipo de benefício praticado. O mesmo pode ser consultado na página da Câmara Municipal em www.cm-penalvadocastelo.pt.
A partir desta sexta-feira, os interessados em serem titulares do Cartão Sénior Municipal podem fazer a inscrição junto dos serviços da autarquia.
"Atualmente com 35 entidades aderentes, o guia não é um documento fechado, pelo que todos os interessados poderão fazer a sua adesão ao projeto, a todo o tempo", explica a Câmara Municipal.

Local
Santa Comb Dão: Ministério Público pede pena de prisão suspensa para antigo presidente

O Ministério Público (MP) pediu esta sexta-feira (01 de outubro) uma pena de prisão suspensa para o antigo presidente da Câmara de Santa Comba Dão João Lourenço e para outros arguidos envolvidos num processo relacionado com o pedido de financiamento comunitário para dois ginásios.
O ex-autarca e mais 14 arguidos (entre os quais se encontram engenheiros civis, técnicos superiores da autarquia e as empresas Embeiral e Scoprolumba) começaram em dezembro, do ano passado, a ser julgados no Tribunal de Viseu pelos crimes de fraude na obtenção de subsídio e de prevaricação.
Esta sexta-feira, durante as alegações finais, o Ministério Público pediu a absolvição de três deles e a condenação dos restantes, em penas de prisão que deverão “ser suspensas na sua execução”.
O procurador do Ministério Público disse que João Lourenço (presidente da Câmara de Santa Comba Dão entre 2005 e 2013) foi “o mentor e liderou” todo o processo de candidatura aos fundos comunitários para dois ginásios que já estavam a ser construídos, um na sede do concelho e outro na localidade de Cancela.
No seu entender, o município não se podia candidatar aos fundos comunitários porque os ginásios “já se encontravam em fase avançada de construção” e eram “de propriedade alheia”, estando a ser construídos em terrenos que tinham sido adquiridos pela parceria público-privada Dão Gest (Câmara, Embeiral e Scoprolumba) e alvo de um contrato com uma instituição financeira de crédito.
O Ministério Público considerou também ter ficado provado que houve a intenção de fazer crer que os edifícios destinados aos ginásios eram autónomos dos centros educativos Centro e Sul (inaugurados em setembro de 2009).
A candidatura aos fundos comunitários foi aprovada em março de 2010, tendo a primeira tranche sido paga em maio seguinte, acrescentou.
O procurador lamentou “a frequência com que se vêm cometendo crimes deste género” e que impere um “sentimento de impunidade”.

 

Local
Penalva do Castelo: Feira da maçã regressa a Esmolfe

A Câmara Municipal de Penalva do Castelo, a Junta de Freguesia de Esmolfe, com o apoio da FELBA – Promoção das Frutas e Legumes da Beira Alta promovem no dia 10 de outubro, a 25ª Feira da Maçã Bravo de Esmolfe. O certame vai decorrer no Centro de Exposições de Produtos DOC (Largo de Santo Ildefonso).
Às 09h00 tem lugar a celebração de uma missa campal, seguida de uma arruada pela Banda Musical e Recreativa de Penalva do Castelo. Às 15h00 sobe ao palco a Casa do Povo de Esmolfe.
As inscrições para participar com a venda/exposição de produtos/artesanato já se encontram abertas e decorrem até segunda-feira, dia 4 de outubro.

Local
Instituto Politécnico de Viseu implementa conectividade OpenRoaming

A Extreme Networks Inc., uma empresa de redes na cloud, anunciou esta sexta-feira (01 de outubro) a implementação do suporte para o OpenRoaming™ da Wireless Broadband Alliance (WBA) no Instituto Politécnico de Viseu (IPV).
"O OpenRoaming permite aos estudantes, docentes e outros utilizadores no campus do IPV ligarem-se a uma rede Wi-Fi 6 segura e de alta velocidade onde quer que estejam no interior ou exterior dos edifícios, sem qualquer interrupção nas respetivas ligações à rede sem fios", explica o Politécnico de Viseu. O IPV é a primeira organização em Portugal a aderir ao OpenRoaming da WBA.
Segundo Luís Almeida, administrador sénior de redes do Instituto Politécnico de Viseu, “esta implementação vai melhorar as experiências de todos os utilizadores que usam a rede Wi-Fi do nosso campus – estudantes, docentes, funcionários, visitantes e todos os participantes nas várias conferências nacionais e internacionais que organizamos. E, claro, a redução do stress que a gestão da rede significava para a nossa equipa de informática”.
"O OpenRoaming da WBA possibilita a transferência automática entre redes móveis e Wi-Fi, o que, para os utilizadores, se traduz em conectividade sem interrupções, muito à semelhança do que acontece quando os smartphones se ligam instantaneamente às várias redes de telecomunicações", refere a empresa.
A Extreme colaborou com a Aptilo Networks para trazer o OpenRoaming ao campus do IPV, realizando também a instalação de uma rede Wi-Fi 6. De agora em diante, os estudantes, funcionários, docentes e visitantes podem ligar-se à rede do campus do IPV sem necessitarem de realizar autenticação manual.
"Isto traduz-se numa melhor experiência para os utilizadores e num volume de trabalho mais baixo para a equipa de informática do IPV, que tinha de autorizar manualmente todos os utilizadores da rede de fora de Viseu para que estes pudessem aceder à Wi-Fi do campus", diz.

 

Local
Vila Nova de Paiva: projeto 'Mais' já arrancou a pensar nos séniores

Já arrancaram as atividades do Projeto “MAIS”, um programa de atividades ocupacionais que a Câmara Municipal de Vila Nova de Paiva tem vindo a promover junto da população sénior, nos lares de 3ª idade e com jovens portadores de deficiência do concelho.
Atividade Física, Hidroginástica e Expressões são as atividades que, com o apoio dos técnicos da autarquia, "se propõem combater o sedentarismo e promover uma maior dinâmica e bem-estar social, com vista a um envelhecimento saudável".
Segundo a autarquia de Vila Nova de Paiva, o projeto “MAIS” é um programa inclusivo com o objetivo de sensibilizar a população para a importância da adoção de um estilo de vida mais ativo e para uma melhor qualidade de vida.
Os públicos-alvo são a população sénior ativa, através da vertente “MAIS Desporto, MAIS Saúde”, os utentes das Associações de Solidariedade Social do concelho, com a vertente de “MAIS Lares” e as pessoas com necessidades especiais de saúde, com “MAIS NES”.
As IPSS’s abrangidas por este programa são a Cáritas Paroquial de Queiriga, o Centro Paroquial de Touro, a Associação Cruz de Malta (Vila Cova à Coelheira), a Associação Alvorada na Serra (Pendilhe), o Centro Social Paroquial de Alhais, a ASSAP e a Unidade de Cuidados Continuados (Vila Nova de Paiva).

Local
Penalva do Castelo: festival premeia maior abóbora na aldeia de Real (com áudio)

Depois de um interregno em 2020, devido à pandemia, este domingo (02 de outubro) volta a acontecer na aldeia de Real, no concelho de Penalva do Castelo, mais um festival dedicado à abóbora.
É a sexta edição que acontece num formato mais reduzido, como explica Paulo Martins, presidente da Associação Cultural Recreativa e Social de Real.
No concurso pode participar qualquer pessoa, desde que apresente uma abóbora, seja do concelho de Penalva do Castelo ou não. Vão ser disputadas duas categorias. Em jogo está um presunto.

Local
Nelas: Covercar avança com despedimento coletivo (com áudio)

Trinta e três trabalhadores da Covercar, no concelho de Nelas, vão para o desemprego depois da fábrica de capas para estofos para automóveis avançar com o despedimento coletivo.
Amadeu Santos, do Sindicato das Indústrias Transformadoras do Centro Norte, faz o ponto de situação.
Os mais de 30 trabalhadores, da fábrica localizada em Canas de Senhorim, não antevêem dias fáceis no desemprego. Amadeu Santos diz que o sindicato vai reunir com a empresa para garantir que os operários, na hora da saída, recebam valores mais dignos.

Local
Diretora do Teatro Viriato publica livro ilustrado para os mais novos

A diretora do Teatro Viriato de Viseu, Patrícia Portela, lançou o livro "Seis histórias de tamanhos diferentes que me aconteceram ao mesmo tempo". Uma obra destinada a leitores mais novos.
"Este livro é um erro no cérebro. Não se preocupem se não o perceberem, e duvidem muito se fizer sentido. Foi escrito ao sabor das ilustrações, sem saber muito bem para onde ia", escreve Patrícia Portela nas primeiras páginas.
As seis histórias foram ilustradas por Catarina Sobral e estão interligadas, com alguns elementos narrativos comuns.
A propósito dos estímulos da imaginação e do pensamento, subjacentes ao livro, Patrícia Portela recorda na introdução: "é no momento em que não percebemos que começamos a pensar, que é uma coisa diferente de acreditar, saber de cor, ou pior, fazer só o que nos dizem. Não perceber é muito bom! Porque quando não se percebe tem de se descobrir ou ficar à nora. Dá para fazer imensa coisa com isso".
Patrícia Portela, para além de diretora do Teatro Viriato de Viseu, é autora de romances e novelas, nomeadamente "Banquete" (2012), "Dias úteis" (2017) e "Hífen", editado este ano.

Local
Lamego: Feira de Produtos Endógenos encerra no domingo

A Feira de Produtos Endógenos de Lamego vai estender-se até ao próximo domingo, dia 3 de outubro. 
"Enquanto o público desfruta de um agradável passeio pela Av. Dr. Alfredo de Sousa, tendo como cenário o majestoso Santuário de Nossa Senhora dos Remédios, poderá visitar e apreciar os produtos mais genuínos do concelho", refere a autarquia lamecense.
Enchidos, queijos, vinhos, licores e diverso artesanato típico da região constituem o principal cabaz de produtos do certame organizado pelo município.
Associada à marca “Lamego é Douro”, a feira de produtos endógenos é co-financiada pelo FEDER em 85% no âmbito do projeto de "Valorização dos Produtos Endógenos do Concelho de Lamego", aprovado no programa Norte2020.  

Local
Mangualde: 'regresso à normalidade' retira transporte escolar da hora de almoço (com áudio)

A falta de autocarros à hora de almoço levou o Agrupamento de Escolas de Mangualde a voltar, este ano letivo 2021/2022, aos horários completos (manhã e tarde).
No ano letivo anterior, devido à pandemia, os alunos apenas tinham aulas durante a manhã ou durante a tarde, o que levou a autarquia a disponibilizar transporte escolar à hora de almoço. Este ano não é assim, como explica Agnelo Figueiredo, o diretor do Agrupamento.
Uma decisão da Câmara Municipal que não é bem vista pelo diretor do agrupamento. Agnelo Figueiredo refere que os moldes atuais são mais propícios ao contágio da Covid-19.
A Rádio Dão Digital contactou a autarquia. O vereador da educação, Rui Costa, explica que o transporte à hora de almoço no ano letivo anterior foi uma medida excecional devido à fase crítica da pandemia e que, à semelhança do país, a escola também deve retomar a normalidade.

 

 

Local
Guarda-Mangualde: relatório ambiental preliminar para prospeção de lítio alerta para riscos

O relatório de avaliação ambiental preliminar do Programa de Prospeção e Pesquisa de Lítio identificou “alguns riscos” nas oito potenciais áreas do Norte e Centro do país, incluindo na àrea de Guarda-Mangualde.
“Da avaliação efetuada constatou-se, ainda que potenciais, alguns riscos e oportunidades de melhoria, que deverão ser devidamente acautelados no âmbito da implementação do programa”, adianta o documento.
Ainda assim e de acordo com a avaliação, o Programa de Prospeção e Pesquisa de Lítio (PPPLítio) “constitui uma oportunidade para que a sociedade e a economia evoluam para descarbonização da economia e prossigam a estratégia da transição energética”.
“O grupo de trabalho do Lítio, refere que ocorreu um aumento da procura de Lítio impulsionado, em grande parte, pela importância desse metal, não só a nível tecnológico, mas em especial pela sua utilização nas baterias de veículos elétricos, e justificado pela circunstância de Portugal dispor de condições geológicas fortemente favoráveis à ocorrência de minerais de Lítio”, é explicado.
No entanto, o relatório indica que o conhecimento geológico e mineiro nas várias áreas com potencial litinífero é “inconsistente e incompleto”, tornando a prospeção e a pesquisa “mais relevante e necessária”.
“Quando a prática dessas atividades de investigação, na sua grande maioria não invasivas, ocorrer de forma responsável e sustentável permite retirar vários benefícios ao mesmo tempo que provoca prejuízos mínimos para o ambiente”, anota.
Entre várias medidas propostas, o documento destaca o desenvolvimento de um plano de documentação, a implementação de mecanismos de reclamação acessível para a gestão de potenciais conflitos e promoção de ações de acompanhamento das atividades de prospeção conjuntas entre a Direção Geral de Energia e Geologia (DGEG) e outras entidades.
Para o ato concursal, o relatório ambiental do PPPLítio alerta para a exclusão de áreas de maior intensidade urbana, funcional e demográfica das operações de prospeção.
Segundo o documento, deve-se ainda privilegiar os fornecedores e a mão de obra locais nas diferentes atividades, não afetando as ocorrências arqueológicas ou arquitetónicas classificadas com valor patrimonial levado, alertando que a intervenção no subsolo deve ser minimizada numa faixa de pelo menos 300 metros em torno da respetiva linha de água.
“As empresas que vierem a executar a prospeção e pesquisa, devem apresentar um plano de eficiência hídrica e de proteção dos recursos hídricos potencialmente afetados. Devem ser utilizadas as melhores técnicas disponíveis de forma a minimizar possíveis impactes”, observa.
O relatório acrescenta que, do ponto de vista ambiental, “a prospeção e pesquisa poderá ter efeitos na qualidade do ambiente nomeadamente no que respeita ao fator ambiental água”, mas que a “grande maioria das atividades […] não gera impactes nos recursos hídricos e hidrogeológicos à escala local e regional”. “[…] Se existirem, representam um risco muito baixo para o ambiente e para a sociedade”, conclui.
A Direção Geral de Energia e Geologia (DGEG) colocou na terça-feira (28 de setembro) em consulta pública o relatório de avaliação ambiental preliminar do Programa de Prospeção e Pesquisa de Lítio das oito potenciais áreas para lançamento de procedimento concursal até ao dia 10 de novembro.
No relatório de avaliação ambiental preliminar, foram analisadas oito áreas do Norte e Centro do país: Arga (Viana do Castelo), Seixoso-Vieiros (Braga, Porto e Vila Real), Massueime (Guarda), Guarda – Mangualde (quatro zonas espalhadas por Guarda, Viseu, Castelo Branco e Coimbra) e Segura (Castelo Branco).

 

Local
Mangualde: corte de trânsito na Rua Combatentes da Grande Guerra

Na quinta-feira (30 de setembro), o trânsito na Rua Combatentes da Grande Guerra, em Mangualde, vai estar interrompido devido às obras de reabilitação do antigo cineteatro Império. A interrupção vai verificar-se entre as 08h00 e as 17h00.
As obras de requalificação do edifício vão prolongar-se por 18 meses, sendo que ao longo desse período, a circulação automóvel na Rua Combatentes da Grande Guerra irá sofrer algumas interrupções.

Local
Moimenta da Beira: olhos no céu para ver Planetas e Galáxias

Moimenta da Beira volta a ser palco de um evento de Astronomia. 
É um evento astronómico de dimensão mundial e, em Portugal, vai decorrer apenas em oito locais, Moimenta da Beira é um deles. Os outros são Aveiro, Guimarães, São Gião, Serra da Freita, Sintra, Açores e Madeira.
“100 Horas de Astronomia” é o nome do evento, promovido pela União Astronómica Internacional (UAI/IAU), e “Não Há Só Estrelas no Céu" é o nome da atividade que vai ocorrer, em simultâneo, esta sexta-feira, dia 1 de outubro, das 21h00 às 23h00, nos oito locais referidos . Em Moimenta da Beira a ação, organizada pelo Clube das Ciências da Escola Básica e Secundária, acontece no Parque da Alagoa, junto à pista de Skates.

O objetivo é proporcionar à comunidade local uma viagem pelo céu noturno, “onde poderemos descobrir e observar, através de telescópios, Planetas, Nebulosas, Galáxias e outras belezas que o céu nos oferece”, explica Paulo Sanches, professor de Física e Química na Escola Secundária, fundador do Clube das Ciências e um apaixonado pela Astronomia, excecional divulgador da cultura científica e tecnológica em Portugal.

Local
Empreitada de modernização do troço da Beira Alta entre Mangualde e Celorico da Beira foi consignada

Foi esta terça-feira (28 de setembro) consignada a empreitada de modernização do troço entre Mangualde e Celorico da Beira, na Linha da Beira Alta, no âmbito do Programa de modernização da Rede Ferroviária Nacional, Ferrovia2020.
Numa cerimónia realizada na sede da Infraestruturas de Portugal (IP), que contou com a presença do Ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, do Secretário de Estado das Infraestruturas, Jorge Delgado, do presidente do Conselho de Administração da IP, António Laranjo e do administrador do Consórcio Mota Engil – Engenharia e Construção, Horácio Sá, foi assinado o auto de consignação da obra adjudicada por 68.850.000,00 euros.
No âmbito da empreitada será realizada, segundo a IP, a requalificação integral de um troço com cerca de 34 quilómetros, sobre o canal atual da Linha da Beira Alta. "Serão executados trabalhos de substituição integral da superestrutura de via, com utilização de travessas monobloco polivalentes em betão e carril 60 E1, bem como a alteração do layout das estações de Gouveia e Fornos de Algodres, com vista a assegurar o cruzamento de comboios de 750 metros de comprimento, otimizando as condições de exploração", refere. 
"Em complemento, estão igualmente previstos trabalhos de reabilitação dos sistemas drenagem, construção de obras de arte correntes - Passagens Superiores e Passagens Inferiores - e as devidas adaptações nas instalações fixas de tração elétrica e a construção de infraestruturas de base para sinalização e telecomunicações", acrescenta a IP.


Ferrovia2020 - Modernização da Linha da Beira Alta


A IP tem atualmente cinco empreitadas para a modernização da Linha da Beira Alta em fase de contratação ou em obra, representando, no seu conjunto, um valor global, de investimento estimado, superior a 380 milhões de euros:
Pampilhosa – Santa Comba Dão (34 quilómetros) e Construção da Concordância da Mealhada: ligação com 3,2 quilómetros, entre a Linha do Norte e a Linha da Beira Alta | Valor de adjudicação 75M€
Santa Comba Dão – Mangualde (40 quilómetros) | Valor de adjudicação 63M€
Mangualde – Celorico da Beira (40 quilómetros) | Valor de adjudicação 68M€
Celorico da Beira – Guarda (46 quilómetros) | Valor de adjudicação 54M€.
Cerdeira – Vilar Formoso (25 quilómetros) | Valor de adjudicação 43M€

No terreno estão a decorrer as intervenções de modernização dos troços entre a Pampilhosa e Santa Comba Dão, e de construção da nova Concordância que ligará a Linha do Norte e a Linha da Beira Alta, entre Celorico da Beira e a Guarda, bem como o troço entre Cerdeira e Vilar Formoso. Concluída foi já a empreitada entre a Guarda e Cerdeira, com 14 quilómetros, com um investimento de 8,7 milhões de euros.
A Linha da Beira Alta, principal ligação ferroviária à Europa, faz parte da rede “core” da Rede Transeuropeia de Transportes (RTE-T) e integra o Corredor Ferroviário de Mercadorias nº 4. 
A “Empreitada do Troço Mangualde – Celorico da Beira” integra a Ação 2015-PT-TM-0395-M - Linha da Beira Alta(Pampilhosa-Vilar Formoso: Projeto e Obra, aprovada ao abrigo do Programa CEF (Mecanismo Interligar a Europa) com uma taxa de cofinanciamento de 85%.

Local
Museu do Caramulo está nomeado para os The Historic Motoring Awards 2021 (com áudio)

O Museu do Caramulo, no concelho de Tondela, foi nomeado para os The Historic Motoring Awards 2021, que são considerados os mais prestigiantes prémios atribuídos à elite do setor internacional dos automóveis clássicos. Nomeado na categoria Museum/Collection of the Year (Museu/Coleção do ano), o Museu do Caramulo faz parte dos cinco finalistas, junto com o Autoworld Brussels (Bélgica), o Great British Car Journey (Inglaterra), o Mullin Automotive Museum (EUA) e o Studio 434 (Inglaterra).
Tiago Patrício Gouveia, diretor do museu, diz que a nomeação para o prémio é um orgulho e que se deve ao sucesso do Motor Festival, evento que aconteceu há poucas semanas.
Segundo o diretor a nomeação é um incentivo para o futuro.
A cerimónia de entrega de prémios decorre no dia 18 de novembro, no Rosewood Hotel, em Londres.
O Museu do Caramulo tem quase 70 anos de existência e já foi visitado por mais de um milhão e meio de pessoas. 

Local
Município de Vouzela vai atribuir bolsas de estudo a alunos do ensino superior

O Município de Vouzela vai atribuir bolsas de estudo a alunos que ingressem ou frequentem estabelecimentos de ensino superior público e que residam no concelho de Vouzela.
Podem candidatar-se os alunos que cumpram um dos seguintes requisitos: que concluíram com sucesso comprovado o ensino secundário e que pretendam ingressar na universidade; que estejam inscritos em cursos ministrados em estabelecimentos de ensino superior públicos portugueses, homologados pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior; que estejam inscritos em estabelecimentos de ensino superior privado portugueses, em cursos não ministrados no ensino superior público e homologados pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior; que estejam inscritos nos Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CteSP), homologados pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.
Segundo a autarquia, as bolsas poderão ascender a mil euros anuais e visam contribuir para custear, entre outras, as despesas de alojamento, alimentação, transporte, material escolar e propinas.
O período de candidaturas decorre entre o próximo dia 1 de outubro e o dia 15 de novembro,

Local
Semana amena na região de Viseu com algumas nuvens, mas sem chuva (com áudio)

Esta semana o tempo na região de Viseu é de sol e algumas nuvens.
Não está prevista chuva e a temperatura vai descer ligeiramente, como dá conta a meteorologista Patrícia Marques. 

Local
Mangualde acolhe a I Jornada anual da CPCJ

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Mangualde (CPCJ), em colaboração com o Município de Mangualde, promove no dia 20 de outubro, a “I Jornada Anual da CPCJ Mangualde”. O tema da iniciativa é  “Crianças e Jovens – O Direito a Ser Feliz”. A jornada, que incidirá sobre os direitos das crianças e jovens, terá lugar no Auditório da Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves, entre as 09h30 e as 17h00.
É uma iniciativa inserida na operacionalização do Plano Local de Promoção e Proteção das Crianças e Jovens de Mangualde.
A participação é gratuita, mas sujeita a inscrição obrigatória, uma vez que o número de lugares é limitado.  As inscrições deverão ser feitas através do dia 15 de outubro, através do seguinte e-mail: cpcj.mangualde@cnpdpcj.pt

 PROGRAMA - I JORNADA ANUAL CPCJ MANGUALDE

9h30 – Abertura Secretariado

10h00 – Sessão de Abertura

               - Presidente da CPCJ de Mangualde e com o Presidente da Câmara Municipal

10h15 – “Burnout Parental e os Direitos das Crianças”

- Drª Ana Gomes – Psicóloga Clínica e co-Fundadora do Projeto “Pais a Bordo”

11h15 – Pausa para Café

11h30 – “O direito ao brincar num mundo em mudança” 

- Prof. Carlos Neto - Investigador da Faculdade de Motricidade Humana da Universidade Técnica de Lisboa

Moderador: Drª Tatiana Louro – Psicóloga Clínica

12h30 – Debate

14h30 – Mesa Redonda “O Sistema Educacional   a situação de Mangualde”:

                - Presidente da Câmara Municipal de Mangualde

                - Diretor Agrupamento de Escolas de Mangualde

                - Presidente da Associação de Pais de Mangualde

                 - Presidente da Associação de Estudantes da Escola Secundária Drª Felismina   

                  Alcântara

Moderador: Dr. José Miguel Sousa – Diretor do Centro de Formação Edufor Mangualde

15h30 - “A Responsabilidade da Comunidade na Promoção dos Direitos da Criança”

- Dr. Hélio Bento Ferreira – Coordenador da Equipa Técnica Regional do Centro

16h30 – Debate

17h00 – Encerramento

- Dr. Fernando Espinha – Presidente da CPCJ de Mangualde

Local
Novos Postos de Transformação de Distribuição de eletricidade foram instalados no distrito de Viseu

A E-REDES colocou em exploração seis novos Postos de Transformação de Distribuição (PTD) nos concelhos de Penalva do Castelo, Mangualde, Vila Nova de Paiva e Viseu.
Em Penalva do Castelo foram instalados três PTD nas localidades de Goje, Aldeia Casal Diz e Trancozelo.
No concelho de Mangualde um PTD fica na localidade de Cunha Alta, em Vila Nova de Paiva na localidade Borralhais e no concelho de Viseu, um posto fica instalado na localidade de Lourosa de Cima.
"Com estas intervenções, a E-REDES melhorou as condições de fornecimento de energia elétrica e permitiu a ligação de novos clientes à rede nestas localidades.", explica a empresa.
A E-REDES, antiga EDP Distribuição, é a empresa do Grupo EDP, responsável pela operação da rede de distribuição de energia elétrica em Portugal Continental, em Baixa (BT), Média (MT) e Alta Tensão (AT).

Local
Vila Nova de Paiva integra a Rede Patrimonial Intermunicipal

No âmbito da candidatura “Produtos Turísticos Integrados da Região – Ativação da Rede Patrimonial Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, Vila Nova de Paiva recebeu uma visita-teste dos técnicos municipais de turismo e responsáveis pelos recursos culturais e patrimoniais dos 14 municípios.
A visita-teste passou pelo Parque Botânico Arbutus do Demo, no qual os visitantes apadrinharam duas árvores Ginkgo biloba, plantadas para assinalar a adesão ao projeto Rede Patrimonial Intermunicipal. No Museu Arqueológico do Alto Paiva conheceram o legado arqueológico destas terras, desde o Neolítico à Alta Idade Média e no Posto de Turismo/Loja Terras puderam degustar alguns produtos regionais.
Segundo a autarquia de Vila Nova de Paiva, as visitas-teste permitem dar a conhecer os recursos e produtos turísticos da região, com o objetivo de promover a qualificação da oferta do segmento de Turismo Cultural e encontram-se a decorrer até ao dia 1 de outubro, com programas preparados ao pormenor pelos próprios municípios, atendendo aos recursos visados no Roteiro da Rede Patrimonial Viseu Dão Lafões.

Local
Mangualde: João Carlos Alves é o novo presidente da Universidade Sénior (com áudio)

A Universidade Sénior de Mangualde tem um novo diretor. Nos últimos anos, a instituição foi liderada por Teresa Cruz, passando agora o testemunho a João Carlos Alves. À Dão Digital falou do novo desafio.
João Carlos Alves pretende abrir a Universidade Sénior a toda a comunidade.
A Universidade Sénior é um projeto do Rotary Clube de Mangualde.

Local
Nova edição da Escola de Queijeiros arranca na Escola Superior Agrária de Viseu (com áudio)

Arranca esta segunda-feira (27 de setembro), a 2ª Edição da “Escola de Queijeiros”. Uma Iniciativa formativa ao abrigo do Programa de Valorização da Fileira do Queijo da Região Centro, financiado pelo Centro2020, Portugal2020 e União Europeia através do FEDER. Tem como objetivo a capacitação para a produção de Queijo com Denominação de Origem Protegida (DOP), especificamente Queijos Serra da Estrela DOP, Queijos Beira Baixa DOP e Queijos Rabaçal DOP.
A 2ª edição da “Escola de Queijeiros” conta com um total de 30 vagas disponíveis e abrange as três regiões DOP da Região Centro: Serra da Estrela, Beira Baixa e Rabaçal e decorre na Escola Superior Agrária de Viseu (ESAV), Escola Superior Agrária de Castelo Branco (ESACB) e Escola Superior Agrária de Coimbra (ESAC).
A carga Horária prevista para este curso é de 80 horas em regime de horário laboral, sendo que 40 horas estão destinadas à componente teórica e as restantes 40 destinadas à componente prática a realizar em contexto de trabalho, em queijarias de cada região DOP, produtoras de queijos DOP.
De entre os vários conteúdos temáticos a abordar incluem-se: legislação aplicada ao setor dos lacticínios, requisitos específicos para a produção de queijo DOP em cada uma das Regiões abrangidas, boas práticas de higiene e de fabrico segundo as normas de qualidade e segurança alimentar; higiene e saúde no trabalho e da legislação em vigor.

Local
Câmara Municipal de Lamego apresenta o livro 'A História de Lamego em Documentos, a Cidade e o Aro'

A Câmara Municipal de Lamego vai apresentar, em conjunto com o autor, Joaquim Correia Duarte, o livro “A História de Lamego em Documentos – A Cidade e o Aro”. A obra é uma homenagem à cidade lamecense e dá a conhecer diversos dados históricos de relevo ocorridos nos últimos séculos. A apresentação decorre este sábado, dia 25 de setembro.
A cerimónia, no Salão Paroquial de Almacave,  contará com a presença de Alegria Marques, professora catedrática da Universidade de Coimbra e Académica de Número da Academia Portuguesa da História, e Manuela Mendonça, presidente da Academia Portuguesa de História que afarão a apresentação pública da respetiva obra.
Segundo a autarquia, e "numa verdadeira homenagem a Lamego,  o livro nasce como forma de agradecimento e de manifestação de amor por parte do autor que residiu algum tempo da sua vida em Lamego, onde realizou formação intelectual e moral, facto que o levou a manifestar abertamente a sua paixão pela cidade".
Lançada também com o objetivo de facilitar o acesso a documentos essenciais para apoio e desenvolvimento de obras de caráter histórico, o livro "possibilita ainda uma melhor perceção dos processos históricos, das personalidades e dos acontecimentos que nos últimos séculos moldaram a vivência da população lamecense".

Quem é Joaquim Correia Duarte
Nascido a 17 de maio de 1949, Joaquim Correia Duarte é oriundo de S. Pedro de Paus (Resende), tendo vivido a sua juventude em Primeirol (Resende). Frequentou o curso de Humanidades, Filosofia e Teologia nos Seminários de Lamego e licenciou-se em Ciências Históricas na Universidade do Porto. Ordenado sacerdote em 1963, exerce, desde então, funções paroquiais ao serviço de diversas comunidades cristãs, localizadas no concelho de Resende. Distinguido com a “Medalha de Honra Municipal” (grau ouro) pelo município de Resende, tem dedicado a sua vida no serviço pastoral e no ensino, aproveitando os momentos livres na investigação e na escrita. De entre as várias obras publicadas, destaque para a “História da Igreja de Lamego”, publicada (2013) e premiada pela Academia Portuguesa da História.

Local
Castro Daire: um homem detido por caça furtiva ao javali

Por caça furtiva ao javali no concelho de Castro Daire, um homem de 81 anos foi detido pela GNR.

No decorrer de uma ação de patrulhamento, os militares detiveram o suspeito em flagrante, enquanto fazia uma espera ao javali, sem previsão legal para o efeito, o que culminou na apreensão de uma carabina e três munições.

O detido foi constituído arguido e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Castro Daire.

Local
Carregal do Sal: propostas ao Orçamento Participativo Municipal 2022 já estão a votação

Em Carregal do Sal estão a votação as propostas apresentadas no âmbito do Orçamento Participativo para 2022. A votação online decorre até dia 28 de outubro.

Proposta 1 – Limpar e cuidar, sem queimar! - aquisição de um Biotriturador. O equipamento tem como função destruir os sobrantes combustíveis e reduzi-los a estilha transformando potenciais fragilidades num material ou resíduo que poderá ser absorvido pela terra; utilizado em agropecuárias ou, ainda, ser aproveitado como uma solução de aquecimento. Valor: €22.755,00 | Proponente:  Carlos Alexandre Pais Baptista.

- Proposta 2 – Desfibrilhação automática externa para as escolas do Concelho – dotar o Agrupamento de Escolas do Concelho de Carregal do Sal e espaços mais frequentados por atletas em atividade escolar, de DAE (Desfibrilhador Automático Externo), num total de nove equipamentos.  Valor: €29.739,30 | Proponente: José Luís Abreu Chaves.

Proposta 3 – Requalificação da cobertura da sede do CCC – Substituição da cobertura de parte da sede do CCC, que é em fibrocimento por painel sandwich. Assim, contribuir também para melhorar o ambiente e transformar o espaço num local mais digno de ser usufruído. Valor: €30.000,00 | Proponente: Centro Cultural de Currelos.

Proposta 4 – Mobilidade para todos - Aquisição de uma carrinha ligeira de 7 lugares para dar apoio a pessoas idosas nas suas deslocações, a nível de saúde e outras; dar apoio as atividades desportivas e culturais da Freguesia de Parada, ficando a gestão da viatura entregue à respetiva Junta. Valor: €22.615,00 | Proponente: Henrique Marques.

Local
Pela primeira vez o Município de Viseu conquista Bandeira Verde ECOXXI

O Município de Viseu foi distinguido, pela primeira vez, com a Bandeira Verde ECOXXI, edição de 2021. 
A Bandeira Verde ECOXXI é um programa coordenado pela ABAE – Associação Bandeira Azul da Europa, que simboliza um compromisso pela sustentabilidade. Tem como objetivos identificar e reconhecer as boas práticas ambientais e sociais dos territórios em Portugal, e desafiar as entidades governamentais e a população em geral a projetar a construção de um futuro melhor.
No que respeita aos municípios, o programa analisa anualmente 21 indicadores e 65 subindicadores, para identificar e galardoar aqueles que de facto têm boas práticas de sustentabilidade. "Este reconhecimento vem comprovar o intenso trabalho que o Município de Viseu tem desenvolvido na área do ambiente e da sustentabilidade, ao longo dos últimos anos", refere a autarquia viseense.
"Num dos critérios analisados para este galardão – as Eco-Escolas – Viseu volta a bater recordes, contando com 13 estabelecimentos de ensino distinguidos em 2020/2021. No ano anterior, Viseu tinha alcançado 9 Eco-Escolas, consolidando desta forma uma tendência de crescimento que já se verificava desde 2017. Neste caso, a distinção reconhece o mérito dos estabelecimentos de ensino na concretização de vários objetivos ambientais e de sustentabilidade, nomeadamente um plano de ação alusivo aos temas da Água, Energia, Resíduos, Ar e/ou Espaços Exteriores", explica.
“Julgo que ninguém terá dúvidas de que Viseu está cada vez mais verde e sustentável, justificando em pleno a designação de Cidade-Jardim”, afirma Conceição Azevedo, a presidente da Câmara Municipal.

Local
Dia Mundial do Coração (29 de setembro) vai ser celebrado em Moimenta da Beira

Para comemorar o Dia Mundial do Coração, no dia 29 de setembro, o Gentes CLDS 4G Moimenta da Beira e a Unidade de Saúde Familiar Aquilino Ribeiro vão promover uma ação que pretende sensibilizar a população para os fatores de risco das doenças cardiovasculares.
O evento é aberto a toda a comunidade e vai decorrer nas instalações Gentes CLDS 4G, em Moimenta da Beira (em frente à central de camionagem), entre as 9h30 e as 12h00.
No local serão feitos rastreios dos fatores de risco, como Doença Coronária, Colesterol, Glicémia e Tensão Arterial.
De acordo com a Organização Mundial da Saúde, as doenças cardiovasculares (cardio = coração; vasculares = vasos sanguíneos) são a principal causa de morte em todo o mundo, e também a primeira causa de morte em Portugal.
Entre as doenças cardiovasculares destacam-se o enfarte agudo do miocárdio, o acidente vascular cerebral (ou AVC), a insuficiência cardíaca, a angina de peito, a, entre outras. A realização de rastreios precocemente e o tratamento adequado reduz o risco de complicações e a sua mortalidade.
Esta ação tem o apoio da Câmara Municipal de Moimenta da Beira e da Gente da Nave - Associação de Promoção Social de Alvite.

Local
Previsão de chuva e trovoada deixam o distrito de Viseu com aviso amarelo

O distrito de Viseu está esta quinta-feira (23 de setembro) com aviso amarelo devido à previsão de aguaceiros, por vezes fortes, que podem ser ocasionalmente de granizo e acompanhados de rajadas fortes. Há ainda o aviso amarelo por causa da previsão de trovoada.
Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o aviso amarelo está em vigor até às 21h00 desta quinta-feira.

Local
Em Mangualde foi criado o Conselho Municipal da Juventude (com áudio)

Em Mangualde foi criado o Conselho Municipal da Juventude.
Segundo o presidente da Câmara, Elísio Oliveira, é uma forma de envolver os jovens na agenda municipal.
Integram o projeto várias associações do concelho, desde a Cruz Vermelha de Mangualde, a Juventude Socialista, a Associação Juvenil Jovens do Castelo, o Núcleo de Estudantes Socialistas – ESFA, os Escuteiros de Mangualde, os Escuteiros de Santiago de Cassurrães, os Guias de Mangualde, a Associação de Estudantes do Agrupamento de Escolas de Mangualde, a Estrela do Mondego - Abrunhosa-a-Velha e a Juventude Social Democrata.

Local
Tondela: Termas de Sangemil acolhem mais uma edição do Vintage Jazz Tour

As Termas de Sangemil, no concelho de Tondela, acolhem este sábado, dia 25 de setembro, em parceria com as Termas Centro, mais uma edição do Vintage Jazz Tour. É um ciclo de eventos, em que o termalismo, A cultura, animação, nutrição e turismo se aliam.
"Esta é também uma forma de assinalar o Dia Mundial do Turismo, que se comemora a 27 de setembro", refere a autarquia de Tondela.
Pelas 15h00 tem lugar uma palestra sobre alimentação saudável, com a nutricionista Emília Rodrigues, "onde poderá ficar a conhecer recomendações para a perda de peso de uma forma mais saudável". De seguida sobe ao palco a Banda Mellow Tones.

Local
Alunos da Escola Profissional de Moimenta em intercâmbio em França

No Âmbito do Projeto Erasmus+, 31 alunos e seis professores da Escola Profissional de Moimenta da Beira partiram, na última segunda-feira (20 de setembro), para Luçon (cidade francesa) onde permanecerão em intercâmbio até 27 de setembro.
"Com esta viagem terão a oportunidade de partilhar os seus conhecimentos, experiências com colegas franceses do Lycée Pétré, sobre a temática 'Do Campo para a Mesa'. A escola pretende com este projeto valorizar e divulgar os produtos da região e também sua aplicação na gastronomia", refere a autarquia de Moimenta da Beira..
Já em França, os alunos e os professores da Escola Profissional de Moimenta visitaram, esta terça-feira, a fábrica de chocolate artesanal "Le chocolatier Sablais", em Orlonne, onde tiveram a oportunidade de fazer e revestir doces, fazer formas de chocolate, fazer confeitaria e panquecas de manteiga pura. Para finalizar o dia, os estudantes visitaram a praia “Le Veillon” e o estuário Payré.
De acordo com a Escola Profissional de Moimenta da Beira, o objetivo deste intercâmbio é “o desenvolvimento educativo, profissional e pessoal dos alunos contribuindo para o seu crescimento e reforçando a sua identidade europeia e cidadania ativa, formando assim melhores técnicos e melhores cidadãos”.

Local
Viseu: despiste causou um morto na EN16

O despiste de uma viatura provocou esta manhã de quarta-feira (22 de setembro), uma vítima mortal no concelho de Viseu. O acidente ocorreu na localidade de Oliveira de Baixo, na Estrada Nacional 16. 
A vítima é um homem com cerca de 85 anos. Segundo informações do CDOS, Comando Distrital de Operações de Socorro de Viseu, no local, esteve o Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Viseu.
A vítima foi assistida pelos bombeiros e o INEM, mas o óbito acabou por ser declarado no local e encaminhada para a morgue do Hospital de Viseu. No local estiveram 26 operacionais, entre bombeiros, INEM e GNR, apoiados por 10 viaturas.

Local
Mangualde: aulas de natação regressam no dia 11 de outubro

A Escola de Natação do Município de Mangualde abre no dia 11 de outubro para uma nova temporada. As inscrições podem ser efetuadas a partir do dia 4 de outubro, já as renovações a partir do dia 27 de setembro. As aulas irão decorrer no complexo das Piscinas Municipais até ao dia 30 de junho de 2022.
"Existem diversas aulas que englobam diferentes faixas etárias: nível de Adaptação ao Meio Aquático, crianças dos 3 aos 5 anos; nível de Natação Pura, dos 6 aos 17 anos e idade superior a 17 anos; aulas de Hidroginástica e Tarifário Combinado, a partir dos 14 anos. Existe ainda a modalidade de natação livre e a possibilidade de desfrutar do Centro de Saúde e Lazer, nomeadamente de squash e da sauna", refere a autarquia.
As inscrições e renovações poderão ser efetuadas a partir do próximo dia 27 de setembro na secretaria das Piscinas Municipais, de 2ª a 6ª feira, das 9h00 às 18h30. Para mais informações, os interessados deverão contactar o telefone: 232 619 820 ou o e-mail: desporto@cmmangualde.pt.
As Piscinas Municipais estarão abertas à comunidade de 2ª a 6ª feira, das 07h30 às 21h00 horas e aos sábados das 08h30 às 12h30 e das 14h30 às 19h30, estando encerradas aos domingos e nas seguintes interrupções: época de Natal de 27 a 31 de dezembro de 2021, no Carnaval a 1 de março de 2022 e na Páscoa a 16 de abril de 2022.

 

Local
Mangualde: duas salas da creche do Complexo Paroquial encerradas devido à Covid-19

Duas salas dos dois anos da creche do Complexo Paroquial de Mangualde estão encerradas devido a dois casos positivos à Covid-19. Duas crianças testaram positivo ao novo coronavírus, o que levou a que as restantes crianças ficassem em isolamento profilático. No total, e segundo informações da instituição, são 29 crianças e seis colaboradores que estão em casa e que aguardam o resultado do teste realizado. 
As salas em causa já foram desinfetadas e mantêm-se encerradas até dia 01 de outubro, altura em que as crianças e colaboradoras regressam ao Complexo Paroquial de Mangualde.
Nesta altura no concelho de Mangualde existem 28 casos ativos. Dados disponibilizados pela autarquia no início desta semana. No total, desde março de 2020, há o registo de 1543 pessoas diagnosticadas com Covid-19. 1487 recuperaram da doença e 28 pessoas morreram com problemas relacionados com a infeção. 

Local
Outono traz mais nuvens e aguaceiros para a região de Viseu

Esta quarta-feira (22 de setembro) fica marcada pelo início do outono e apesar do sol deste início de manhã e dos últimos dias, o tempo vai mudar. Esta quarta-feira, pode contar já com  aguaceiros, nebulosidade, trovoada e vento. O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) adianta que o céu vai apresentar-se pouco nublado ou limpo, mas a partir do meio da manhã haverá períodos de maior nebulosidade e aguaceiros, "ocasionalmente acompanhados de trovoadas durante a tarde, em especial em zonas montanhosas".
O vento soprará de fraco a moderado em todas as regiões do país com mais intensidade nas terras altas. Situação meteorológica que agrava para o dia de quinta-feira (23 de setembro). O distrito de Viseu fica sob aviso amarelo devido à previsão de aguaceiros, por vezes fortes, que podem ser ocasionalmente de granizo e acompanhados de rajadas fortes. Há ainda o aviso amarelo por causa da previsão de trovoada.
Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, o aviso amarelo está em vigor até às 21h00 de quinta-feira.

Local
Mangualde: feira de adoção de animais de companhia

No dia 23 de outubro, decorre em Mangualde a ”Feira de adoção” de animais de companhia. São cães e gatos provenientes do CROI (Centro de recolha oficial intermunicipal de animais de companhia, localizado no concelho de Sátão. Um serviço intermunicipal que abrange os concelhos de Mangualde, Sátão, Penalva do Castelo e Aguiar da Beira.
A iniciativa decorre em frente ao edificio da Câmara Municipal entre as 14h30 e as 17h30. Segundo a autarquia mangualdense, o animal adotado é entregue gratuitamente esterilizado, vacinado e identificado com microship.

Local
Penedono: CTT voltam ao concelho depois de encerrados em 2018

Na próxima sexta-feira (24 de setembro), a loja dos CTT volta a abrir em Penedono. O anúncio foi feito pelos CTT, Correios de Portugal. O serviço tinha sido encerrado em outubro de 2018. 
"Esta é a 32ª Loja em sede de concelho a ser reaberta, no âmbito do compromisso público dos CTT de reabrir Lojas únicas em sede de concelho, tendo em vista o reforço da elevada proximidade às populações e da capilaridade da rede, não procedendo, como já foi tornado público, a novos encerramentos", explicam os CTT.

 

Local
Viseu: Feriado municipal com homenagem a Almeida Henriques

Em dia de Feriado municipal em Viseu, o Viriato Teatro Municipal acolheu esta manhã de terça-feira (21 de setembro) a cerimónia em que foram homenageados oito personalidades e entidades, "pelo seu percurso, trabalho e dedicação em prol do concelho e da região".
Segundo a autarquia viseense, receberam a Medalha Municipal de Mérito João Caiado, Ernesto Paes de Almeida, Manuel Almeida Lucas e António José Marques de Matos Almeida, assim como o Dínamo Clube Estação, a Casa de Saúde de São Mateus e o Centro de Apoio a Deficientes de Santo Estevão. Já o "Capitão de Abril", Coronel Arnaldo Costeira, foi distinguido, numa homenagem póstuma, com a Medalha de Valor e Altruísmo.
"O Presidente António Almeida Henriques foi, também ele, numa emotiva homenagem, agraciado com a Medalha de Ouro da Cidade de Viseu e o Viriato de Ouro, ambos recebidos pela sua família", refere o município.
"Nesta cerimónia e dia, houve também lugar a um Voto de Louvor, a uma palavra de especial agradecimento e reconhecimento, a todos os homens e mulheres que, nestes meses difíceis de combate à pandemia, provaram a sua dedicação, altruísmo, coragem e resiliência perante as adversidades, lutando, diariamente, pelo bem-estar de toda a comunidade. Um bem-haja a todos Vós", agradede a Câmara Municipal de Viseu.

Local
S. Pedro do Sul: projeto de reabilitação das Termas Romanas selecionado para prémio internacional

O Projeto de Valorização, Reabilitação e Conservação das Termas Romanas de S. Pedro do Sul, da autoria de João Mendes Ribeiro, foi selecionado entre mais de mil projetos internacionais para representar o melhor da arquitetura em Portugal para o Prémio Internacional de Arquitetura “BigMat’21”.
O Prémio tem por objetivo premiar a excelência arquitetónica, favorecendo desta forma o diálogo entre as diferentes figuras que participam no setor da arquitetura, em benefício de uma construção de qualidade. A atenção é fixada nas obras de arquitetura que tenham contribuído consideravelmente para a cultura arquitetónica contemporânea através de uma particular sensibilidade destas obras no seu diálogo com temas atemporais da história da arquitetura, assim como na sua relação com parâmetros de eficiência energética, construção sustentável e a procura de um maior conforto na habitabilidade.

Local
Mangualde: obras na EN234 junto à freguesia de Espinho condiciona trânsito até sexta-feira

Até sexta-feira (24 de setembro), a Estrada Nacional 234, junto ao cruzamento para a freguesia de Espinho, no concelho de Mangualde, está a ser alvo de uma intervenção da Infraestruturas de Portugal (IP). Os trabalhos implicam o levantamento e reperfilamento do pavimento em calçada.
"Para a boa execução desta empreitada, que decorre diariamente entre entre as 8h00 e as 18h00 torna-se necessário implementar trânsito alternado à passagem no local", adianta a IP.
“A obra vai assegurar o reforço dos níveis de qualidade da infraestrutura rodoviária e a melhoria das condições de segurança e circulação na EN234”, acrescenta.
“Agradecemos a melhor compreensão pelos eventuais transtornos que o condicionamento à circulação possa provocar”, conclui a Infraestruturas de Portugal.

Local
Sol, mas de 'pouca dura'. A chuva vai regressar (com áudio)

O sol na região de Viseu vai dar lugar à chuva a partir de quarta ou quinta-feira (21 ou 22 de setembro).
A previsão é da meteorologista Maria João Frada que aponta ainda para algum vento.
A temperatura vai manter-se pouco acima dos 20 graus.

 

Local
Viseu: Quinta da Cruz promove 'Manhãs na Horta"

Na próxima sexta-feira, dia 25 de setembro, pelas 11h00, a Quinta da Cruz – Centro de Arte promove a quarta sessão das “Manhãs na Horta”.
A atividade integra o projeto “Horta de Deméter”, que tem como objetivo a promoção da inclusão social, através das artes performativas e visuais.
"À semelhança da sessão anterior, o programa conta com a presença de Ricardo Augusto Pereira, que brindará todos os participantes com os seus ritmos, desafiando-os a fazer parte de uma atividade musical", explica a autarquia viseense.
"Um bom momento de partilha e convívio exige uma refeição animada. Todas as famílias que assim desejarem, poderão trazer consigo uma manta, lanche e muita alegria para um piquenique", acrescenta.
𝘖 𝘱𝘳𝘰𝘫𝘦𝘵𝘰 "𝘏𝘰𝘳𝘵𝘢 𝘥𝘦 𝘋𝘦𝘮é𝘵𝘦𝘳" é 𝘢𝘱𝘰𝘪𝘢𝘥𝘰 𝘱𝘦𝘭𝘰 𝘗𝘳𝘰𝘨𝘳𝘢𝘮𝘢 𝘗𝘈𝘙𝘛𝘐𝘚 & 𝘈𝘳𝘵 𝘧𝘰𝘳 𝘊𝘩𝘢𝘯𝘨𝘦, 𝘶𝘮𝘢 𝘪𝘯𝘪𝘤𝘪𝘢𝘵𝘪𝘷𝘢 𝘥𝘢 𝘍𝘶𝘯𝘥𝘢çã𝘰 𝘊𝘢𝘭𝘰𝘶𝘴𝘵𝘦 𝘎𝘶𝘭𝘣𝘦𝘯𝘬𝘪𝘢𝘯 𝘦 𝘥𝘢 𝘍𝘶𝘯𝘥𝘢çã𝘰 "𝘭𝘢 𝘊𝘢𝘪𝘹𝘢” 𝘦 é 𝘥𝘦𝘴𝘦𝘯𝘷𝘰𝘭𝘷𝘪𝘥𝘰 𝘱𝘦𝘭𝘢 𝘕𝘐𝘊𝘏𝘖, 𝘦𝘮 𝘱𝘢𝘳𝘤𝘦𝘳𝘪𝘢 𝘤𝘰𝘮 𝘰 𝘔𝘶𝘯𝘪𝘤í𝘱𝘪𝘰 𝘥𝘦 𝘝𝘪𝘴𝘦𝘶, 𝘢 𝘌𝘴𝘤𝘰𝘭𝘢 𝘚𝘶𝘱𝘦𝘳𝘪𝘰𝘳 𝘈𝘨𝘳á𝘳𝘪𝘢 𝘥𝘦 𝘝𝘪𝘴𝘦𝘶, 𝘰 𝘓𝘢𝘳 𝘌𝘴𝘤𝘰𝘭𝘢 𝘥𝘦 𝘚𝘢𝘯𝘵𝘰 𝘈𝘯𝘵ó𝘯𝘪𝘰, 𝘢 𝘌𝘴𝘤𝘰𝘭𝘢 𝘚𝘦𝘤𝘶𝘯𝘥á𝘳𝘪𝘢 𝘥𝘦 𝘝𝘪𝘳𝘪𝘢𝘵𝘰 𝘦 𝘢 𝘈𝘚𝘚𝘖𝘓.

Local
Municípios da Rede Patrimonial Viseu Dão Lafões com visitas aos recursos culturais e patrimoniais

A Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, no âmbito da candidatura "Produtos Turísticos Integrados da Região – Ativação da Rede Patrimonial Intermunicipal", financiada ao abrigo do Programa Centro 2020, tem vindo a promover um conjunto de iniciativas para a criação e ativação da Rede Patrimonial Intermunicipal.
Assim, com o envolvimento direto dos técnicos municipais de turismo e responsáveis pelos recursos culturais e patrimoniais dos 14 municípios, o processo de capacitação iniciado em novembro de 2020, culmina agora com a realização de um conjunto de visitas-teste. Estas visitas integram-se no processo de estruturação da Rede Patrimonial Viseu Dão Lafões, permitindo a realização de momentos de trabalho entre os municípios, através do conhecimento e descoberta dos recursos culturais e patrimoniais.
As visitas-teste são tidas como um formato prático e dinâmico, que permite aos técnicos das áreas da cultura, património e turismo, conhecer os recursos e produtos turísticos da região, no âmbito das suas competências e atividades de visitação, com o objetivo de promover a qualificação da oferta do segmento de Turismo Cultural.
As visitas-teste encontram-se a decorrer até ao dia 1 de outubro, com programas preparados ao pormenor pelos próprios municípios, atendendo aos recursos visados no Roteiro da Rede Patrimonial Viseu Dão Lafões. Esta ação permitirá intensificar as redes de colaboração e cooperação intermunicipais e qualificar a oferta turística da região.
Segundo o Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho,  “a CIM tem vindo a trabalhar o posicionamento de Viseu Dão Lafões enquanto destino de excelência no âmbito do turismo cultural e patrimonial, nesse sentido temos focado o  nosso "know-how", não só, na ativação e valorização dos inúmeros recursos patrimoniais do território, mas também, na qualificação dos técnicos e agentes de turismo, cultura e património espalhados pelo território".
"Neste esforço de valorização do património e de qualificação de recursos humanos, as visitas-teste, que a CIM se encontra a promover, afiguram-se como uma ferramenta essencial para o desenvolvimento de um conhecimento mais profundo da vasta riqueza arquitetónica, arqueológica e patrimonial que compõe todo o território de Viseu Dão Lafões, ficando os agentes turísticos mais qualificados para dar resposta às necessidades e questões dos turistas a uma escala intermunicipal", concluiu.

Calendário:

· 23 e 24 de setembro: Aguiar da Beira, Mangualde, Penalva do Castelo, Sátão e Vila Nova de Paiva

· 30 de setembro e 1 de outubro: Castro Daire, São Pedro do Sul, Oliveira de Frades e Viseu

Local
CIM Viseu Dão Lafões promove vistas à região para profissionais do turismo

A Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões iniciou, na quinta-feira (16 de setembro), a segunda fase do processo de criação e ativação da Rede Patrimonial Viseu Dão Lafões.
Nesta fase constituída por três visitas-teste, com a duração de dois dias cada, a CIM Viseu Dão Lafões procura "fomentar o desenvolvimento de laços de trabalho entre os 14 municípios que constituem a rede e, simultaneamente, gerar um conhecimento partilhado sobre o território no que respeita aos seus recursos culturais e patrimoniais".
"O formato prático e dinâmico destas visitas permite ao público-alvo (profissionais de turismo, acolhimento e comunicação turística dos 14 municípios) conhecer o território como um todo e, no âmbito das suas competências, promover constantes melhorias ao nível da experiência de Turismo Cultural para quem visita a Região", explica a CIM.
No dia de arranque, a primeira visita-teste contou com paragens em Vouzela, Tondela e Santa Comba Dão, tendo sido distribuído o "Toolkit Hospitalidade e Estruturação Turística", entre todos os participantes.

Local
Castro Daire: Assembleia da República aprova plano para despoluição e conservação do Rio Paiva

A Assembleia da República (AR)aprovou esta sexta-feira (17 de setembro), por maioria, um plano para a despoluição do Rio Paiva e conservação do curso de água. Um tema que foi apresentado na AR como Projeto de Resolução pelo partido PAN, acompanhado de projetos semelhantes apresentados pelo CDS, PEV e BE. 
"A Associação S.O.S. Rio Paiva congratula-se com esta votação histórica, uma vez que a despoluição do Rio Paiva é uma reivindicação com mais de duas décadas, durante as quais foram apresentadas centenas de denúncias de descargas poluentes, corte ilegal de vegetação ripícola, construção ilegal de infraestruturas nas margens e em terrenos protegidos, violação do caudal ecológico, entre outras, num rio que é atualmente classificado como 'Zona Especial de Conservação da Rede Natura 2000'", refere a associação em comunicado.
O projeto apresentado do PAN exige ainda que o Governo interceda, em parceria com a Câmara Municipal de Castro Daire, para que a nova ETAR do Arinho entre em funcionamento. Segundo a S.O.S Rio Paiva, a ETAR, que vai substituir a velha ETAR da Ponte Pedrinha, "encontra-se concluída há dois anos, sem que a Câmara de Castro Daire se pronuncie sobre o assunto e explique o motivo para o atraso na entrada em funcionamento daquele importante equipamento".
"Nos últimos anos, o Rio Paiva foi alvo de um investimento de largos milhões de euros em infraestruturas turísticas, com destaque para o município de Arouca, onde foram construídos os "passadiços do Paiva" e a ponte "365 Arouca" sobre o Rio Paiva, mas as questões relacionadas com a conservação, a poluição ou a regulamentação dos desportos de aventura, ficaram esquecidas pelo poder político, sem que fosse realizado um plano para determinar e minimizar os impactos do turismo na conservação deste rio, como foi proposto pela associação S.O.S. Rio Paiva antes do avanço destes investimentos", explica.
A associação acrescenta ainda que "há anos que a S.O.S. Rio Paiva defende um investimento mais sustentável, que proporcione aos turistas uma experiência positiva, em vez da situação atual que consideramos muito lesiva da conservação deste curso de água, porque não foram tomadas medidas para minimizar os impactos da pressão de um turismo de massas".
"Infelizmente, ao chegar ao Rio Paiva, os milhares de turistas e os praticantes de desportos de aventura, são confrontados com a poluição e a interdição da prática balnear, devido à contaminação preocupante das águas. Além disso, há graves problemas com a plantação de monocultura de eucalipto nas margens, destruição da galeria ripícola, avanço de espécies invasoras e problemas graves de seca em alguns troços do rio entre a nascente, em Moimenta da Beira, e o concelho de Castro Daire, fruto da construção de açudes e levadas (ilegais) que retêm a água sem respeitar o caudal ecológico, facto que já deu origem a várias denúncias, sem que nada fosse feito", conclui a associação S.O.S. Rio Paiva. 

Local
Mangualde: autarquia volta a atribuir bolsas de estudo a alunos do concelho

Pelo sexto ano consecutivo, a Câmara Municipal de Mangualde volta a atribuir bolsas de estudo aos estudantes do Ensino Superior do concelho. Segundo a autarquia, nos últimos cinco anos foram atribuídas 144 bolsas, representando um investimento total de 57 mil e 500 euros.
"Trata-se de uma ação inserida nas políticas educativas e sociais do município, que visa ajudar os jovens da região em que as condições financeiras do agregado familiar não permitem que frequente o Ensino Superior", refere a Câmara Municipal.
"Considerando as dificuldades económicas que afetam algumas famílias do município, a autarquia de Mangualde entende que deve apoiar e motivar a progressão de estudos após a escolaridade obrigatória, através da atribuição de bolsas de estudo a jovens naturais e residentes do concelho, incentivando assim a formação de quadros técnicos superiores na região. Esta medida para além combater o abandono escolar por falta de condições monetárias, é uma iniciativa de promoção à igualdade de oportunidade e coesão social", explica.
As Bolsas de Estudo destinam-se a estudantes matriculados "em cursos conducentes ao grau de licenciatura, com ou sem mestrado integrado, e ao grau de mestrado, sendo atribuídas em função dos rendimentos anuais do agregado familiar".
As candidaturas às bolsas de estudo decorrem de 1 de outubro a 15 de novembro 
e devem ser apresentadas, com o preenchimento do boletim de candidatura e dos respetivos documentos obrigatórios, no Gabinete de Ação Social de Mangualde ou no Balcão Único.

Local
Greve de trabalhadores limita serviços de alimentação, lavandaria e manutenção do Hospital de Viseu

Trabalhadores do SUCH, serviços de alimentação, lavandaria e manutenção do Hospital de São Teotónio em Viseu voltam este sábado (18 de setembro) à greve.
Em causa as reivindicações que a empresa responsável ainda não atendeu, como explica Afonso Figueiredo, do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Hotelaria, Turismo, Restaurantes e Similares do Centro.
O sindicalista espera uma forte adesão à greve dos trabalhadores.

Local
Viseu passa ter gabinete destinado a crianças e jovens vítimas de violência doméstica

A Casa do Povo de Abraveses, no concelho de Viseu, vai integrar uma equipa de apoio psicológico e psicoterapêutico de crianças e jovens vítimas de violência doméstica. Ao todo são 31 equipas para todo o país e que foram apresentadas esta quinta-feira (16 de setembro), em Viseu, pela secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade, Rosa Monteiro. Uma parceria com o Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) da Comarca de Viseu que passa a ter um gabinete de atendimento às vítimas.
A secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Rosa Monteiro, sublinhou a importância do Gabinete de Informação e Estabilização da Vítima (GIEV), que trabalhará em proximidade com o Ministério Público.
“Tem a particularidade de ter uma parceria específica na qual intervém a Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género, que acompanhará todo o processo, potenciará ações de capacitação, de formação e de acompanhamento”, explicou a governante.
A secretária de Estado adiantou que a equipa, que é multidisciplinar, ”apoiará toda a componente não só de estabilização emocional, mas também facilitará o acesso à justiça, à compreensão dos procedimentos necessários”.
“Caso se considere adequado, acompanhará nos momentos de prestação de declarações, de confronto, e também apoiará no próprio processo de avaliação de risco, de elaboração das medidas de proteção das vítimas e de afastamento e contenção da pessoa agressora”, acrescentou.

Local
Representante das Misericórdias de Viseu defende terceira dose de vacina para pessoas vulneráveis

O presidente do secretariado regional de Viseu da União das Misericórdias Portuguesas, José Tomás, disse hoje à agência Lusa, após apresentação do estudo denominado “Protetor covid-19”, que é muito importante” a terceira dose da vacina para as pessoas mais vulneráveis.
O estudo do Algarve Biomedical Center e da Fundação Champalimaud realizado em mais de cinco mil pessoas vacinadas e apresentado esta quinta-feira (16 de setembro) concluiu que, passados quatro meses após duas doses de vacina contra a covid-19, há uma “diminuição abrupta” dos anticorpos.
“Estes dados são muito importantes para o futuro, nomeadamente para aquilo que hoje se fala, a terceira dose para as pessoas mais vulneráveis e mais frágeis e é isso que estamos aqui a falar e de que não há grandes dúvidas, depois da apresentação deste estudo, de que estes dados são uma informação extremamente relevante para as decisões que forem tomadas”, defendeu José Tomás.
Este responsável das Misericórdias e provedor da Santa Casa de Mangualde, falava à agência Lusa no final da apresentação, em Viseu, do estudo “Protetor covid-19”, realizado pelo Algarve Biomedical Center, em parceria com a Fundação Champalimaud e com o apoio do Ministério do Trabalho, Solidariedade e da Segurança Social.

Local
Tondela: um homem foi detido por furto

Por furto no concelho de Viseu, um homem de 42 anos foi detido pela GNR.
No âmbito de uma investigação que decorria há dois meses, os militares realizaram quatro mandados de busca que culminaram na recuperação de diversos artigos furtados. A GNR apreendeu  também um quadriciclo, cordão detonante, 66 gramas de pólvora e seis munições.
O detido foi constituído arguido, e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Tondela.

Local
Viseu: Executivo aprovou homenagem a oito personalidades e entidades no Dia do Município

João Caiado, Capitão Arnaldo Costeira, Ernesto Paes de Almeida, Manuel Almeida Lucas e António José Marques de Matos Almeida, são as personalidades que serão galardoadas no Dia do Município de Viseu, na próxima terça-feira (21 de setembro). Às individualidades, juntam-se três coletividades do concelho, nomeadamente o Dínamo Clube Estação, a Casa de Saúde de São Mateus e o Centro de Apoio a Deficientes de Santo Estevão.
 
“Depois de um ano terrível para o país e o mundo e, pelas razões que todos conhecem, também de forma muito contundente para Viseu, o Município faz questão de celebrar o 21 de setembro e homenagear estas personalidades e coletividades que tanto fizeram pela nossa vida em comunidade”, afirmou Conceição Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Viseu. A autarquia de Viseu não esqueceu o trabalho desempenhado pelos profissionais de saúde durante este período, que Conceição Azevedo considerou “inexcedível e com uma abnegação, altruísmo e compaixão que ultrapassa em muito o dever e obrigações profissionais”.
Nesse sentido, o Município de Viseu aprovou também um Voto de Louvor a estes profissionais, a realizar no Dia do Município. “No momento em que surgiram os primeiros sinais de recuo da pandemia, foram eles que, com o seu conhecimento e experiência, aconselharam e deram o seu melhor para manter a situação controlada. Quando foi necessário recuar, porque o surto epidemiológico recrudesceu, foram também os Profissionais de Saúde que abdicaram das suas férias, das horas de convívio com os seus entes queridos e, muitas vezes, da sua vida familiar para, uma vez mais, dar a resposta que os portugueses necessitavam”, lê-se no texto, que destaca ainda “o papel desempenhado por todos os viseenses, que foram capazes de dar o seu melhor durante os últimos 18 meses”.
No que respeita aos galardões Municipais, nomeadamente às Medalhas de Mérito a atribuir, as diferentes personalidades e instituições serão distinguidas pelo “meritório trabalho desenvolvido no concelho”. João Caiado tem um longo percurso na área Educativa e, nos últimos 30 anos destacou-se como Diretor do Agrupamento de Escolas Infante D. Henrique, em Repeses. Ernesto Paes de Almeida é homenageado em virtude da recente doação ao Museu Nacional Grão Vasco de uma coleção de obras de arte de grande valor. Já no caso de Manuel Almeida Lucas, o Município vem reconhecer o percurso empreendedor e inovador que fez no concelho e na região, onde se dedicou à área da restauração. António José Marques de Matos Almeida é distinguido pela carreira como cavaleiro, durante a qual conquistou vários prémios e vitórias para Viseu.
Entre as coletividades, será homenageado o Dínamo Clube Estação que, ao longo de 50 anos de existência, formou milhares de jovens viseenses em diferentes modalidades desportivas. A Casa de Saúde de São Mateus, que este ano celebrou 60 anos de vida, receberá a Medalha de Mérito por todo o trabalho desenvolvido em prol da saúde dos viseenses. Também na área da Saúde, será ainda galardoado o Centro de Apoio a Deficientes de Santo Estêvão, pelo apoio e promoção da qualidade de vida de pessoas com deficiência profunda. Foi ainda aprovada a atribuição da Medalha de Valor e Altruísmo ao Capitão de Abril Arnaldo Costeira, responsável pelo comando da Companhia Operacional do Regimento de Infantaria 14, de Viseu, durante a revolução dos cravos.
De referir que o Dia do Município de Viseu será ainda marcado pela homenagem ao antigo Presidente da Câmara. António Almeida Henriques será distinguido com a Medalha de Ouro do Município e com o Viriato de Ouro, a mais elevada condecoração de Viseu, aprovada em Assembleia Municipal. “Nunca esqueceremos o que fez por nós, por Viseu e pela região. António Almeida Henriques merece a nossa sentida homenagem”, conclui Conceição Azevedo.

Local
Penalva do Castelo: Adega recebe milhões de quilos de uvas (com áudio)

Dezenas de tratores deslocam-se diariamente para a Adega de Penalva do Castelo carregados de uvas. Uma situação que se repete todos os anos por altura das vindimas. O presidente da direção da adega, José Clemente, faz o ponto de situação.
Este ano, a estimativa aponta para mais dois milhões de quilos de uvas a entrar na adega de Penalva do Castelo, comparando com o ano passado, mas a qualidade pode ser inferior.

 

Local
Mangualde: trânsito interrompido na EN16

Ao longo desta manhã de quinta-feira (16 de setembro), o trânsito está interrompido na Estrada Nacional (EN) 16, em Mangualde. A informação é avançada pela Câmara Municipal que justifica a medida com trabalhos de manutenção, em ambos os sentidos.
Como alternativa para quem pretende circular naqulela zona da EN16 é a "ligação Almeidinha-Bairro do Modorno / Bairro do Modorno - Almeidinha"

Local
Aguiar da Beira: autarquia suporta custos com trasporte escolar

A autarquia de Aguiar da Beira vai, este ano pela primeira vez, suportar os custos dos transportes escolares a crianças do concelho. O transporte escolar é responsabilidade da Câmara Municipal de Aguiar da Beira, mediante a contratação de serviços à empresa União de Sátao e Aguiar da Beira. que assegura o transporte em carreiras públicas no concelho, e a outras empresas do setor sedeadas em Aguiar da Beira.
Dando cumprimento às atribuições e competências do município no domínio da Educação, designadamente, no que concerne à organização, financiamento e controle de funcionamento dos transportes escolares,  resultou aprovado o  Regulamento para atribuição de transportes escolares do Município de Aguiar da Beira
"Através deste regulamento é estabelecido, pela primeira vez, o trasnporte escolar gratuito para todos os alunos residentes no concelho de Aguiar da Beira que cumpram determinados requisitos, bem como para os alunos residentes nos municípios limítrofes que frequentem o Agrupamento de Escolas de Aguiar da Beira. Desta forma, os estudantes dos 1º, 2º, 3º CEB e Secundário, são transportados em regime de passe", explica a autarquia.

Local
Cinfães: já foram adjudicadas as obras para o Parque Botânico e Fluvial Temático do Rio Paiva

A Câmara Municipal de Cinfães adjudicou a execução do Parque Botânico e Fluvial Temático do Rio Paiva, pelo valor de €508.220,04. Depois da construção do Parque Fluvial do KM10, o município continua a aposta de valorização "de um dos recursos naturais mais valiosos do concelho, o Rio Paiva".
"O investimento vai nascer no lugar Lagoa, também conhecido como Eirinhas e prevê a construção de um edifício de apoio ao parque com bar, instalações sanitárias, arrumos e um terraço para observação de aves e contemplação da natureza, criação de uma rede de percursos equipados com mobiliário urbano", explica a autarquia.
A colocação de abrigos para aves e comedouros, a identificação das diferentes espécies da fauna e flora, implementação de novas espécies e a criação de jogos de natureza, um parque de estacionamento e infraestruturas de apoio (rede de abastecimento de água, saneamento, iluminação pública, rede de águas pluviais e telecomunicações), são outras opções que o futuro Parque Botânico e Fluvial Temático do Rio Paiva vai dipsonibilizar, segundo informações da Câmara Municipal de Cinfães.

Local
De passagem por Viseu, Gouveia e Melo disse que a primeira batalha contra o virus está ganha

O responsável pela ‘task-force’ que coordena o programa de vacinas contra a covid-19, vice-almirante Henrique Gouveia e Melo, assumiu hoje que Portugal “já ganhou a este vírus”.

“Nós já ganhámos a este vírus, pelo menos, a primeira batalha está ganha e isso é um grande alívio para todos nós”, assumiu hoje o vice-almirante Henrique Gouveia e Melo em Viseu, na cerimónia de abertura da Escola secundária Alves Martins, onde estudou com 15 anos.

À margem da cerimónia, justificou aos jornalistas que a batalha está ganha, “porque a incidência está a cair apesar do estado de desconfinamento” em que o país se encontra, já depois do período de férias e da presença de estrangeiros.

“O processo de vacinação venceu o vírus e agora temos de começar a aprender a reganhar a nossa liberdade e a nossa vida. É isso que temos de fazer, claro que com alguns cuidados. Temos de ser inteligentes, também não podemos ser descuidados”, alertou.

Com a taxa de vacinação a atingir “quase os 86% das primeiras doses”, sendo que “normalmente um mês depois atinge-se o mesmo em termos de segunda dose ou vacinação completa”, o vice-almirante disse estar satisfeito com o resultado.

“O processo de vacinação ajudou-nos imenso nisto e nós estamos verdadeiramente satisfeitos, enquanto comunidade, devemos estar verdadeiramente satisfeitos connosco próprios, porque foi uma pequena taxa de pessoas negacionistas que fez com que chegássemos a este processo, com esta taxa imensa de vacinação completa”, destacou.

O vice-almirante Gouveia e Melo desvalorizou ainda o facto de Portugal ser o primeiro país do mundo em termos de taxa de cobertura de vacinação, dizendo que isso não o preocupa, sendo que a sua preocupação “é se essa taxa é suficiente para haver proteção de grupo e eventualmente a imunidade de grupo”.

“Estou confiante que sim, mas só o futuro o dirá, mas se atingirmos essa imunidade de grupo ou, pelo menos, a proteção de grupo, são excelentes notícias para o nosso país e para a nossa vida, daqui para diante”, defendeu.

O responsável disse ainda, perante dezenas de professoras presentes no ginásio, que foram “superados em mais de 85% a vacinação dos jovens dos 12 aos 19 anos”.

“Podem pensar que é pouco”, mas o vice-almirante explicou que “é muito, porque há 5% ou 6% que ainda são recuperados, que não podem ser vacinados, portanto, são mais de 90%” de pessoas vacinadas.

Perante questões levantadas por professores, Gouveia e Melo defendeu que “a melhor postura perante os negacionistas, que vivem numa bolha em que se autoalimentam, é a democracia” e, neste sentido, mostrou-se “muito satisfeito” por o Estado de Direito funcionar, ao chamar as pessoas, que o insultaram e ameaçaram, à justiça.

“A democracia é isto. É exigir a nós próprios exercer a democracia todos os dias e exercer a democracia é não permitir que alguém nos grite aos ouvidos e nos empurre para as ideias deles. As pessoas podem ter as suas ideias, é perfeitamente legítimo, não têm é que me vender essas ideias de forma agressiva, como eu também não vendo as minhas ideias de forma agressiva. Isso é democracia”, definiu.

Aos professores, o vice-almirante terminou as suas palavras sobre a vacinação e o processo em que esteve envolvido: “Estejam confiantes que 2022 vai ser um ano completamente diferente de 2021 e também diferente do fim de 2020 e até meados de 2020, porque nós vencemos o vírus. Não sou político (…) sou genuíno no que estou a dizer e fizemos o máximo para acabar o processo o mais rapidamente, só que o processo foi condicionado pela disponibilidade de vacinas”, concluiu.

Local
Moimenta da Beira: mais de 600 munições e três armas apreendidas no âmbito de violência doméstica

Por posse ilegal de arma, no âmbito de um processo por violência doméstica, no concelho de Moimenta da Beira, um homem de 53 anos foi detido pela GNR.
Os militares apuraram que o suspeito agrediu física e psicologicamente a vítima,  a esposa de 38 anos. Depois de vários mandados de busca, a GNR apreendeu duas caçadeiras, uma pistola e 644 munições e cartuchos de diversos calibres.
O detido foi constituído arguido, e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Moimenta da Beira.

Local
Chuva dá tréguas, na região de Viseu, a partir desta quinta-feira

O distrito de Viseu continua com aviso amarelo até às 18h00 desta quarta-feira (15 de setembro), devido à previsão de chuva que pode ser acompanhada de trovoada. Durante a última noite ainda houve o registo de algumas ocorrências de inundações na região.  
Para quinta-feira (16 de setembro) está prevista uma melhoria do estado do tempo com a chuva a dar trégua e a temperatura a subir. Situação que se vai manter ao longo dos próximos dias.

Local
A nova Miss Viseu é Ana Rita Ferreira


Ana Rita Ferreira é a nova Miss Viseu, eleita no passado fim-de-semana. Kelly Matos é a Mrs. Viseu e Mariana Rodrigues a Miss Teen Viseu.
Na gala foi ainda distinguida como Miss Viseu Popular, Catarina Rodrigues, Carina Querido a Miss Viseu Simpatia e Ana Rita Ferreira foi distinguida como Miss Viseu Fotogenia.
As damas Miss Teen são Francisca Antunes e Lara Fabiana, enquanto a primeira dama Mrs. Viseu é Ângela Morgado. As damas Miss Viseu são Sílvia Pereira e Daniela Figueiredo.
Na edição deste ano, segundo a organização, participaram 18 candidatas de vários pontos do distrito de Viseu. Uma edição com uma vertente mais solidária. Às Obras Sociais foi entregue um cheque de 250 euros.

Local
Stellantis Centro de Mangualde oferece material escolar aos filhos dos colaboradores

A fábrica de automóveis de Mangualde, a Stellantis Centro de Mangualde, volta este ano a ofercer material escolar aos filhos dos colaboradores, numa altura marcada pelo regresso às aulas.
"Para muitas famílias começa mais um ciclo de aulas e atividades, tudo para garantir que os mais novos tenham o melhor para o futuro", refere a empresa acrescentando que a "Stellantis Centro de Mangualde volta a contribuir para a construção desse futuro, com a oferta de um kit escolar a todos os filhos dos colaboradores entre os 6 e os 18 anos".
A iniciativa da antiga PSA  é realizada desde 2015.
Segundo a fábrica, mais de quatro mil kits com diverso material escolar já foram oferecidos.

Local
Mangualde: Loja Social chega a mais de mil pessoas em nove anos

A Loja Social de Mangualde completa esta terça-feira (14 de setembro) nove anos de atividade. É uma das respostas da Ação Social do município e "pretende atenuar as situações de pobreza/exclusão social e criar redes de proximidade entre agentes públicos e privados, que permitam promover a interajuda, dar respostas e encontrar soluções para situações de carência diagnosticadas quer pelo Serviço de Ação Social e Saúde, quer pelos outros parceiros da Rede Social".
Maria José Coelho, vereadora da Ação Social da Câmara Municipal de Mangualde, destaca que “há nove anos inaugurámos a Loja Social com objetivos sociais bem determinados. Hoje, sentimos um grande orgulho nessa determinação e no trabalho realizado em parceria com as instituições públicas, privadas e com a comunidade. Ao longo destes anos já ajudámos muitas pessoas e é nessa caminhada de interajuda que nos identificamos e que marcamos presença para ajudar quem mais precisa, duma forma solidária, justa, altruísta e sempre na perspetiva do bem comum. Parabéns à nossa Loja Social, parabéns a todas/os que colaboram connosco e nos ajudam”.
Segundo a autarquia mangualdense, a Loja Social tem vindo a registar uma forte dinâmica, assumindo especial relevância para a comunidade tendo apoiado, desde o seu início até à presente data, mais de 300 agregados familiares, num total de cerca de 1000 pessoas beneficiárias.

Local
Mangualde: arrancam obras do antigo cineteatro (com áudio)

Obras de requalificação do antigo cineteatro de Mangualde arrancaram esta semana com a colocação da vedação do edifício. Obras há vários anos aguardadas pela população local.
Uma intervenção que vai decorrer ao longo do próximo ano e meio, como refere Elísio Oliveira, o presidente da Câmara Municipal.
Com a evolução das obras, o trânsito na Rua Combatentes da Grande Guerra vai sofrer alguns condicionamentos.

Local
Viseu: GNR recebe cinco novas viaturas (com áudio)

O Comando Territorial da GNR de Viseu recebeu cinco novas viaturas. São veículos ligeiros de passageiros para reforçar o patrulhamento e que vão ser distribuídas pelos postos territoriais do distrito, como explica o Tenente coronel Adriano Resende, relações públicas da GNR de Viseu.
Segundo o relações públicas da GNR de Viseu o reforço de viaturas nunca é demais.

Local
Docentes do Politécnico de Viseu entre os finalistas dos Hospitality Education Awards

Duas docentes do Instituto Politécnico de Viseu (IPV), Cristina Barroco e Ana Sofia Duque, estão entre os finalistas dos Hospitality Education Awards, que se destinam a premiar a Formação Turística em Portugal.
Cristina Barroco está entre os cinco finalistas na categoria de “Melhor Carreira de Docente no Ensino Superior, o mesmo acontecendo com Ana Sofia Duque para a categoria de “Melhor Carreira Jovem”. As duas docentes nomeadas para estes prémios são professoras da Área de Turismo na Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu do IPV.
Os Hospitality Education Awards destacam várias categorias: Melhor Projeto Educacional; Melhor Projeto de Inovação; Melhor Carreira de Docente no Ensino Profissional; Melhor Stakeholder; Melhor Carreira Jovem, Melhor Professor/Formador no Digital; Prémio Forum Turismo; Melhor Careira de Docente no Ensino Superior.
O Prémio para “Melhor Carreira de Docente do Ensino Superior”, onde a docente Cristina Barroco é uma das cinco finalistas, reconhece a carreira académica e profissional de um professor do ensino superior em turismo e hospitalidade.
A distinção de “Melhor Carreira Jovem”, para a qual a professora Ana Sofia Duque está nomeada, reconhece um jovem profissional com carreira igualmente na área do turismo e hospitalidade, cuja idade seja até aos 35 anos. O vencedor desta categoria será escolhido entre os finalistas, mas através de votação pública, a decorrer até ao próximo dia 15 de setembro, no site www.hea.pt.
Os finalistas de ambas as categorias resultaram, primeiramente, da seleção de um júri constituído pelo Turismo de Portugal, I.P, Associação Nacional de Escolas Profissionais (ANESPO), Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), Rede de Instituições Públicas do Ensino Superior com Cursos na área do Turismo (RIPTUR) e Organização Mundial de Turismo (OMT). No caso da categoria integrada pela professora Cristina Barroco, “Melhor Carreira de Docente do Ensino Superior”, será também a estas entidades que pertence o direito de ditar o vencedor.
A cerimónia de entrega de prémios será no dia 27 de setembro, Dia Mundial do Turismo, no Auditório da Escola de Hotelaria e Turismo do Estoril.

 

Local
Lamego conta com mais uma Equipa de Intervenção Permanente (EIP)

O Município de Lamego, a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Lamego e a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, assinaram um protocolo para a criação de mais uma Equipa de Intervenção Permanente (EIP). Esta união de esforços, melhorará a eficiência da proteção civil e as condições de prevenção e socorro face a acidentes e catástrofes, e valorizará a associação de bombeiros voluntários de Lamego.

À Equipa de Intervenção Permanente cabe a missão de assegurar em permanência, serviços de socorro às populações de Lamego, nomeadamente através do combate a incêndios, socorro em caso de acidentes ou catástrofes, socorro a náufragos e a colaboração em outras ações de proteção civil e prevenção desenvolvidas pela associação de bombeiros.

 !Assim, esta equipa que deverá estar em permanência no quartel de bombeiros de Lamego para ocorrer a qualquer situação de urgência e emergência, será composta por cinco elementos, designadamente o chefe de equipa, recrutado na estrutura de comando, de entre oficiais bombeiros, chefes, subchefes ou bombeiros de 1.ª do quadro ativo do corpo de bombeiros e mais quatro bombeiros".

 "Através da Equipa de Intervenção Permanente será valorizada e reforçada a profissionalização e especialização dos operacionais e o desenvolvimento gradual de conhecimentos em valências diferenciadas para a atuação em cenários distintos".

Local
Distrito de Viseu está com aviso amarelo devido à chuva e trovoada (com áudio)

Desde as 12h00  desta segunda-feira (13 de setembro) que o distrito de Viseu está com aviso amarelo devido à previsão de trovoada. Alerta que se estende até às 12h00 de quarta-feira (15 de setembro).
O mesmo acontece em relação à previsão de aguaceiros, por vezes fortes, de granizo e acompanhados de rajadas de vento forte, como explica o meteorologista Bruno Café.
A partir da próxima quinta-feira (16 de setembro) o tempo melhora.

 

Local
Viseu: Quinta da Cruz assinala o Dia da Ecologia

Esta terça-feira, 14 de setembro, é assinalado o Dia da Ecologia. A Quinta da Cruz – Centro de Arte Contemporânea, em Viseu, e a ASPEA (Associação Portuguesa de Educação Ambiental) Viseu associam-se à programação nacional.
Os visitantes da Quinta da Cruz têm a oportunidade de participar na atividade “Que invasora sou?”, pelas 10H30.
"Nesta oficina experimental, todos irão colocar as mãos nas luvas, para ajudarem numa ação de controlo de plantas invasoras, através de técnicas como o descasque, o arranque e o corte", refere o município viseense.
A lotação da atividade está sujeita a um mínimo de cinco pessoas e um máximo de 15. 
A oficina integra o projeto “O que há neste Lugar?” e é desenvolvida ao abrigo do protocolo de cooperação técnica entre o Município de Viseu e a ASPEA - Associação Portuguesa de Educação Ambiental.

Local
Oliveira de Frades:escavações arqueológicas recebem visitas guiadas

Os diversos trabalhos arqueológicos que decorrem no concelho de Oliveira de Frades podem ser vistos através de visitas guiadas que ocorrem esta sexta-feira e sábado (10 e 11 de setembro), organizadas pela Câmara em parceria com a Universidade do Algarve.
As visitas acontecem aos trabalhos arqueológicos que decorrem nas Mamoas da Cumeeira e da Tojeira, próximo da zona industrial, onde os responsáveis acolhem os visitantes e prestam esclarecimentos a quem se dirigir ao local, sem necessidade de marcação prévia.
Ainda assim, o comunicado enviado pela autarquia alerta para o cumprimento das regras da Direção-Geral da Saúde (DGS) e refere que “é uma boa oportunidade para conhecer distintas arquiteturas e rituais funerários milenares”.
A nota de imprensa adianta que será possível esclarecer dúvidas sobre os trabalhos que decorrem, junto dos coordenadores da campanha.

Local
Lamego: espaços públicos com internet grátis

Diversos espaços públicos de Lamego já disponibilizam internet gratuita, na sequência de uma candidatura apresentada pelo Município de Lamego ao programa "WiFi4EU". Este projeto é dirigido a residentes e visitantes locais que têm agora acesso a internet sem fios (Wi-Fi) gratuita em várias zonas da cidade. O acesso à rede é feito com autenticação que funciona à escala europeia, não sendo solicitados quaisquer dados pessoais.
Em Lamego, os pontos de acesso Wi-Fi foram instalados pela Câmara Municipal, na sequência da aprovação de financiamento comunitário para a aquisição de equipamentos. 
Com o objetivo de proporcionar acesso à internet de alta qualidade a um maior número de cidadãos, a autarquia disponibiliza esta rede nos seguintes locais: Parque Isidoro Guedes, Jardim da República, Câmara Municipal, Loja Interativa de Turismo, Avenida Visconde Guedes Teixeira, Avenida Alfredo de Sousa e Largo D. Dinis.

Local
Mangualde: Agrupamento de escolas prepara arranque do novo ano letivo (com áudio)

Em Mangualde, o novo ano letivo 2021/2022 está a ser ultimado no Agrupamento de escolas para arrancar no dia 17 deste mês de setembro. O diretor, Agnelo Figueiredo fala das alterações comparando com o ano anterior.
Outra preocupação do diretor do Agrupamento é a falta de operacionais.
Quanto à realização de testes, apenas os professores, funcionários e alunos do terceiro ciclo e secundários são testados.

 

Local
José dos Santos Costa toma posse para a presidência do Politécnico de Viseu

José dos Santos Costa toma posse do cargo de presidente do Instituto Politécnico de Viseu (IPV) na próxima terça-feira, dia 14 de setembro. A cerimónia decorre na Aula Magna da instituição, com início pelas 15h00.

Na mesma sessão, são também empossados os vice-presidentes, que completam o grupo que presidirá os destinos do IPV no quadrilénio 2021/2025.

O professor José dos Santos Costa é doutorado em Ciências da Saúde pela Faculdade de Medicina da Universidade de Salamanca, tem o grau de mestre em Ciências de Enfermagem, atribuído pelo Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto, e é licenciado em Medicina Dentária pela Universidade Católica Portuguesa. Docente da Escola Superior de Saúde (ESSV) desde 1991, foi Vice-Presidente do IPV entre 2009 e 2017.

As cerimónias de tomada de posse do presidente, eleito a 29 de junho deste ano, e restante grupo de dirigentes podem ser acompanhadas pelos canais digitais do Instituto Politécnico de Viseu (Facebook e Youtube), de maneira a que sejam cumpridas todas as medidas de contingência relativas à situação pandémica que vivemos atualmente.

Local
Moimenta da Beira: Campanha solidária de esterilização aberta até 17 de setembro

A campanha solidária de esterilização de animais de companhia (cães e gatos), promovida pela Câmara Municipal de Moimenta da Beira, continua aberta até à próxima sexta-feira, dia 17 de setembro.

A iniciativa pretende diminuir o número de ninhadas indesejadas e combater o abandono. Está também previsto um apoio financeiro, dependendo dos rendimentos do agregado familiar detentor do animal de estimação. A autarquia ainda prevê uma intervenção gratuita para os cidadãos comprovadamente carenciados, que residam no Município e se encontrem numa das situações previstas no Normativo de Acesso.

Os candidatos que queiram beneficiar da campanha devem dirigir-se ao Balcão Único de Atendimento (BUA) da Câmara Municipal de Moimenta da Beira e, no local, preencher e assinar o respetivo formulário de candidatura.

Local
Lamego: Parque infantil renovado já reabriu

O parque infantil de Lamego, situado no Parque Isidoro Guedes, reabriu ao público, "dispondo agora de melhores condições de lazer e segurança", refere a autarquia.

O investimento efetuado pela Câmara Municipal ultrapassou os 45 mil euros, e contemplou a substituição integral do piso sintético e a colocação de novos equipamentos de diversão à disposição das crianças.

"Localizado num dos principais espaços verdes da cidade de Lamego, esta zona de diversão foi o primeiro equipamento deste tipo a ser construído na cidade e necessitava de uma intervenção urgente para repor as condições de segurança. Pais e filhos podem agora usufruir em plenos os momentos em família", conclui o Município.

As obras de renovação do parque infantil estão inseridas na candidatura de reabilitação do Bairro de Alvorações, executada no âmbito do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU), cofinanciado em 85% pelo FEDER.

Local
Viseu Dão Lafões conclui segunda fase do Sistema Integrado de Videovigilância da Floresta

No âmbito da conclusão da segunda fase de implementação do Sistema Integrado de Videovigilância para a Prevenção de Incêndios Florestais na Região de Viseu Dão Lafões e Coimbra, a Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões realizou uma visita à sexta Torre de Acompanhamento Remoto (TAR), localizada no concelho de Nelas. 
O sistema, financiado pelo Fundo de Coesão, através do PO SEUR - Programa Operacional de Sustentabilidade e Uso dos Recurso, representa um investimento global de mais de 3,7 milhões de euros e prevê a instalação de trinta e sete TAR’s, dezassete das quais em Viseu Dão Lafões, que proporciona uma cobertura de 85% do território afeto à CIM Viseu Dão Lafões.
Na primeira fase de implementação do sistema, foram instaladas as três primeiras TAR, localizadas nos concelhos de Tondela, Viseu e Vouzela. Na segunda fase, agora concluída, foram adicionadas mais três TAR, nomeadamente, nos concelhos de Carregal do Sal, Mangualde e Nelas. A terceira fase, cuja conclusão está prevista para o próximo mês de dezembro, contempla a instação de outras três TAR, nos concelhos de São Pedro do Sul, Oliveira de Frades e Vouzela, ficando um total nove TAR operacionais em Viseu Dão Lafões.
Na Região Viseu Dão Lafões já se encontram em operação os dois Centros de Gestão e Controlo, estando um localizado no Comando Territorial da GNR de Viseu e outro no Comando Distrital de Operações e Socorro (CDOS) de Viseu.
De acordo com o Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho, “com a entrada em operação da sexta TAR, damos por concluída a segunda fase deste projeto que, já este verão, se tem afirmado como uma mais-valia para a proteção das populações e da nossa floresta”. 
Ainda, segundo o Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões "com este projeto, aliado a outras iniciativas que temos desenvolvido no âmbito da defesa da floresta e da proteção civil intermunicipal, como seja, a título de exemplo, a capacitação de técnicos de fogo controlado, a CIM Viseu Dão coloca o nosso território na linha da frente  no desenvolvimento de projetos que contribuem para a defesa e resiliência da nossa floresta”.
Para o Presidente do Município de Nelas, José  Borges da Silva, "Periodicamente a nossa floresta é devastada por incêndios. Sabendo nós que dois terços das ignições são de origem humana, este é um instrumento absolutamente essencial para diminuir a potencialidade das ignições. Este instrumento aliado a outros, nomeadamente o Cadastro da Propriedade Rústica, também ele promovido pela CIM Viseu Dão Lafões, permite, não só, defender o nosso ativo florestal e ambiental, mas também potenciar tudo aquilo que resulta dele".

Local
Lamego: Polícia detido por tentativa de homicídio

Um homem de 48 anos, polícia no ativo, foi esta terça-feira (07 de setembro) detido em Lamego por suspeita de ter disparado uma arma em direção à companheira, dentro de casa, informaram a PJ e a PSP.
Em comunicado, a PJ refere que, na sequência de uma discussão, o suspeito "empunhou uma arma de fogo e disparou em direção ao corpo da vítima, uma mulher de 40 anos de idade, só não a tendo atingido por mero acaso".
A PSP conta que, cerca das 19h30 de segunda-feira, recebeu "uma informação de que decorria uma discussão familiar numa residência na cidade de Lamego".
Os polícias que se deslocaram ao local "depararam-se com um contexto enquadrável como violência doméstica, tomando de imediato as medidas necessárias a assegurar a proteção da vítima", explica a PSP, acrescentando que o casal "não tinha qualquer registo anterior de violência doméstica".
Segundo a PSP, tudo terá começado com "a revolta de um dos elementos do casal que, movido por ciúmes, terá desencadeado a discussão e realizado um disparo com arma de fogo no interior da residência".
"Após esse comportamento, o suspeito ausentou-se, deixando a companheira na residência", refere a PSP, acrescentando que depois foi localizado e os polícias conseguiram "demovê-lo de qualquer outra intenção que não fosse entregar-se" e também "entregar as duas armas que tinha na sua posse", o que aconteceu cerca das 00h40.
As medidas de coação ainda não são conhecidas, mas a PSP de Viseu já anunciou que, "internamente, foi aberto um procedimento disciplinar e decretado o seu desarmamento e suspensão provisória de funções policiais".

Local
Lamego: Rodonorte assegura trasnporte público no concelho

O concelho de Lamego dispõe de um novo operador rodoviário, que, segundo a autarquia, vai melhorar a qualidade do serviço de transporte. O transporte público por autocarros era assegurado pela empresa Transdev, que foi substituída pela Rodonorte. Esta operadora venceu o concurso público internacional, passando a garantir o serviço que compreende oito linhas municipais e sete circuitos do “Verdinho”, o sistema de transportes urbanos de Lamego. Este sistema é complementado pela rede de linhas intermunicipais sob tutela das CIM's.
A concessão atribuída pela Câmara Municipal de Lamego à Rodonorte vigora durante os próximos três anos.
A operação contempla a entrada em funcionamento de novos autocarros e de novos horários, que podem ter alterações pontuais, e estão disponíveis para consulta em https://www.cm-lamego.pt/verdinho

Local
Viseu: obra da nova Estação Elevatória de Águas Residuais de Barreiros já está no terreno

Decorreu em Viseu ato de consignação da empreitada da nova Estação Elevatória de Águas Residuais do concelho viseense. O investimento ronda os 167 mil euros.
A futura Estação Elevatória servirá 229 habitantes das povoações de Travasso, Coucinheiro, Vila Nova e uma parte de Casal. As águas residuais recolhidas, cujo destino final será a ETAR de Igreja, serão elevadas para uma caixa existente na EM575. “Hoje prosseguimos aqui o investimento continuado que temos vindo a realizar, desde o primeiro dia, em obras estruturantes, que contribuam para a melhoria das condições de vida dos viseenses”, afirmou João Paulo Gouveia, responsável pelo pelouro das Freguesias.

A empreitada prevê a demolição da fossa existente, para além da construção da nova Estação. Os trabalhos incluem ainda a concretização de um prolongamento da rede de água, no arruamento de acesso à futura infraestrutura, bem como um prolongamento da rede de esgotos na EM575. A obra tem um prazo de execução estimado de 120 dias, prevendo-se a sua conclusão no início do próximo ano.
“Na área das águas e saneamento, atingimos um patamar de qualidade assinalável. Apesar de Viseu ser um concelho com 507 km2 de território, com várias localidades de baixa densidade, já atingimos uma taxa de cobertura de saneamento em 98%, e de água em mais de 99%”, adiantou Conceição Azevedo, acrescentando que o Executivo “continua a trabalhar intensamente com a certeza de que, no fim deste percurso, as 25 freguesias de Viseu estarão mais atrativas, mais sustentáveis e melhor preparadas para enfrentar os desafios do futuro”.

Local
Mangualde: cães atacaram rebanhos junto ao rio Mondego

Nos últimos dias, cães atacaram e mataram várias ovelhas junto às margens do rio Mondego, sobretudo no concelho de Mangualde, na zona de Póvoa de Cervães e Santiago de Cassurrães.
Só a um dos pastores, natural do concelho de Gouveia, os cães mataram cerca de meia centena de ovelhas bordaleiras, uma raça autóctone da serra da Estrela. Os prejuízos rondam vários milhares de euros.
A GNR já esteve no local a averiguar a situação.

Contactado pela Rádio Dão Digital, o presidente da freguesia, Rui Valério, referiu que não tem conhecimento de qualquer ataque por cães vadios, quer a rebanhos da freguesia ou até mesmo contra a população.

Local
Moimenta da Beira: certificação do projeto municipal de promoção de atividade física sénior

No âmbito do Programa Município do Desporto, a Câmara Municipal de Moimenta da Beira recebeu a certificação do projeto municipal de promoção de atividade física para a população sénior. A autarquia recebeu também o galardão de Município Amigo do Desporto 2021.
Na procura da promoção da atividade física sénior, e consequentemente do seu bem-estar físico e psicológico, o Município de Moimenta da Beira está a desenvolver, desde 2010, o Programa de Atividade Física Sénior (PAFS) em todos os Lares, Centros de Dia e associações aderentes ao projeto. O Gabinete de Desporto, e os seus técnicos, implementaram atividades físicas, desportivas e lúdicas de forma contínua e sistemática; conseguindo assim, ao longo dos anos, novos participantes e consolidação deste Programa.
"O reconhecimento permite ao Município de Moimenta da Beira, numa perspetiva de melhoria contínua, aceder a um conjunto de recursos partilhados por todos os Municípios Amigos do Desporto, integrar-se num grupo de intercâmbio entre programas de outros municípios, divulgar o programa na revista “Portugal Social” e participar em encontros seniores com um programa diversificado de âmbito turístico e de atividade física (dependente das regras e autorização para a realização de eventos desta natureza)", explica a autarquia.

Local
Chuva regressa à região e a temperatura desce (com áudio)

A chuva está de regresso à região de Viseu, a partir da noite destas egunda-feira (06 de setembro). Uma situação que se mantém para os próximos dias, como explica a meteorologista Ângela Lourenço. 
O vento vai enfraquecer e a temperatura vai também sofrer uma descida nos próximos dias.

 

Local
'Termas Centro Classic Cars’ regressa com mais automóveis e participantes

As estâncias termais do Centro do país acolhem a segunda edição do ’Termas Centro Classic Cars’, com 90 participantes e 45 carros clássicos a descobrirem a região Centro, de sexta-feira a domingo.
Na edição de 2020 participaram 29 equipas e a segunda edição conta com a participação de 45 equipas, com participantes a “de todos os cantos do país”, informa a Rede Termas Centro em nota de imprensa.
“Depois do sucesso da primeira edição, avançámos com uma segunda em que esgotámos, praticamente em uma semana, as inscrições”, disse à agência Lusa o coordenador da rede Termas Centro, Adriano Barreto Ramos.
O objetivo desta iniciativa entre a rede Termas Centro e o Clube Escape Livre passa por “levar as termas a novos públicos, pessoas que de outra forma provavelmente não iriam às termas”.
“E este segmento dos carros clássicos parece um segmento muito interessante para as termas, quer na vertente de bem-estar, quer na vertente terapêutica”, sublinha Adriano Barreto Ramos.
Orientada para proprietários e condutores de automóveis clássicos e históricos, a iniciativa insere-se no ciclo de animação "Viva Termas Centro", promovido pelas Termas Centro nas suas estâncias termais.
O percurso desta edição passa por “visitas à Cruz Alta, ponto mais alto da Serra do Buçaco, à barragem da Aguieira, à adega de Santar ou ao museu do Caramulo, além das Termas de Luso, Sangemil, Vale da Mó e São Pedro do Sul”, refere a nota.
Simultaneamente, vai decorrer um programa gastronómico para “dar a conhecer aos participantes as especialidades da região”.
O programa inicia-se na sexta-feira, às 15:00, para a apresentação do evento aos participantes, nas Termas e Grande Hotel de Luso.
No sábado, os participantes visitarão o “Aguieira Resort, a vila de Santar, com almoço no Paço dos Cunhas e visita às caves, as Termas de Sangemil e as Caves Aliança, em Anadia, com jantar, regressando ao Grande Hotel de Luso”.
“O dia seguinte começa com uma passagem pelas Termas do Vale da Mó, seguindo-se a Serra do Caramulo, onde visitarão o Museu do Caramulo. A comitiva seguirá então para as Termas de São Pedro do Sul, com visita ao Balneário Romano”, informa a Rede.
A edição termina com um almoço no Grande Hotel Thermas.
O ‘Termas Centro Classic Cars’ é organizado pela rede Termas Centro em parceria com o Clube Escape Livre e conta com vários apoios e colaborações, nomeadamente com o apoio da fábrica de porcelanas de Alcobaça, SPAL, responsável pela entrega dos troféus aos participantes.
“Esta parceria com a rede Termas Centro deixa-nos muito satisfeitos pois o nosso objetivo é sempre divulgar e promover o mais possível as parcerias”, refere, citado na nota de imprensa, o presidente do Clube Escape Livre, Luís Celínio.
“Levar os clássicos às Termas do Centro permitiu cativar inúmeras pessoas que já prometem voltar em outras ocasiões para usufruir deste magnífico turismo termal”, conclui.
Integram o projeto as termas de Alcafache, de Almeida-Fonte Santa, de Águas-Penamacor, do Bicanho, de Caldas da Felgueira, da Caldas da Rainha, do Carvalhal, da Curia, do Cró, da Ladeira de Envendos, de Longroiva, de Luso, de Manteigas, de Monfortinho, da Piedade, de Sangemil, de São Pedro do Sul, de Unhais da Serra, de Vale da Mó e do Vimeiro.

Local
Sátão: últimos preparativos para o novo ano letivo (com áudio)

No concelho de Sátão, o novo ano letivo arranca no dia 17 deste mês. Nesta altura, o agrupamento de escolas prepara a receção dos alunos, como conta a diretora Helena Castro.
No arranque do novo ano letivo, os alunos são testados.
A diretora do Agrupamento de escolas de Sátão fala em menos funcionários disponíveis no começo do novo ano letivo.

Local
Autarcas da região de Viseu lamentam morte de Cabrita Grade (com áudio)

Autarcas da região lamentam a morte de António Cabrita Grade, o diretor executivo do Agrupamento de Centros de Saúde Dão Lafões. O presidente da autarquia de Sátão, Paulo Santos, recorda um homem sempre disponível para resolver as dificuldades do concelho no que diz respeito à saúde.

Também o presidente da Câmara Municipal de Mangualde, Elisio Oliveira, lamenta a morte de António Cabrita Grade.

O funeral de Cabrita Grade está agendado para esta terça-feira, dia 07 de setembro. 

Local
Morreu Cabrita Grade, diretor do ACES Dão Lafões (com áudio)

Diretor executivo do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Dão Lafões morreu este domingo, dia 05 de setembro. O médico António Cabrita Grade, de 66 anos, tinha sido hospitalizado há menos de duas semanas em Viseu, tendo sido depois transferido para os hospitais de Coimbra. O diretor do ACES há cerca de um ano lutou, várias semanas, contra a Covid-19, estando nessa altura internado em estado crítico.
Cabrita Grade, que era também o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Oliveira de Frades, morreu no domingo, vítima de leucemia.
Para o presidente do Secretariado Regional de Viseu da União das Misericórdias Portuguesas, José Tomás, é uma perda para a região.

Local
40 habitações do Bairro Municipal de Viseu terão apoio financeiro do programa '1º Direito'

Foi assinado o protocolo que prevê o apoio financeiro à reconstrução de 40 casas no Bairro Municipal de Viseu. A assinatura aconteceu esta semana, com Conceição Azevedo, Presidente da Câmara Municipal, e Isabel Dias, Presidente do Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU).

Integrado na Estratégia Local de Habitação (ELH), o protocolo prevê o financiamento de 50% da intervenção nestas habitações, sendo que o Município de Viseu tem a expectativa de garantir 100% do investimento através do Plano de Recuperação e Resiliência. "É com muita satisfação que vemos este projeto a concretizar-se no terreno. A reabilitação do Bairro Municipal era uma das prioridades do Presidente António Almeida Henriques, que tinha com este espaço uma ligação emotiva", referiu Conceição Azevedo.

A ELH irá benificiar 916 pessoas em processo de reabilitação, contrução ou aquisição de trabalho. Durante o seu período de vigência, o investimento representa cerca de 30 milhões de euros, com o apoio do programa "1º Direito". Isabel Dias congratulou a autarquia vissense e adiantou que "a intervenção corresponde exatamente ao espírito do '1º Direito', um programa que exige participação e interação. É uma visão integrada, que inclui as pessoas, os viseenses".

Local
Mangualde: Monte da Senhora do Castelo recebe festa para ver o pôr do sol (com áudio)

O monte da Senhora do Castelo, em Mangualde, é o cenário para o segundo Sunset Jovens do Castelo, que acontece este sábado, dia 04 de setembro, a partir das 18h00.
O evento vai reunir cerca de 200 jovens. Simão Carvalho, presidente da Associação Jovens do Castelo fala sobre a iniciativa.

A organização do evento garante que são cumpridas todas as normas impostas pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

O Sunset vai contar com diversos convidados.

Local
Viseu: linha contínua verde identifica vias partilhadas entre automóveis e bicicletas

Viseu está a concluir o peojeto da ciclovia urbana. Assim, o troço da ciclovia na cidade inclui vias partilhadas entre automóveis e bicicletas, identificadas através de uma linha contínua pintada na cor verde. Estas vias incluirão ainda outro tipo de sinalização, nomeadamente setas direcionais.
Através da linha verde, é identificado o percurso mais suave para a bicicleta, promovendo maior segurança para o ciclista. 
As vias partilhadas na cidade de Viseu serão implementadas nas seguintes artérias:
Largo Major Leopoldo da Silva, Av. Alberto Sampaio, Rua dos Casimiros, Rua Conselheiro Afonso de Melo, Rua Nunes de Carvalho, Largo Major Teles, Largo da Misericórdia, Largo Pintor Gata, Av. Infante D. Henrique, Av. 25 de Abril, Rua Gaspar Barreiros, Largo Humberto Delgado, Praça da República. Rua Dr. Luis Ferreira, Rua Grão Vasco, Praça D. Duarte, Rua do Adro, Rua dos Combatentes da Grande Guerra, Rua D. António Alves Martins, Rua do Serrado, Av. Rei D. Duarte, Rua Padre Virgílio Lopes, Rua Luis Miguel Nava, Rua Aquilino Ribeiro e Rua Alexandre Herculano.
"A infraestrutura inclui ainda um conjunto de vias segregadas do trânsito automóvel, partilhadas entre peões e bicicletas. Uma opção que, em espaço urbano consolidado, nem sempre é possível implementar, sendo necessário garantir um compromisso exigente e responsável nas escolhas efetuadas", explica a autarquia. 
"Só na cidade, são cerca de 6 km de ciclovias que muito em breve estarão ao dispor dos viseenses. A execução de todo o projeto prevê a criação de 66 km de ciclovias no concelho de Viseu", refere.
“Este é mais um projeto importantíssimo para a afirmação de Viseu como cidade sustentável, capaz de adotar as melhores práticas ambientais, também na redução da pegada carbónica. Com esta rede de ciclovias, a que se juntam as ecopistas do Dão e do Vouga, Viseu será cada vez mais a Cidade-Jardim e continuará a apresentar uma qualidade do ar muito acima da média nacional e entre as melhores cidades europeias”, afirma Conceição Azevedo, Presidente da Câmara Municipal.

Local
Nelas: Feira do Vinho do Dão arranca com programa adaptado à pandemia (com áudio)

A 30.ª Feira do Vinho do Dão arranca esta sexta-feira (03 de setembro), em Nelas, uma vez mais com um programa adaptado à pandemia da Covid-19 e que aproveita as novas tecnologias para levar os vinhos da região a vários pontos do mundo.
A edição deste ano, que decorre até domingo, integra uma loja ‘online’, provas de vinho, visitas a quintas e um momento cultural, com a reposição do espetáculo musical “Só queria que me saísse Dão”, pela Associação Cultural Contracanto.
Os vinhos podem ser adquiridos ‘online’ e experimentados durante a feira, seja em visitas às quintas e aos produtores que têm as suas portas abertas, seja numa prova dos melhores néctares do certame.
Na sexta-feira à tarde, após a sessão de abertura, realiza-se o seminário “Maturação da uva na região do Dão” e são entregues os diplomas e prémios do Concurso de Vinhos Engenheiro Alberto Cardoso Vilhena.
No sábado, realiza-se a prova dos dez melhores brancos e dos dez melhores tintos da Feira do Vinho do Dão 2021, sob orientação de Luís Lopes.
O presidente da Câmara Municipal, José Borges da Silva, fala sobre o certame.

Local
Oliveira de Frades: bombeiro que morreu a combater as chamas vai ser homenageado

Os Bombeiros Voluntários de Oliveira de Frades vão assinalar o primeiro aniversário da morte de um dos operacionais da corporação que morreu durante o combate a um incêndio, em 2020. Pedro Ferreira morreu com 38 anos enquanto combatia a chamas no concelho de Oliveira de Frades em setembro do ano passado.
Para marcar a data, na terça-feira (07 de setembro), os bombeiros vão inaugurar um monumento em memória do colega na Freguesia de Arcozelo das Maias.

Local
Escola Municipal de Natação de Viseu com apoio reforçado

Em reunião de Câmara, realizada esta quinta-feira (02 de setembro), o Município de Viseu aprovou um apoio de 115 mil euros à Federação Portuguesa de Natação, no âmbito do projeto da Escola Municipal de Natação. O Programa de Desenvolvimento Desportivo integra o projeto "Portugal a Nadar", promovido pela Federação, e tem como objetivo proporcionar o ensino da natação para toda a população viseense e promover a modalidade junto dos mais jovens, presente nos 3 projetos “Escola Municipal de Natação”, “Viseu a Nadar” e “Natação para Todos”.

"No âmbito do processo de certificação técnico-pedagógico inerente a esta parceria, foi atribuído, pela Federação Portuguesa de Natação, o selo de bronze (nível um), assente nos pressupostos de melhoria contínua e desenvolvimento de uma base de Natação de Qualidade, com patamares de exigência crescentes", refere a autarquia. No decorrer do ano de 2020, as Piscinas Municipais de Viseu foram distinguidas com o “SELO DE QUALIDADE” – “PORTUGAL A NADAR SEGURO”, por parte da Federação Portuguesa de Natação, por reunir todas as condições de higienização e segurança.

O Município de Viseu assumiu, em 2019, a gestão direta do projeto da Escola Municipal de Natação, em parceria com a Federação Portuguesa de Natação, no âmbito do projeto “Portugal a Nadar”. "Trata-se de uma aposta ganha e os números do último ano, mesmo contando com o período da pandemia, mostram que as nossas piscinas continuam a atrair a população", adianta Conceição Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Viseu.

Local
Viseu: Autarquia aprova investimento superior a 1,6 milhões de euros na coesão territorial

O Municipio de Viseu aprovou esta quinta-feira (02 de setembro), em reunião de Câmara, as empreitadas relativas à Estação Elevatória de Águas Residuais de Bigas e das Redes de Água e Esgotos em Casaldeiro. Na sessão foi ainda aprovado o lançamento de vários concursos que, a juntar às obras referidas, fazem um investimento global superior a 1,6 milhões de euros.

"A coesão territorial e a aposta nas diferentes freguesias do concelho é uma prioridade para Viseu. Continuamos a trabalhar intensamente com a certeza de que, no fim deste percurso, as 25 freguesias de Viseu estarão mais atrativas, mais sustentáveis e melhor preparadas para enfrentar os desafios do futuro", afirmou Conceição Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Viseu.

A obra da Estação Elevatória de Águas Residuais de Bigas, na freguesia de Lordosa, representa um investimento de 348 mil euros e será levada a cabo pela empresa Embeiral – Engenharia e Construção, S.A. No que respeita às Redes de Água e Esgotos em Casaldeiro, em S. Pedro de France, a empreitada, no valor de 179 mil euros, foi adjudicada à empresa Persovias, Lda. Salienta-se que em 3 anos, apenas nesta freguesia de baixa densidade, o investimento global na área da água e saneamento já supera os 870 mil euros. Ainda nesta área, destaque para a abertura de procedimento da primeira fase da empreitada de saneamento básico no Bairro do Paúl no Caçador, pelo preço base de 246 mil euros.

Ao nível das acessibilidades, o Município de Viseu vai avançar com o concurso para a empreitada na EN 323, que prevê a correção de curvas entre Nogueira de Cota e Cepões. Esta via faz a ligação entre Viseu e o concelho vizinho de Vila Nova de Paiva, e constitui o principal acesso da freguesia de Cota à sede do concelho, servindo 973 habitantes. A obra visa requalificar o pavimento, suavizar curvas existentes para as dimensões regulamentares e sinalizar adequadamente a via e cruzamentos. Também será melhorado o sistema de drenagem de águas pluviais.

Os trabalhos, que permitirão melhorar as condições de segurança da via, serão divididos em duas fases. O investimento na 1ª fase, cujo concurso foi agora aprovado e corresponde à requalificação entre a ponte do Rio Vouga e Nogueira de Cota, é superior a 410 mil euros. A 2.ª fase, correspondente à requalificação entre Cepões e a Ponte do Rio Vouga, será executada posteriormente.

Por último, a Câmara deliberou ainda a abertura de procedimento para a obra de requalificação da Rua Campo da Bola, em Mundão. A intervenção no arruamento, que serve de ligação entre o Parque Industrial e a povoação, em Mundão, tem um prazo de execução de 175 dias. Inclui a pavimentação do alargamento nas zonas onde a faixa de rodagem é mais apertada, prolongamento da rede pública de abastecimento de água, execução de valetas em betão para drenagem de águas pluviais e colocação de sinalização horizontal e vertical. Está prevista também uma zona de estacionamento, junto campo de jogos, no alinhamento da faixa de rodagem. O investimento do Município de Viseu ronda os 363 mil euros.

Local
Mau tempo: inundações e queda de árvores no distrito de Viseu

A chuva intensa que caiu durante esta tarde de quarta-feira (01 de setembro) provocou diversas ocorrências um pouco por todo o distrito de Viseu.
Segundo informações do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viseu há o registo de mais de 30 inundações e queda de árvores. Situações que estão a mobilizar dezenas de operacionais.
Recordo que o distrito de Viseu está com aviso laranja até às 21h00 devido à ocorrência de trovoada e aviso amarelo para a previsão de chuva por vezes forte.

Local
Moimenta da Beira: primeira edição das Caminhadas Aquilianas a partir de setembro

O município de Moimenta da Beira está a lançar a primeira edição das Caminhadas/Corridas Aquilianas.

São seis percursos em seis meses com distâncias a variar entre os 5 e os 10 quilómetros. O principal objetivo passa por "manter a população ativa e dar a conhecer os trilhos, caminhos e paisagens naturais de excelência do nosso município".
O primeiro percurso vai poder ser feito entre 18 e 26 de setembro, e os interessados "podem decidir fazer os trajetos sozinhos, com a família ou amigos, basta selecionar o dia e o percurso na inscrição, até dia 15 de setmbro. No primeiro domingo de cada período divulgado, o caminho será feito em grupo com orientação técnica".
Ao fim de três percursos concluídos cada participante recebe uma t-shirt técnica, mas se efetuar todos os seis trajetos arrecada também uma medalha. "Todos os participantes recebem, por email, o diploma de participação personalizado. As t-shirt´s e as medalhas são entregues no Pavilhão Municipal".
A organização informa que os caminhos são marcados com tinta biodegradável, e apela também a todos os participantes que não utilizem garrafas de plástico, ou qualquer material não biodegradável. “Pratique Plogging…uma nova modalidade que mistura atividade física com recolha de lixo”, refere.
A iniciativa conta com a parceria da Unidade de Saúde Local - USF Aquilino Ribeiro - através do Programa &quot, Walk with the Doc&quot, que consiste em reunir um grupo de pessoas em data, hora e local previamente marcados/divulgados para uma pequena sessão informativa acerca de hábitos de vida saudáveis seguido de uma caminhada, que permita a interação entre todos e esclarecimento de dúvida com o(s) profissional(ais) de saúde.
A participação nas Caminhadas/Corridas Aquilianas é gratuita, mas necessita de inscrição obrigatória. Os interessados devem fazer inscrição do primeiro percurso até 15 de setembro.

Local
Vindimas na região do Dão começam esta semana (com áudio)

A Região Demarcada do Dão arranca esta semana com as vindimas. O presidente da Comissão Vitivinícola Regional do Dão, Arlindo Cunha, explica que as uvas para os vinhos brancos são as primeiras a ser colhidas.
Para este ano, está previsto vinho de boa qualidade e um aumento da produção em cerca de 25 por cento em relação ao ano passado. 

 

Local
A Quinta Caminhos Cruzados abre portas para a Grande Festa das Vindimas

A Caminhos Cruzados abre as portas da Quinta da Teixuga, em pleno coração do Dão, e convida a comunidade a participar na Grande Festa das Vindimas. 
Ao longo dos 40 hectares de vinha "estão plantadas algumas das castas mais emblemáticas da região", entre uvas tintas como a Touriga Nacional, a Tinta Roriz, a Jaen e a Alfrocheiro. Ou uvas brancas como a Malvasia-Fina, a Encruzado e a Bical. Todos os participantes recebem uma t-shirt, chapéu, tesoura e balde, refere a organização.
Após a recolha das uvas as atividades programadas continuam com uma visita à adega, um edifício inaugurado em 2017 e com capacidade de vinificação de 400 mil litros.
A visita guiada inicia-se na área de receção das uvas, seguindo-se a sala de prensagem e vinificação com uma explicação sucinta de cada um dos processos, terminando na sala de estágios com prova de vinhos. 
A vindima de portas abertas decorre desde este domingo, dia 5 a 25 de setembro, "estando as datas condicionadas a alterações ditadas pela equipa de enologia, de acordo com os fatores externos".

Local
Câmara de Viseu homenageia viseenses e outros cidadãos com a atribuição dos nomes a ruas da cidade

 O Município de Viseu procedeu ao descerramento e inauguração de um conjunto de novas placas de toponímia, atribuídas a nove ruas e avenidas da cidade. 
Avenida Lusitano Futebol Clube, Rua Tristão Ferreira de Almeida, Avenida Diamantino Henriques, Avenida João Luís Inês Vaz, Avenida José Matos, Avenida Pedro Henriques, Rua José dos Santos Sena, Avenida Mário Soares e Avenida Luís Almeida Henriques. São estes os novos topónimos que integram a rede viária da cidade de Viseu. “É com especial satisfação que damos cumprimento às propostas da Comissão Municipal de Toponímia. Para além deste ser um processo importante no que respeita ao ordenamento do concelho, é também uma oportunidade para homenagear individualidades e/ou coletividades de relevo regional e nacional”, adianta Conceição Azevedo, presidente da Câmara Municipal de Viseu.
Conceição Azevedo fez questão de agradecer publicamente aos elementos que compõem a Comissão Municipal de Toponímia. “Quero salientar o excelente trabalho desenvolvido pela Comissão, nomeadamente dos técnicos e vereadores que dela fazem parte, mas especialmente da Dra. Fátima Eusébio, do Dr. Alberto Correia e do Inspetor António Lopes Pires, que integram este órgão na qualidade de cidadãos de reconhecido mérito. Nos últimos anos, de forma altruísta, contribuíram para a construção do concelho de Viseu, emprestando o seu tempo e conhecimento para esta tarefa minuciosa e fundamental para nossa vida em comunidade”.
 

 

 

 

 

Local
Vários tribunais estão encerrados devido à greve dos funcionários judiciais (com áudio)

Vários tribunais do distrito de Viseu estão, esta quarta-feira (01 de setembro), encerrados devido à greve dos funcionários judiciais. Dia em que arranca o novo Ano Judicial, depois das férias. 
Luis Barros, coordenador em Viseu do Sindicato dos Funcionários Judiciais justifica o protesto.


 

Local
Vinhos: Encruzado Grande Reserva é o novo branco da Quinta de Stº António, no concelho de Mangualde

A Quinta de Stº António acaba de lançar a mais recente criação: o Terras de Stº António Encruzado Grande Reserva 2020. Este vinho monovarietal é o primeiro do produtor de Mangualde a obter a classificação de “Grande Reserva”. Produzido a partir de uvas seleccionadas da casta Encruzado, "é um vinho que apresenta cor citrina e aroma exuberante com notas tropicais e minerais. Na boca, destaque para o paladar intenso e frutado, sendo ideal para acompanhar pratos de peixe, carnes brancas ou massas levemente guarnecidas", explica a Quinta de Stº António localizada na freguesia de Fornos de Maceira Dão. "O Terras de Stº António Encruzado Grande Reserva 2020 revela ainda potencial para evoluir na garrafa e a Quinta de Stº António promete para breve mais novidades ao nível do seu portefólio", refere.

A Quinta de Stº António é uma propriedade com cerca de 30 hectares, dos quais onze ocupados com vinha plantada com as castas Encruzado, Touriga Nacional, Alfrocheiro, Jaen, Tinta Roriz e Rufete. A origem da Quinta de Stº António remonta ao século XVI e esteve na posse de diferentes proprietários ao longo da sua história até ser adquirida, em 1999, pelo actual proprietário com o firme propósito de produzir vinhos de grande qualidade e que pudessem expressar o carácter único da região do Dão. Os vinhos são comercializados com a marca Terras de Stº António.

Local
Distrito de Viseu sob aviso laranja devido à previsão de trovoada

Devido à previsão de trovoada, o distrito de Viseu está com aviso laranja até às 21h00 desta quarta-feira (01 de setembro). Em relação à chuva, o distrito está com aviso amarelo também até às  21h00.
Durante a última madrugada, a trovoada e a chuva forte fizeram-se sentir um pouco por toda a região.
Ao longo do dia estão previstos mais aguaceiros que poderão ser por vezes fortes no interior Norte e Centro, durante a tarde, período no qual há condições mais favoráveis à ocorrência de trovoada e granizo. “Associado à trovoada, estarão reunidas as condições atmosféricas para a formação de rajadas convectivas, que poderão ser localmente fortes e sem rumo definido”, refere o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).
Na quinta-feira (02 de setembro), o tempo instável ainda será sentido, mas com muito menor intensidade relativamente aos fenómenos meteorológicos e aos seus impactos, não prevendo o IPMA a emissão de avisos.

 

Local
A autarquia de Lamego atribui a Medalha de Ouro da Cidade ao Patronato Nuno Álvares Pereira

A autarquia de Lamego vai atribuir a Medalha de Ouro da Cidade ao Patronato Nuno Álvares Pereira, em cerimónia a realizar no sábado, dia 4 de setembro, pelas 11h00, no Salão Nobre da Câmara Municipal.
A distinção será atribuída, tendo em conta que esta instituição "ao longo de décadas criou uma solidez e uma firme consolidação, independência, reputação e respeito granjeado junto de todas as instituições locais e nacionais".
Durante a cerimónia de outorga, será feita a apresentação pública do livro "100 Anos 1000 histórias", da autoria de Alberto de Jesus Almeida, publicado por ocasião do centenário do Patronato Nuno Álvares Pereira (1920-2020).

 A 20 de janeiro de 1920, após "uma análise profunda sobre a problemática da educação em Portugal por diversas individualidades de Lamego, uniram-se vontades e juntaram-se esforços para ajudar no combate nacional contra o analfabetismo", criando a Associação de Proteção à Juventude Pobre de Lamego, uma escola dirigida aos rapazes mais desfavorecidos, dando origem ao Patronato Nuno Álvares Pereira.

Local
Mangualde: Palácio dos Condes de Anadia reconhecido pelos turistas (com áudio)

O Palácio dos Condes de Anadia em Mangualde foi distinguido com o prémio "Traveler`s Choice 2021" um galardão atribuído pelo Tripadvisor, considerada uma das plataformas mais usadas de turismo do mundo.
A distinção teve por base as opiniões que os viajantes de vários países deixaram nesta plataforma em 2020 e reconhece os estabelecimentos que receberam avaliações e classificações positivas, de forma consistente, ao longo do ano.
Com esta distinção, o Palácio dos Condes de Anadia passa a integrar um grupo restrito de atrações turísticas, onde figuram apenas 10% das empresas registadas no TripAdvisor em todo o mundo, "cuja qualidade de serviço e oferta é manifestamente reconhecida pelos visitantes, destacando-se assim dos seus pares". O Palácio Condes de Anadia, em Mangualde, junta-se à Sé de Viseu e ao Museu Nacional Grão Vasco como as atrações reconhecidas em 2021, no distrito de Viseu.
Para Miguel Paes do Amaral, proprietário do Palácio, a distinção é o reconhecimento dos turistas.

Local
Europe Direct Viseu Dão Lafões promove exposição sobre 'Pilar Europeu dos Direitos Sociais'

Até dia 3 de setembro, a Biblioteca Municipal de Nelas acolhe a Exposição Pilar Europeu dos Direitos Sociais. Uma mostra, promovida pelo Europe Direct Viseu Dão Lafões, que tem como objetivo reforçar os laços de proximidade entre os cidadãos e a União Europeia (UE).
Fruto de uma iniciativa da Representação da Comissão Europeia em Portugal, a exposição pretende dar a conhecer, de forma imersiva, os 20 princípios do Pilar Europeu dos Direitos Sociais, que constituem o quadro de orientação para a construção de uma Europa social forte, justa, inclusiva e plena de oportunidades. Estes princípios estão estruturados em torno de três grandes prioridades: igualdade de oportunidades e acesso ao mercado de trabalho; condições de trabalho justas; proteção e inclusão social.
Constituída por 24 painéis, a exposição vai realizar uma itinerância por algumas das bibliotecas que compõem a Rede Intermunicipal de Bibliotecas Viseu Dão Lafões (RIBVDL), marcando presença nos seguintes concelhos: Nelas (30 de agosto a 3 de setembro); Santa Comba Dão (6 de setembro a 11 de setembro); Mangualde (13 de setembro a 18 de setembro); Penalva do Castelo (20 de Setembro a 25 de setembro); Sátão (27 de setembro a 01 de outubro); Castro Daire (4 de outubro a 9 de outubro); São Pedro do Sul (11 de outubro a 16 de outubro); Vouzela (18 de outubro a 23 de outubro). Visitando, ainda, o Centro Europe Direct Viseu Dão Lafões (25 de outubro a 30 de outubro), na Casa do Adro.
Segundo o Gestor do Europe Direct Viseu Dão Lafões, José Carlos Almeida, "Ao promover esta exposição, o Europe Direct Viseu Dão Lafões procura contribuir, a nível local, não só, para estimular o debate público, mas também,  para informar e consciencializar os cidadãos relativamente às mais recentes políticas de âmbito europeu em torno dos direitos sociais".
De acordo com o Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho,"Em 2017, o Parlamento Europeu, o Conselho e a Comissão aprovaram o Pilar Europeu dos Direitos Sociais, um marco na história social da Europa. A CIM, através da RIBVDL, não podia de deixar de se associar a esta iniciativa do Europe Direct Viseu Dão Lafões que procura alargar o conhecimento local sobre a União Europeia e divulgar as suas políticas. Esta iniciativa enquadra-se, ainda, no trabalho que a CIM tem desenvolvido, ao longo dos anos, no domínio da coesão social", concluiu o Secretário Executivo.
Para o Presidente da Câmara Municipal de Nelas, José Borges da Silva, "questões sociais como a igualdade de género e a igualdade oportunidades, a inclusão e a proteção social, assumem, cada vez mais, um papel de destaque nos territórios e, por consequência, na agenda autárquica. Esta iniciativa é louvável, na medida em que concede, às populações, a oportunidade de conhecer os direitos europeus relativos ao seu bem-estar, à sua qualidade de vida e ao desenvolvimento económico e social, contribuindo, assim, para a sua efetivação".

 

Local
Investimento de 250 mil euros torna Ecopista do Dão 'mais segura e com melhores condições'

Foi inaugurada a empreitada de requalificação da Ecopista do Dão, que incluiu intervenções em todo o troço existente no concelho de Viseu. Com a conclusão dos trabalhos, a infraestrutura conta agora com as condições de segurança reforçadas, depois da revisão da sinalização horizontal e vertical de seis cruzamentos.
Hoje estou duplamente satisfeita, primeiro porque honrámos um compromisso assumido pelo Município de requalificar a Ecopista. Depois, porque cumprimos os prazos estipulados e podemos, neste final de agosto, devolver a estrutura para usufruto dos viseenses e todos aqueles que a utilizam”, afirmou Conceição Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Viseu. A requalificação da Ecopista do Dão representou um investimento do município de Viseu que ronda os 250 mil euros.
Os trabalhos levados a cabo incluíram a repintura em slurry do troço inicial, entre o Tribunal (Avenida da Europa) e a Estação de Figueiró; a requalificação da sinalização horizontal e vertical de seis cruzamentos considerados mais problemáticos; a repintura em slurry e sinalização de todos os cruzamentos da ecopista; a melhoria do sistema de drenagem de águas pluviais com reperfilamento de valetas e execução de valetas em betão; e ainda aplicações pontuais da vedação da Ecopista. Refira-se ainda que o lettering, o arranjo da vedação em madeira, a substituição de dissuasores e limpeza, a desmatação de taludes e a remoção de terras soltas, já foram executados no âmbito dos contratos de manutenção com a CIM. Posteriormente, prevê-se uma 2ª fase de intervenção na qual se incluirá a pintura do slurry do troço mais recente.
O Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho fez questão de salientar a aposta determinada da região no turismo de natureza, lembrando “os investimentos que estão a ser feitos na Ecopista do Vouga e na Ecovia do Mondego”.
De referir que a inauguração do 1º troço (até Figueiró) da Ecopista do Dão realizou-se em 21 de abril de 2007. A 2ª fase, entre Figueiró e Santa Comba Dão (no concelho de Viseu, até Farminhão), foi inaugurada a 01 de julho de 2011. A gestão e manutenção deste equipamento está entregue à CIM Viseu Dão Lafões que, anualmente, protocola com os Municípios de Viseu, Tondela e Santa Comba Dão.

Local
A chuva vai regressar, esta semana, à região de Viseu (com áudio)

Para esta semana é esperado tempo instável na região de Viseu. Segundo a meteorologista Patrícia Marques, o sol vai dar lugar à chuva e descida da temperatura na quarta e quinta-feira. A temperatura vai manter-se baixa para esta altura do ano.

Local
Mangualde: fábrica de automóveis com produção parada por falta de material (com áudio)

A fábrica de automóveis da Stellantis Mangualde, antiga PSA, volta a estar com a produção parada, devido à falta de material. Depois das férias, os 900 trabalhadores deveriam ter voltado ao trabalho na semana passada, mas tal não aconteceu.
Telmo Reis, do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, faz o ponto de situação.
A falta de material já obrigou várias vezes à paragem de produção. Uma situação que deixa os trabalhadores preocupados.
Trabalhadores que optaram pelo regime de lay-off e outros pela bolsa de horas.

 

Local
Viseu: homem foi detido por suspeita de fogo posto

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro, com a colaboração da GNR de Viseu, deteve, este sábado (28 de agosto), um homem, de 47 anos, solteiro, desempregado, pela presumível prática de dois crimes de incêndio florestal, o mais recente ocorrido na sexta-feira (27 de agosto), cerca da 01h00m, e outro em outubro 2018, ambos numa freguesia do concelho de Viseu.

Segundo a PJ, o suspeito, com uso de chama direta, ateou os incêndios na floresta, em zona povoada com mato, pinheiro bravo e eucalipto, "confinante com a zona urbana, com áreas ardidas de cerca de 0,1 ha e 20 ha, respetivamente, que teriam proporções mais gravosas caso não tivesse havido uma rápida intervenção dos meios de combate".

"A atuação do suspeito colocou em perigo a integridade física e a vida de pessoas, habitações e a grande mancha florestal", refere.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial e foi-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva, "enquanto aguarda a execução do internamento preventivo decretado em hospital psiquiátrico ou outro estabelecimento análogo adequado".

Local
Santa Comba Dão: detidos em flagrante por caça ilegal

Por caça ilegal, dois homens de 25 e 76 anos foram detidos pela GNR no concelho de Santa Comba Dão.

No decorrer de uma ação de fiscalização, os militares detetaram os suspeitos a caçar em terreno onde não é permitida a caça, nomeadamente nas proximidades de instalações industriais. Foram apreendidas duas armas de caça, duas cartas de caçador, dois cinturões, 37 cartuchos de calibre 12 não percutidos e dois livretes de arma.

Os detidos foram constituídos arguidos, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Santa Comba Dão.

Local
Mangualde: suspeita de Covid-19 em funcionária da Misericórdia

As visitas no Lar Morgado do Cruzeiro da Misericórdia de Mangualde estão suspensas assim como as saídas de utentes, desde esta sexta-feira (27 de agosto), devido a um caso suspeito de Covid-19. Uma funcionária que depois de apresentar sintomas fez um teste rápido que deu positivo.
A colaboradora já fez um teste PCR, assim como os utentes que estiveram em contacto direto com a funcionária.
Utentes que também já se encontram isolados até ser conhecido o resultado das testagem. Segundo a instituição, os idosos estão todos vacinados e a situação não é preocupante.

Local
Distrito de Viseu registou mais de 430 acidentes rodoviários no primeiro semestre deste ano

Nos primeiros seis meses deste ano, o distrito de Viseu registou um aumento de acidentes rodoviários.
Segundo dados da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), o distrito contabilizou 460 acidentes até 30 de junho contra os 433 acidentes registados em igual período do ano passado.
Entre janeiro e final de junho, houve ainda a registar sete vítimas mortais nas estradas do distrito.
No que diz respeito a feridos graves também aumentaram comparando com 2020. Este ano foram 39, sendo que os feridos ligeiros foram 565.
Viseu é o quarto distrito com maior aumento de acidentes nos primeiros seis meses deste ano. A liderar a tabela surge Braga, seguido de Beja e Portalegre.
A nível nacional, no primeiro semestre de 2021 houve a registar 11.815 acidentes, dos quais resultaram 140 mortes, 837 feridos graves e 13.568 feridos leves.

Local
Resende: município lança plataforma online 'Resende.digital'

A Câmara Municipal de Resende vai lançar a plataforma online “Resende.digital", que concentrará toda a oferta do comércio e serviços existente no concelho, permitindo aos comerciantes, de forma simples e intuitiva, captar novos mercados e consumidores, em qualquer parte do país e do mundo.
O “Resende.digital” é um marketplace de negócios (mercado digital), gratuito quer para comerciantes, quer para compradores, que permite às empresas aderentes realizar negócios online, nomeadamente promover e vender os seus produtos e serviços, aceitar encomendas, receber marcações, realizar orçamentos, divulgar horários e contactos, informar sobre campanhas e promoções.
"Os empresários do concelho interessados em aderir a esta iniciativa devem preencher a ficha de inscrição disponível no sítio web do Município e entrega-la devidamente preenchida, no Gabinete de Atendimento ao Munícipe da Câmara Municipal de Resende, ou realizar a sua inscrição diretamente em www.resende.digital sem necessidade de deslocação", informa a autarquia.
Após a inscrição, a empresa gestora entrará em contacto com o empresário para explicar o seu funcionamento e solicitar os conteúdos necessários para inserção na plataforma.
Com o lançamento desta plataforma, o município pretende "disponibilizar, gratuitamente, aos empresários do concelho a oportunidade de realizar mais e bons negócios, ajudar a ativar a economia local e a pertencer a uma geração de empresários que exploram o mercado virtual, rumo ao sucesso e à prosperidade".

Local
Covid-19: novos casos aumentam no concelho de Mangualde

Os casos de Covid-19 estão a aumentar no concelho de Mangualde. Segundo dados disponibilizados pela autarquia mangualdense na última semana, de 19 a 26 de agosto, surgiram 32 novos casos do novo coronavírus.
Há nesta altura 36 casos ativos, sendo que nos últimos dias 11 doentes recuperaram da doença. 
No total, no concelho de Mangualde, foram diagnosticadas desde o início da pandemia 1490 infeções. 1426 recuperaram e 28 pessoas não resistiram à infeção por Covid-19.

O Município de Mangualde, reforça junto da população, que deve manter o cumprimento das normas preventivas divulgadas pela Direção-Geral da Saúde:
- uso de máscara
- lavar as mãos regularmente
- manter o distanciamento social
- arejar bem os espaços privados e de acesso público
 

Local
Tabuaço: autarquia assume compromisso pela igualdade de género

A Câmara Municipal de Tabuaço assinou um protocolo de cooperação que pretende "executar políticas de promoção da igualdade no território". O protocolo está assente no compromisso de implementar o 1.º Plano Municipal para a Igualdade de Género de Tabuaço e colocar em marcha a Estratégia Nacional para a Igualdade e Não Discriminação 2018-2030.
A propósito, Carlos Carvalho, Presidente do Município, defende que “não podemos falar de Direitos Humanos se destes estiver dissociada a questão da igualdade de género”. O autarca completa ainda que “enquanto políticos, enquanto cidadãos e parte integrante de uma sociedade, é com esperança que reconhecemos que mudanças estão em curso nos vários campos, inclusive, e acima de tudo, nas mentalidades, mas inocentes seríamos se assumíssemos que o caminho já está todo percorrido”.
O compromisso do protocolo, em colaboração com a Comissão para a Cidadania e a igualdade de Género, "é o ponto de partida a execução de um diagnóstico, assente nos indicadores do Município, que reconhecerá as dificuldades existentes e determinará as medidas a implementar; medidas que serão, antes de mais, consistentes com as reais necessidades do território e venham a criar condições e oportunidades igualitárias entre homens e mulheres".

Local
S João da Pesqueira: Estratégia Local de Habitação foi aprovada

A Câmara Municipal de S. João da Pesqueira aprovou a nova Estratégia Local de Habitação para o concelho. O programa vai envolver “a edificação e reabilitação de imóveis habitacionais nos próximos quatro anos, visando a resolução do problema habitacional” de 65 famílias, informa a autarquia em comunicado.
"Trata-se de um programa que envolve a edificação e reabilitação de imóveis habitacionais nos próximos quatro anos, visando a resolução do problema habitacional a pelo menos 65 agregados familiares (cerca de 110 pessoas)", explica.
O programa tem um orçamento de dois milhões e trezentos e cinquenta mil euros, apoiado a fundo perdido em cerca de 50% pelo Instituto da Habitação e Reabilitação Urbana(IHRU), sendo o restante complementado pelo município.

 

Local
Autarquia de Moimenta da Beira presta homenagem a Diamantino Gertrudes da Silva, Capitão de Abril

A autarquia de Moimenta da Beira vai prestar homenagem ao Coronel Diamantino Gertrudes da Silva, natural do concelho com um busto e um largo (o atual Parque da Neta) que vai passar a chamar-se “Parque da Liberdade Coronel Diamantino Gertrudes da Silva”.  O antigo Capitão de Abril nasceu em Alvite a 20 de fevereiro de 1943.
"É um justíssimo tributo a quem, à data da Revolução dos Cravos, comandou as tropas sublevadas idas de Viseu para Lisboa, com as companhias de Aveiro e da Figueira da Foz, e que nessa marcha gloriosa teve a seu cargo a tomada da prisão de Peniche. Um ato heróico e determinante em todo o processo de fim do regime", considera a Câmara Municipal.
A cerimónia de homenagem decorre este domingo (29 de agosto), a partir das 16 horas. 
Diamantino Gertrudes da Silva faleceu a 10 de outubro de 2018.
“Foi o mais antigo dos quatro capitães que em Viseu, no RI14, desenvolveram grande atividade no Movimento dos Capitães”. “As suas militâncias envolveram então oficiais de Lamego, Guarda, Coimbra, Aveiro, para só referir as mais significativas”, lembra Vasco Lourenço, Presidente da Associação 25 de Abril.

 

Local
Posto de carregamento para veículos elétricos instalado na vila de Resende

No âmbito da promoção de uma mobilidade sustentável, baseada na utilização de transportes com baixos impactos ambientais, o Município de Resende procedeu à ativação de um posto de carregamento para veículos elétricos.
O equipamento encontra-se instalado na Av. Rebelo Moniz, em frente aos Paços do Concelho.
O protocolo entre o Município e a Mobi.E, Entidade Gestora da Rede de Mobilidade Elétrica, foi aprovado na reunião de câmara de 21 de julho. "Não implica qualquer custo para o município e tem um prazo de concessão de dez anos, ao fim do qual a autarquia poderá requerer a propriedade do equipamento", explica a autarquia.
O posto de carregamento está equipado com dois pontos (tomadas) de 22 Kw, ao qual estão afetos dois lugares de estacionamento.
Segundo a Cãmara Municipal, "este é o primeiro posto de carregamento em local público no concelho, sendo que, no sentido de alargar a oferta, foi já definido o local para outro posto".
Os utilizadores têm de contratar com o Comercializador de Eletricidade para a Mobilidade Elétrica o fornecimento de um cartão que permite acionar qualquer posto de carregamento ligado à rede MOBI.E.

Local
Livro da Academia Stem Mangualde em destaque na Europa

 O livro lançado pela Academi@ STEM Mangualde, no âmbito da I Jornadas Academi@ STEM Mangualde, foi alvo de destaque na revista europeia Scientix. A notícia poderá ser consultada na seguinte hiperligação: http://www.scientix.eu/news/news-all/news-detail?articleId=1074907.
A obra é composta por dois volumes “Modelo inovador para a promoção do sucesso escolar a nível local” e “Atividades letivas interdisciplinares do pré-escolar ao 3º Ciclo”.

"Cada volume tem um propósito. O primeiro apresenta a visão estratégica e educativa da Academia, e a forma como o Município de Mangualde, o Agrupamento de Escolas e o Centro de Formação, contando com o cofinanciamento da Comunidade Intermunicipal de Viseu Dão Lafões, no âmbito do Plano Inovador de Promoção do Sucesso Educativo, concretizaram esta visão em conjunto com parceiros, encarregados de educação e alunos, alterando a dinâmica educativa do concelho", explica a autarquia mangualdense.
Já o segundo apresenta "uma seleção de atividades letivas STEM desenhadas e implementadas pelas equipas da Academi@, para o Pré-Escolar, 2.º, 5.º e 7.º anos, na expectativa de que sejam úteis e inspiradoras, podendo ser adaptadas pela comunidade educativa regional, nacional e internacional".
O livro de autoria da Academi@ STEM poderá ser consultado na seguinte hiperligação:
 https://www.academiastemmangualde.pt/pt/publicacoes.

 SCIENTIX
A Scientix promove e apoia uma colaboração em toda a Europa entre professores STEM (ciência, tecnologia, engenharia e matemática), investigadores em educação, formuladores de políticas e outros profissionais de educação STEM.

ACADEMI@ STEM MANGUALDE
Academi@ Stem Mangualde é um projeto de desenvolvimento curricular local, único em Portugal, que integra uma equipa de apoio técnico e científico do Município de Mangualde, equipas educativas do Agrupamento de Escolas de Mangualde, o Centro de Formação EduFor e diversos parceiros locais e nacionais (empresas, cooperativas, associações, instituições do ensino superior, Direção-Geral da Educação.
 

Local
Câmara Municipal de Lamego e Resinorte realizaram ação de sensibilização para separação de resíduos

A Câmara Municipal de Lamego, em parceria com a Resinorte, realizou uma ação de sensibilização com o objectivo de alertar para a importância da separação de resíduos recicláveis. A campanha destinou-se aos comerciantes da cidade.
Destinada a comerciantes da área da restauração e bebidas, a iniciativa decorreu de forma localizada, designadamente na Rua da Olaria e na Avenida Visconde Guedes Teixeira, na freguesia de Lamego (Almacave e Sé).
Numa altura em que a cidade de Lamego se encontra repleta de turistas e se prepara para as festas do concelho (Nossa Senhora dos Remédios), a autarquia considera de enorme relevância o alerta para uma correta e eficaz separação de resíduos, assim como o depósito dos mesmos nos respetivos Ecopontos.
No decorrer da ação foram disponibilizados sacos para a separação correta dos detritos recicláveis que contemplavam vidros, embalagens, papel e cartão.
Para setembro estão já previstas diversas iniciativas do mesmo cariz, nomeadamente para a zona baixa da cidade de Lamego.

Local
Mangualde: despiste de viatura ligeira causa um ferido (em atualização)

Um ferido é o resultado de um acidente de viação ocorrido esta manhã de quarta-feira (25 de agosto) na Estrada Nacional 16, na localidade de S. Cosmado, em Mangualde.
Uma viatura ligeira entrou em despiste. Segundo informções do Centro Distrital de Operações e Socorro (CDOS) de Viseu há a registar um ferido ligeiro.
Para o local foram destacados oito operacionais dos Bombeiros Voluntários de Mangualde apoiados por duas viaturas.

Local
Nelas: concelho integra a Rede Nacional dos Munícipios Amigos da Juventude

A Federação Nacional das Associações Juvenis (FNAJ), atribuiu ao Município de Nelas o certificado de membro efetivo da “Rede Nacional de Municípios Amigos da Juventude” por esta “encarar a juventude como eixo central da sua ação governativa, impulsionando e multiplicando políticas amigas da Juventude que respondam aos reais interesses e aspirações dos/as jovens do município.”
De entre os 308 municípios do país, Nelas é um dos 106 que integram a “rede pioneira e promotora de um efetivo diálogo jovem de base local em Portugal“, de acordo com o certificado, onde esta estrutura é classificada como “uma plataforma de contacto e compromisso do movimento associativo juvenil e do poder local“. Para além de Nelas, também Castro Daire, Lamego e S. Pedro do Sul integram a rede.
A Rede Nacional de Municípios Amigos da Juventude pretende contribuir para a “implementação e otimização de políticas locais de juventude“, potenciando “uma abordagem inovadora na ação dos Municípios na emancipação e participação jovem “.
 

Local
Penalva do Castelo: Feriado Municipal apenas com 'prata da casa' (com áudio)

Esta quarta-feira (25 de agosto) é Feriado Municipal em Penalva do Castelo. Pelo segundo ano consecutivo, a pandemia não permite uma comemoração com diversas atividades. O presidente da Câmara, Francisco Carvalho, explica o que está previsto.
Em dia de feriado municipal, o autarca não realça qualquer obra estruturante para o concelho, mas destaca a criação de um ginásio municipal cujo projeto foi aprovado esta semana em reunião do executivo.

 

Local
Lamego: crianças das 'Férias de Verão' descobrem segredos de antigos moinhos de água

Aproveitando a força da água do Rio Balsemão, a aldeia de Magueija, no concelho de Lamego, possui desde há muitos anos vários moinhos, construídos com pedras da região, que recordam um período da história da freguesia e do património molinológico. Nos últimos dias, as crianças que integram o programa "Férias de Verão” da Misericórdia de Lamego fizeram uma visita guiada a estes antigos moinhos para compreenderem melhor como funcionavam estas estruturas.
No local, aprenderam que os tradicionais moinhos de água de Magueija fazem parte do imaginário deste território rural. São engenhos de construção antiga que se destinavam à moagem de cereais para serem transformados em farinha. Durante a viagem ao passado, as crianças ficaram ainda a saber que esta atividade tinha uma elevada importância na economia local.
Durante a última semana, o programa “Férias de Verão” também levou os pequenos exploradores a participarem em ateliês de cozinha e de pintura, idas à piscina e a visitarem a Capela da Senhora da Guia, em Medelo, para além de muitas outras atividades lúdicas e divertidas.
Até ao início do próximo ano letivo, continuam abertas as inscrições para o projeto “Férias de Verão” dirigido às crianças dos 5 aos 15 anos de idade.

Local
Castro Daire: fogo consome mato

No distrito de Viseu há a registar, esta tarde de segunda-feira (23 de agosto), um incêndiom florestal. Segundo informações da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), o fogo deflagrou, numa zona de mato, pouco antes das 16h00 na localidade de Santa Margarida, no concelho de Castro Daire.
No combate ás chamas estão, por volta das 17h15, 56 operacionais apoiados por 14 viaturs e um meio aéreo. O incêndio encontra-se numa fase de resolução, segundo a ANEPC

Local
Segunda edição da Escola de queijeiros arranca, em setembro, no Politécnico de Viseu

O Instituto Politécnico de Viseu (IPV) está a aceitar inscrições para a segunda edição da Escola de Queijeiros. As inscrições podem ser realizadas até dia 12 de setembro. Uma iniciativa promovida pelo Programa de Valorização da Fileira do Queijo da Região Centro em parceria com os Politécnicos de Viseu, Coimbra e Castelo Branco. 
A Escola de Queijeiros tem início previsto para o dia 27 de setembro e é destinada a abranger as três regiões DOP do Centro, ou seja, Beira Baixa, Serra da Estrela e Rabaçal.
Para cada Instituto Politécnico estão disponíveis 10 vagas num total de 30.
A carga Horária prevista para o curso é de 80 horas em regime de horário laboral, sendo que dessas, 40 horas estão destinadas à componente teórica e as restantes 40 horas destinadas à componente prática a realizar em contexto de trabalho, em queijarias de cada região DOP, produtoras de queijos DOP.
De entre os vários conteúdos temáticos a abordar incluem-se: legislação aplicada ao setor dos laticínios, requisitos específicos para a produção de queijo DOP em cada uma das regiões abrangidas, boas práticas de higiene e de fabrico segundo as normas de qualidade e segurança alimentar; higiene e saúde no trabalho e da legislação em vigor.

Local
Distrito de Viseu está com risco amarelo devido à previsão de tempo quente

Devido à previsão de tempo quente, o distrito de Viseu está com risco amarelo até às oito da noite de terça-feira (24 de agosto). Uma situação que se estende quase à totalidade do país. Com o tempo quente aumenta o risco de incêndio. No distrito 19 concelhos estão com risco máximo, o mais grave na tabela de risco.
Apenas Mortágua, Oliveira de Frades, Santa Comba Dão, Tondela e Vouzela apresentam risco de incêndio muito elevado.

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, o risco de incêndio vai manter-se elevado pelo menos até sexta-feira (27 de agosto).

Local
Penalva do Castelo: exposição de fotografias sobre utentes da Misericórdia na Biblioteca Municipal

A Biblioteca Municipal de Penalva do Castelo tem patente a Exposição Fotográfica “O Mundo aos Nossos Olhos”. Uma mostra resultante de um conjunto de iniciativas fotográficas levadas a cabo, entre 2019 e 2021, pela Santa Casa da Misericórdia de Penalva do Castelo e pelos seus utentes.
Constituída por sete núcleos fotográficos, a exposição retrata "os olhares individuais e as formas próprias de ver o mundo e observar a realidade circundante por parte na nossa geração mais sénior", refere o municio penalvense.
A mostra pode ser visitada até ao dia 18 de setembro, durante o horário de funcionamento da Biblioteca Municipal.

Local
Pinturas ajudam a resgatar memórias no Lar da Misericórdia de Lamego

Numa parceria inédita, cinco pintores que desenvolvem trabalho em Lamego estão a ajudar a resgatar a memória afetiva dos idosos do Lar da Santa Casa da Misericórdia. As pinturas, de diferentes estilos artísticos, ocupam um lugar de destaque na nova sala de estar da instituição, o local onde passam a maior parte do tempo.
"A iniciativa “Memórias de Lamego” nasceu de um desafio lançado pelo projeto de cidadania “#lamegoeuacredito”, desenvolvido por Ricardo Pereira, junto de vários artistas locais ou que têm ateliê instalado neste concelho para ajudar os idosos a reviver, através da arte, experiências guardadas na memória", explica a autarquia. Aldina Alegre, Adelaide Brilhante, João da Fonseca Fernandes, Joaquim Correia e Óscar Rodrigues são os artistas que doaram algumas obras.
A este desafio também se juntou a maior e mais antiga instituição de solidariedade social de Lamego. “Quero agradecer publicamente a todos aqueles que, com o seu altruísmo e espírito solidário, ajudaram a concretizar esta iniciativa louvável, em prol dos nossos idosos”, afirma o provedor António Carreira.
"Todas as composições artísticas expostas perpetuam a riqueza patrimonial e paisagística da cidade de Lamego e do Douro, como é o caso do Bairro do Castelo e da Igreja Catedral, ou fixam no tempo as manifestações religiosas e culturais que moldam a identidade deste território, como é o caso da Procissão de Triunfo e do Entrudo de Lazarim", explica.
 

Local
Mangualde: Uma fonte enterrada há mais de 40 anos foi reconstruída em Contenças de Baixo (com áudio)

Uma fonte com várias décadas, e que se encontrava enterrada, foi reconstruída na aldeia de Contenças de Baixo, no concelho de Mangualde. Há mais de 40 anos que a fonte não era vista.
A União de Freguesias de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães deitou mãos à obra e recuperou a antiga fonte, como conta Rui Valério, o presidente da freguesia.
A recuperação da antiga fonte está quase concluída. A água existente vai ser alvo de análises para possivel consumo público. O autarca fala de mais um ponto de atração para a freguesia.

Local
Câmara de Vouzela vai construir um passadiço no percurso pedestre do Castro de Ribamá

A Câmara Municipal de Vouzela vai investir cerca de 137 mil euros com a construção de um passadiço integrado no percurso pedestre do castro de Ribamá, em Queirã.
O percurso terá aproximadamente dois km e fará parte do projeto da Rota dos Castros, uma rota turística automóvel que irá promover seis castros do concelho: o Castro de Zibreiro (Farves), o Castro do Gralheiro (Alcofra), o Castro do Cabeço do Couço (Campia), o Castro do Cabeço do Crasto (Campia), o Castro da Senhora do Castelo (Vouzela) e o Castro de Ribamá (Queirã).
Segundo a autarquia, a Rota dos Castros tem como objetivo a dinamização e valorização deste tipo de património, cuja localização é geralmente colocada a norte do rio Douro, a região da denominada “cultura castreja”.
"Contudo, os trabalhos arqueológicos desenvolvidos nos últimos anos permitem-nos perceber que este fenómeno teve uma particular expressividade na região de Lafões. Este facto é justificado pela riqueza metalífera desta região, sobretudo em estanho, que fez com a partir do séc. XII/XI a. C. este território fosse palco de contactos de povos vindos do Mediterrâneo, mas também do Centro da Europa. Foram precisamente esses contactos que fizeram com que o primeiro milénio antes de Cristo tivesse sido a época de maior florescimento económico de sempre desta região e tivesse sido desenhado o esboço das primeiras cidades, de poder e domínio", explicou o Presidente da Câmara Municipal, Rui Ladeira.

A autarquia prevê que a obra possa arrancar ainda no mês de agosto.

Local
Município de Viseu avança com novo concurso para criação do CRO - Canil e Gatil

O Executivo municipal de Viseu aprovou esta quinta-feira (19 de agosto) os critérios do novo concurso para a construção do Centro de Recolha Oficial (CRO) de Viseu, depois das dificuldades sentidas no lançamento do primeiro procedimento concursal. “Infelizmente, esta tem sido uma situação recorrente nos últimos meses, que passa pela falta de mão-de-obra e aumentos brutais no que respeita às matérias-primas. O Município de Viseu, assim como muitos outros, tem sentido grandes dificuldades no lançamento de obras devido a estes fatores”, explica o Vice-Presidente da Câmara Municipal de Viseu, João Paulo Gouveia.
O Município de Viseu definiu as peças de procedimento, júri do procedimento, gestor do contrato, cabimento, fundamentação do preço base, critério de adjudicação e abertura de procedimento de concurso, que espera que agora resulte na adjudicação de mais este investimento, que rondará os 400 mil euros e tem um prazo de execução de 189 dias. O novo CRO | Canil e Gatil de Viseu, que ficará situado junto ao recinto da Feira do Gado, em Rio de Loba, visa dar resposta ao elevado número de animais que existem no concelho e fazer face a situações que podem colocar em risco a segurança, higiene e saúde pública.
“O número de animais errantes recolhidos pela autarquia, juntamente com a Associação Cantinho Animais Abandonados de Viseu, já ronda os 800 por ano, o que demonstra bem a necessidade de uma estrutura como o CRO. Trata-se de um espaço fundamental para assegurar o controlo premente dos animais de companhia e prevenir ameaças à saúde pública”, explica João Paulo Gouveia, responsável pelos pelouros das Freguesias e Desenvolvimento Rural, Equipamento Rural e Urbano. Saliente-se que os CRO têm por objetivo sanitário primordial a vigilância de zoonoses graves, como é o caso da raiva, quase sempre mortal, e o controlo da propagação de outras como leishmaniose, equinococose/hidatidose, sarnas e tinhas. Estas doenças podem transmitir-se ao Homem, constituindo por isso problemas de Saúde Pública.
O projeto desenvolvido pela autarquia para o CRO de Viseu, prevê um pavilhão de serviços que inclui enfermaria, sala de esterilização, sala de recobro, sala de limpeza e lavagem de animais, sala de lavagem de material, gabinete Médico Veterinário, sala de arrumo de equipamento para captura de animais e sala de pessoal e vestiário. Paralelamente, o espaço será também dotado de um pavilhão de alojamento de animais, com boxes que podem alojar cerca de 60 a 70 canídeos e felídeos, uma boxe para outras espécies, quando necessário (equídeos ou outros), três celas para animais perigosos, duas celas de quarentena e uma cela de maternidade. A obra contará com uma comparticipação de 50 mil euros prevista em no Orçamento de Estado.

 

Local
Castro Daire: um homem foi detido por suspeita de fogo posto

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem suspeito de ter ateado um incêndio em área florestal, no concelho de Castro Daire. O suspeito, pastor, tem 58 anos.
Segundo a PJ, o incêndio, ocorrido no dia 21 de maio de 2021 consumiu cerca de cinco hectares de área de mancha florestal, constituída, maioritariamente, por mato e pinheiro bravo disperso.
"O incêndio colocou em perigo uma vasta mancha florestal, constituída maioritariamente por mato e pinheiro bravo, bem como de habitações, de valor consideravelmente elevado", refere a PJ em comunicado.

Local
Distrito de Viseu continua em situação de alerta devido ao risco de incêndio

Viseu e mais 13 outros distritos continuam esta quinta-feira (19 de agosto), até à meia noite, em situação de alerta devido à continuação de condições meteorológicas que aumentam o risco de incêndios. Ainda assim, o número de concelhos em risco máximo, o mais crítico, já diminuiu em relação aos últimos dias. Esta quinta-feira são seis os concelhos do distrito em risco máximo: Carregal do Sal, Mangualde, Nelas, Penalva do Castelo, Sátão e Viseu.
Todos os restantes 18 concelhos apresentam risco de incêndio muito elevado.
Para além de Viseu também os distritos de Beja, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Évora, Faro, Guarda, Leiria, Lisboa, Portalegre, Santarém, Setúbal, Vila Real copntinuam em situação de alerta.
No âmbito da situação de alerta, relembra o Governo, são implementadas medidas excecionais como a proibição do acesso, circulação e permanência no interior de espaços florestais previamente definidos nos Planos Municipais de Defesa da Floresta Contra Incêndios.
A mesma proibição aplica-se a caminhos florestais, caminhos rurais e outras vias que os atravessem.
É também proibido fazer queimadas e queimas de sobrantes, fazer trabalhos em espaços florestais com recurso a qualquer tipo de maquinaria, e usar em espaços rurais ferramentas como motorroçadoras de lâminas ou discos metálicos, corta-matos, destroçadores e máquinas com lâminas ou pá frontal.
É ainda totalmente proibido usar “fogo-de-artifício ou outros artefactos pirotécnicos, independentemente da sua forma de combustão”, diz-se no comunicado, no qual se acrescenta que estão suspensas autorizações que tenham sido emitidas nos distritos declarados pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil como em maior risco de incêndio.
No comunicado o Governo lembra também que as proibições não se aplicam a trabalhos como os relacionados com animais e agricultura, desde que essenciais e não em zonas de floresta, tirar cortiça ou mel (sem métodos de fumigação por material incandescente), ou construção civil não adiável.

Local
Mangualde: escolas do concelho não servem doces nem salgados aos alunos (com áudio)

Sandes de chouriço, croissants, empadas ou batatas fritas são alguns dos alimentos que passam a ser proibidos nos bares das escolas públicas, onde também deixará de haver hambúrgueres, cachorros-quentes e sumos com açúcar adicionado.
Ao todo são mais de meia centena de alimentos a que os alunos vão deixar de ter acesso dentro da instituição de ensino, quer seja no bar ou nas máquinas automáticas, já no início do novo ano letivo.
Uma medida do Governo que já está implementada nas escolas de Mangualde há vários anos, como explica Agnelo Figueiredo, presidente do Agrupamento de Escolas.
Agnelo Figueiredo considera que é uma medida que não faz sentido, uma vez que a maioria das escolas já cumpre uma alimentação saudável.
Também o presidente da Associação de Pais de Mangualde, Rui Pinto, vê a restrição de alimentos com bons olhos, mas considera que existem outras prioridades a resolver.

Local
Covid-19: Lojas do Cidadão com funcionamento normal em setembro

As Lojas do Cidadão deverão regressar ao funcionamento normal no início de setembro, passando a prestar atendimento presencial sem necessidade de marcação prévia.
O Governo preparou um diploma, que será publicado esta quarta-feira (18 de agosto) em Diário da República, o qual estabelece orientações para o atendimento sem marcação prévia nas Lojas do Cidadão e que determina, entre outros aspetos, que deve ser retomado o horário de funcionamento e atendimento completo e contínuo.
O vogal da Agência Para a Modernização Administrativa Paulo Mauritti explica que objetivo é, com planeamento, regressar à normalidade em setembro, se a evolução da pandemia e a vacinação o permitirem.
“Se a evolução pandémica permitir estamos a criar meios para estar preparados para o regresso das lojas em setembro com horário de funcionamento, atendimento completo e continuo”, disse.
Paulo Mauritti alertou que apesar de o atendimento presencial nas 60 Lojas do Cidadão, incluindo a de Viseu, ser importante, continuam a existir meios alternativos de atendimento que devem continuar a ser usados.

Local
Lamego: férias escolares proporcionam diversas atividades aos mais novos

A autarquia de Lamego continua a promover férias escolares às crianças do concelho. Ateliers, caças ao tesouro, expressão plástica, visitas temáticas, atividades aquáticas e de animação, e muitas outras iniciativas, estão a ocupar os tempos livres das crianças e jovens "de uma forma saudável, longe das salas de aula".
Até ao início do próximo ano letivo, as Atividades de Tempos Livres (ATL) - "Férias Ativas" proporcionam "dias muito animados às crianças dos três aos doze anos de idade".
"Com a realização deste espaço lúdico-pedagógico, o Município de Lamego pretende complementar o processo educativo e formativo dos mais novos, através da sua participação num leque muito variado de atividades", explica a autarquia.Lamr

Local
Oliveira de Frades mobiliza-se na luta contra o cancro

“Dou Mais Tempo à Vida – Juntos Venceremos o Cancro” é, mais uma vez, o lema da iniciativa que decorre até setembro em toda a Região Centro. Oliveira de Frades, através do Grupo de Voluntariado Comunitário da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC), associa-se, mais uma vez, a esta iniciativa. “Agora é a nossa vez” é um dos lemas da iniciativa Dou Mais Tempo à Vida. Uma iniciativa solidária de participação individual ou coletiva que visa a promoção de estilos de vida saudável na luta contra o cancro. Em Oliveira de Frades, este desafio decorre durante todo o mês de setembro.

A participação na ação pode ocorrer através de atividades físicas, em termos individuais ou em pequenos grupos, em horário e percurso livre.

As inscrições, com o valor de 5 euros, reverterão a favor da LPCC, para o apoio ao doente oncológico e respetiva família.

Aos participantes é proposta a produção e partilha de pequenos vídeos ou fotografias, exibindo a t-shirt “Dou Mais Tempo à Vida” e a atividade física realizada. Os registos deverão ser enviados para o email voluntariado.nrc@ligacontracancro.pt.

Local
Serra do Montemuro recebe rebanhos para recriar outros tempos

“Siga o Rebanho” é o nome da iniciativa que decorre este sábado (21 de agosto) na aldeia de Tendais, no concelho de Cinfães. A iniciativa tem como objetivo o tempo em que os rebanhos percorriam as encostas da Serra do Montemuro até ao maciço do S. Pedro do Campo. Segundo a autarquia de Cinfães a iniciativa "pretende ajudar a salvaguardar a história, (re)viver estórias da serra e incentivar práticas sociais e ambientais”.
"Siga o rebanho" é uma das atividades que integram a Feira do Douro Verde que decorre até 31 de agosto.
A caminhada teve inicio cedo em Meridãos tendo como percurso os trilhos da Serra. Por volta das 12h00, está prevista a receção do rebanho junto à Capela de S. Pedro. A iniciativa termina durante a tarde com um lanche convívio e animação musical.

 

Local
Contestatários do Plano de Fomento Mineiro promovem caminhada

Opositores às minas, na zona de Mangualde e outras regiões, promovem no sábado (21 de agosto) uma caminhada na zona de Gonçalo, no concelho da Guarda, no âmbito de um protesto contra o Plano de Fomento Mineiro.
A caminhada “Não às Minas, Sim à Vida” é organizada pelo Movimento ContraMineração Beira Serra, pela Greve Climática Estudantil da Guarda e pela Associação Guardiões da Serra da Estrela.
A iniciativa, marcada para sábado, para a área da mina de Gonçalo, terá início pelas 09:30, junto da escola daquela vila do concelho da Guarda.
“Esta caminhada inscreve-se no protesto contra o Plano de Fomento Mineiro que colocou 4.788 km2 da região Beira Serra sob pedidos privados de prospeção e pesquisa, que abrangem um total de 15 zonas de 34 concelhos, bem como três zonas (Guarda - Mangualde, Argemela e Massueime) com uma área de 1.536 km2 destinadas a concurso público internacional promovido pelo Governo português, e ainda uma zona já em vias de exploração a céu aberto, também na Argemela, com 403,71 hectares”, referem os promotores em comunicado.
Segundo a nota, o plano, que abrange outras áreas rurais do interior do país, “é um atentado aos direitos fundamentais plasmados na Constituição da República Portuguesa, nomeadamente à liberdade, qualidade de vida, saúde das populações e ao Ambiente, e compromete severamente o percurso de desenvolvimento sustentável destas regiões desenvolvido nas últimas décadas, alicerçado na qualidade de vida, do ambiente e dos produtos endógenos, na agricultura e no turismo”.
Acrescentam que “qualquer método de mineração implica consumos elevadíssimos de água, insustentáveis numa região sistematicamente em seca severa ou extrema”.
“Concomitantemente, e face à diversidade de recursos minerais que se pretendem extrair, a água utilizada torna-se um efluente contaminado por metais pesados e ácido, cujo tratamento origina lamas tóxicas que deixam impactes negativos permanentes”, alertam.
De acordo com o comunicado, “a mineração origina, ainda, poeiras que se depositam nas áreas envolventes, causando problemas respiratórios nas populações e animais e perturbando o crescimento vegetal o que, em zonas uraníferas como na área da Beira Serra, comporta um risco acrescido por serem poeiras radioativas”.
Os organizadores também sustentam que, “contrariamente ao que o Governo e as empresas pretendem fazer crer, este ‘progresso’ não é desenvolvimento, pois na verdade gerará poucos postos de trabalho localmente (todos eles precários), e num horizonte temporal de laboração de entre 10 a 20 anos, após o qual já terá destruído o tecido de micro e pequenas empresas que se desenvolveu nas últimas décadas, já terá aumentado a desertificação populacional e a seca e a poluição serão críticas”.

Local
Mangualde volta a promover ensino especializado de música

O Município de Mangualde promove pelo quarto ano consecutivo, em conjunto com o Conservatório Regional de Música de Viseu Azeredo Perdigão e o Agrupamento de Escolas de Mangualde, o ensino especializado de música, destinado a alunos dos 2.º, 3º e 4º anos do 1º ciclo.
As inscrições para o ano letivo 2021/22 podem ser realizadas presencialmente até dia 13 de setembro, na Biblioteca Municipal de Mangualde ou através do formulário: https://forms.gle/SqBUb7K9DeeqWund9.  O número de vagas é limitado a 17 alunos, sujeitos a provas de aptidão musical. De entre os instrumentos a lecionar existem vagas para: flauta transversal (1), clarinete (1), saxofone (1), trompa (2), trompete (2), trombone (2), violino (3), viola d’arco (1), violoncelo (2) e percussão (2).

 

Local
Nelas: mais de 54 por cento da população com duas doses da vacina contra a Covid-19

Mais de metade da população do concelho de Nelas já conta com a vacinação completa contra a Covid-19. O processo de vacinação, no concelho, iniciou a 18 de fevereiro deste ano de 2021. Segundo a autarquia o processo "continua a decorrer a bom ritmo e de forma muito positiva no Centro de Vacinação situado no Cineteatro de Nelas".

"Segundo informação reportada pela Autoridade de Saúde competente foi vacinada com a 1.ª dose da vacina 66,1% da população do Concelho (mais de 9250 pessoas), estando já vacinada com a 2.ª dose 54,46% da população do concelho, ou seja, mais de 7600 munícipes têm já o processo de vacinação concluído", refere.

A Câmara Municipal, para além do apoio logístico e de recursos humanos que presta à esta operação, assegura também o transporte aos munícipes que tenham dificuldade em se deslocar ao Centro de Vacinação, tendo disponibilizado este serviço de transporte a mais de 200 pessoas.

 

Local
Sátão: centro de vacinação vai sair do pavilhão gimnodesportivo (com áudio)

O Centro de Vacinação de Sátão vai mudar de instalações. Com o aproximar do arranque do novo ano letivo, o edifício da Casa do Povo vai substituir o pavilhão gimnodesportivo.
E com mais de metade da população do concelho vacinada, o presidente da Câmara, Paulo Santos, acredita que em breve o Centro de Saúde passe a receber o processo de vacinação.
Nesta altura de verão, a população no concelho de Sátão aumenta com a presença dos emigrantes. Nos próximos dias a vacinação contra a Covid-19 vai intensificar-se com a abertura aos mais jovens.

Local
Covid-19: cerca de 300 novos casos na região de Viseu na última semana

Segundo os dados da Proteção Civil divulgados esta segunda-feira (16 de agosto) surgiram cerca de 300 novos casos de Covid-19,  na região de Viseu na última semana, entre os dias 9 e 16 de agosto.
O maior aumento verificou-se no concelho viseense com 174 novas infeções pelo novo coronavírus. Segue-se Tondela com mais 28 e e S. Pedro do Sul com 15. Com 14 novos casos, na última semana, surge Castro Daire, e Mangualde com mais 11. Sátão regista mais 10 doentes e Vouzela mais nove, seguido do concelho de Penalva do Castelo com mais oito infetados. 
Nelas e Santa Comba Dão registaram mais sete infeções do novo coronavírus, Oliveira de Frades cinco e mais quatro em Carregal do Sal. Na última semana surgiu um novo caso em Mortágua. 
No total, a região de Viseu soma mais de 31 800 pessoas diagnosticadas desde o inicio da pandemia, sendo que mais de 27 500 já recuperaram. Há ainda a registar a morte de 675 pessoas com problemas ligados à Covid-19.

Local
Mangualde: incêndio numa cozinha provoca um ferido

Um ferido é o resultado de um incêndio que ocorreu ao início desta tarde de segunda-feira (16 de agosto) numa cozinha de uma habitação no Bairro do Modorno, em Mangualde.
A vítima é uma mulher de 77 anos que ao tentar apagar as chamas se queimou em 30 por cento do corpo. Segundo informações dos Bombeiros Voluntários de Mangualde, as queimaduras são de 1º grau e atingem a face, peito e braços.
A idosa foi transportada para o Hospital de Viseu. As chamas limitaram-se à cozinha e não afetaram a totalidade da habitação.
No local estiveram 10 operacionais apoiados por quatro viaturas.

Local
Laboratório Móvel das Ciências chegou a cerca de 3900 alunos da CIM Viseu Dão Lafões

Apresentado a 15 de setembro de 2020, pela Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, no âmbito do Plano de Promoção do Sucesso Educativo, o Laboratório Móvel das Ciências: Viseu Dão Lafões recebeu a visita de quase 3900 alunos, ao longo da sua primeira itinerância pelas escolas do território, no ano letivo de 2020/21. 
Tendo percorrido os 14 municípios da CIM Viseu Dão Lafões, esta inovadora proposta pedagógica, que teve 27 paragens, acolheu um total de 3884 alunos, dos 3º e 4º ano do ensino básico, envolvendo diretamente 252 professores e 241 turmas, em representação de 22 Agrupamentos de Escolas. 
Ao abrigo desta iniciativa, cujo foco recaiu no domínio tecnológico, programação e robótica, sob o módulo temático central "Fábrica de Robots", foram desenvolvidas 221 ações. No que concerne aos temas opcionais, o módulo “Fenómenos Atmosféricos e Alterações Climáticas” foi o escolhido em 93 ocasiões; tendo o módulo “Corpo Humano” sido ativado por 62 vezes; já o módulo “A Nossa Escola no Cosmos” foi opção 32 vezes, por último, o módulo “Engenhos e Engenhocas” registou 30 ações. 
De referir que, neste período de interrupção letiva, o Laboratório Móvel das Ciências encontra-se a percorrer cada um dos Municípios da CIM Viseu Dão Lafões, permitindo que as crianças, também, possam usufruir desta experiência em contexto de férias escolares.
O presidente da CIM Viseu Dão Lafões, Rogério Abrantes explica que e "sabendo que ambientes inovadores fomentam o desenvolvimento do conhecimento e de competências, apesar do contexto desfavorável que vivemos, a CIM Viseu Dão Lafões não baixou os braços e conseguiu disponibilizar, aos alunos da nossa região, uma proposta pedagógica estimulante, com materiais e conteúdos inovadores, capaz de alargar os seus horizontes e potenciar as suas capacidades, acrescentando valor ao processo de ensino e aprendizagem”.
"A temática relativa a alterações climáticas foi a mais procurada pelos docentes, o que vem reforçar a importância dos projetos de literacia ambiental que a CIM tem desenvolvido junto das escolas e da comunidade, nomeadamente,  a Exposição Itinerante e o projeto O Futuro é Amanhã", concluiu o presidente da CIM.

Local
Cáritas Diocesana de Viseu recolhe material escolar para crianças desfavorecidas (com áudio)

A Cáritas Diocesana de Viseu está a promover uma campanha de angariação de material escolar, quando falta um mês para o arranque do novo ano letivo.
O objetivo passa por apoiar famílias mais carenciadas, como refere Ana Dias da Cáritas Diocesana de Viseu.

A campanha decorre até dia 2 de setembro. A responsável explica como é possível ajudar.

Local
Trabalhadores do SUCH, no Hospital de Viseu, estão em greve (com áudio)

Serviços de Alimentação, Lavandaria, Resíduos e Manutenção do Hospital de Viseu sofrem, esta segunda-feira (16 de agosto), os efeitos da greve dos trabalhadores da empresa Such, responsável por esses setores. 
Afonso Figueiredo, do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Hotelaria, Turismo, Restaurantes e Similares do Centro realça as razões que levam à greve.
O sindicalista espera uma forte adesão ao protesto.

 

Local
Distrito de Viseu está com risco máximo de incêndio

Apenas três concelhos do distrito de Viseu estão com risco de incêndio muito elevado, esta segunda-feira: Mortágua, Oliveira de Frades e Vouzela.
Os restantes 21 concelhos estão com risco máximo, o mais grave da escala de risco.
Segundo o Instituto Pportuguês do Mar e da Atmosfera, o  risco de incêndio vai manter-se elevado em algumas regiões do país pelo menos até à próxima quinta-feira

Local
Mangualde: Base de Apoio Logístico recebe reforço do dispositivo de combate a incêndios (com áudio)

O Comandante Nacional de Emergência e Proteção Civil, André Fernandes, esteve esta manhã de sexta-feira (13 de agosto) em Mangualde, onde visitou o dispositivo de prevenção de incêndios montado na zona centro do país.
De referir que os próximos dias são críticos no que diz respeito ao risco de incêndio devido às altas temperaturas, o que levou a que os meios de prevenção e combate às chamas fossem reforçados. Um reforço que é visível no quartel dos Bombeiros Voluntários de Mangualde, na Base de Apoio Logístico (BAL) existente. Em declarações à RTP, André Fernandes, falou da importância do estímulo dado aos operacionais.
Para além do reforço humano, os meios de combate também foram reforçados para Viseu com dois meios aéreos. O comandante Nacional de Emergência e Proteção Civil apela também a maiores cuidados por parte da população.
 

Local
Volta a Portugal condiciona trânsito em Viseu no domingo (com áudio)

A cidade de Viseu recebe este domingo, 15 de agosto, o final da Volta a Portugal em Bicicleta. A última etapa corresponde ao Contrarrelógio Individual, que decide quem sobe ao pódio e vence a 82ª edição da prova rainha do ciclismo.

Os ciclistas têm pela frente um percurso de cerca de 20 km, que abrange as freguesias de Viseu, Abraveses, Campo e Lordosa.

O subcomissário da Polícia de Segurança Pública (PSP) de Viseu, Luis Santos, admite constrangimentos no trânsito durante o dia de domingo. Algumas vias começam a ficar condicionadas no sábado à noite.

Luis Santos realça, ainda, outras alternativas às vias cortadas ao trânsito.

A Avenida da Europa é o ponto de partida e de chegada, com o primeiro ciclista a iniciar o percurso pelas 14h e o último pelas 17h.

Local
Superintendente Vítor Rodrigues deixa a PSP de Viseu (com áudio)

O comandante da PSP de Viseu deixa o cargo depois de nove anos. O Superintendente Vitor Rodrigues vai, a partir de 1 de setembro, desempenhar as funções de Oficial de Ligação do Ministério da Administração Interna na Embaixada de Portugal em Moçambique, como o próprio confirmou à Dão Digital.
Na hora da saída, o Superintendente faz um balanço positivo da liderança na PSP de Viseu.

Local
Nelas: rastreio ao cancro da mama a partir do dia 20 de agosto

O Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC.NRC) lança o apelo às utentes do concelho de Nelas com idade compreendida entre os 50 e os 69 anos, para participarem no Programa de Rastreio de Cancro da Mama promovido pela LPCC.NRC.
A partir de 20 de agosto e até inícios de outubro de 2021, a Unidade Móvel de Mamografia Digital fica estacionada no Centro de Saúde de Nelas, estando em funcionamento de segunda a sexta-feira: das 8h30 às 12h30 e das 13h30 às 17h30.
"As mulheres com inscrição atualizada no Centro de Saúde recebem uma carta-convite com a indicação da data e hora de realização do exame. Segundo a LPCC, constata-se que muitas faltas ao Rastreio decorrem da desatualização dos dados de morada nos registos dos Centros de Saúde, motivo pelo qual a LPCC apela à atualização dos mesmos e à participação no Rastreio", refere a instituição, acrescentando que o exame mamográfico deve ser repetido de dois em dois anos "de forma a garantir uma prevenção eficaz".
Para marcações ou informações adicionais, deve contactar-se o Centro de Coordenação do Rastreio através do telefone 239 487 495/6 ou do e-mail: rcmama.nrc@ligacontracancro.pt.

Local
Nelas: parque urbano junto ao Estádio Municipal vai ser alvo de remodelação

O Parque Urbano junto ao Estádio Municipal de Nelas vai ser requalificado. A intervenção vai permitir, segundo a autarquia, a instalção do novo mercado de excedentes de produtos agrícolas do concelho. 
"A Câmara de Nelas viu aprovado pelo PDR/2020 - Portugal/2020 uma candidatura com vista a requalificar o parque urbano e mata de pinheiros mansos junto ao Estádio Municipal em Nelas, no sentido de ali serem construídas infraestruturas que permitam a realização regular de um mercado de excedentes de produtos agrícolas", anuncia a autarquia.
As obras, orçadas em mais de 52 mil euros, consistem na vedação e iluminação do espaço, melhoria dos acessos e estacionamentos e construção de edifício de apoio e sanitários, bem como de corredores onde possam ser instaladas bancadas amovíveis pelos comerciantes.
"O espaço ficará, também, apto a quaisquer outras utilizações de recreio e bem estar por parte da população, numa zona tão nobre da Vila e com tão boas acessibilidades", refere.

Local
Viseu está em situação de alerta por causa do calor e agravamento do risco de incêndio

Viseu é um dos 14 distritos que está em situação de alerta por causa das previsões meteorológicas para os próximos dias, que apontam para um agravamento do risco de incêndio.

A situação surge na sequência da determinação, pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), do estado de Alerta Especial de nível laranja para os distritos de Viseu, Beja, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Évora, Faro, Guarda, Leiria, Lisboa, Portalegre, Santarém, Setúbal e Vila Real.

 Perante o cenário de nível laranja, apenas seis dos 24 concelhos do distrito de Viseu não estão em risco máximo de incêndio, esta sexta-feira. Oliveira de Frades, Santa Comba Dão, S. Pedro do Sul, Tondela e Vouzela que apresentam risco muito elevado e Mortágua que está com risco elevado. Os restantes apresentam risco máximo de incêndio.

Para esta sexta-feira os técnicos da meteorologia prevêm uma subida da temperatura máxima, sendo que a região de Viseu vai contar com cerca de 37 graus, temperaturas elevadas que se mantêm durante o fim de semana.

Local
Tondela: voluntários requalificam casas de famílias carenciadas (com áudio)

Um grupo de 40 voluntários da Associação "Just a Change" vai voltar a partir de domingo (15 de agosto), e durante duas semanas, a requalificar mais quatro habitações de famílias carenciadas no concelho de Tondela. Uma iniciativa solidária que vem sendo repetida na região desde os incêndios de 2017.
José Afonso, membro da associação, realça a disponibilidade da comunidade para ajudar e acredita que a iniciativa da associação muda a vida das famílias mais carenciadas. José Afonso, explica ainda o que está previsto.

Local
Município de Viseu requalifica Espaço da Juventude e lança redes sociais a pensar nos jovens

Esta quinta-feira, 12 de agosto, foi inaugurada a primeira fase de remodelação do espaço interior e exterior do Espaço da Juventude no Fontelo, em Viseu, onde também foram apresentadas as novas redes sociais VISEU JOVEM.

“Vamos começar a divulgar mais as atividades das associações e instituições do concelho, para conseguirmos incentivar à participação ativa dos jovens nas iniciativas”, sublinhou a Vereadora da Juventude, Ermelinda Afonso. “Sobretudo, queremos garantir que esta rede é um ponto de contacto mais fácil com a comunidade jovem”.
Informar de forma mais personalizada os jovens viseenses, divulgar de forma periódica as várias atividades e projetos do programa municipal VISEU JOVEM e potenciar a circulação de informação fidedigna são alguns dos objetivos das redes, que já estão online, à distância de um clique (no Facebook e Instagram, em @viseujovemoficial).
Em relação à primeira fase de requalificação da infraestrutura, teve em vista tornar todo o espaço mais atrativo para os jovens, com a abertura do novo pátio exterior a possibilitar a realização de atividades ao ar livre. Este espaço estará dedicado a ações do Espaço da Juventude, mas também do programa municipal VISEU JOVEM, em parceria com a Associação Adamastor.
Ermelinda Afonso considera que a reabilitação dos espaços representa uma “significativa transformação”, que permitiu torná-los “mais confortáveis, atrativos e funcionais para todos”. “Está aberto com todas as condições para estudar, ler um livro ou trabalhar. O objetivo é ser um ponto de passagem para ainda mais jovens daqui para a frente.”
O conjunto de trabalhos incluiu, além de renovação dos muros e do chão do pátio exterior, a substituição de mobiliário no espaço interior, a reabilitação de algumas paredes e a colocação de novos materiais informativos.

Local
Vouzela: 136 anos dos Bombeiros Voluntários em exposição

O Museu Municipal de Vouzela acolhe uma exposição alusiva à Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários do concelho, com o tema "Vida por Vida".

A iniciativa tem lugar na sala de exposições temporárias do Museu, e está disponível até 19 de setembro. O objetivo é dar a conhecer ao público o historial da corporação, que este ano assinala 136 anos de existência.

Decorre, ainda, a partir de amanhã e todos os domingos até 29 de agosto, e integrada na exposição, uma mostra guiada de viaturas e material da atualidade, que estarão expostos na Praça Moraes de Carvalho, entre as 10h e as 12h30, e entre as 15h e as 18h.

Local
Mangualde: Câmara abre inscrições para capacitar em arte urbana

Nos meses de agosto e setembro serão promovidas sessões de capacitação em arte urbana nos municípios do Alto Mondego Rede Cultural (Mangualde, Nelas, Fornos de Algodres e Gouveia) e, para isso, já estão abertas inscrições, informa a Câmara de Mangualde.

Segundo a nota de imprensa, a autarquia “desafia a comunidade a pegar no ‘spray’ e a colorir o município, entre os dias 23 a 25 de agosto” e, para isso, contam com a ajuda do artista urbano Desy, que foi desafiado a criar um muram em cada um dos quatro municípios.

“As pessoas vão ficar a perceber como funciona a arte urbana, quais as técnicas, qual a história e o porquê desta ser uma das artes deste século. O envolvimento da comunidade é para mim a grande mais-valia destes projetos”, refere o artista.

No entender de Desy, “as pessoas vão poder criar algo que é para o município delas, mas é também delas” e, os murais, “vão valorizar o município, mas também as pessoas e, muitas delas, podem até perceber que é este o futuro que querem seguir e que é possível seguir este futuro”.

Local
MOIMENTA DA BEIRA: Aplicações móveis gratuitas dão a conhecer o concelho

A Câmara Municipal de Moimenta da Beira desenvolveu “duas novas aplicações móveis e gratuitas, já disponíveis em iOS e Android, que permitem aos cidadãos residentes, visitantes e turistas conhecer melhor o concelho”, refere uma nota de imprensa.

O documento explica que “Moimenta Viva – Turismo” disponibiliza informação sobre “pontos de interesse e lugares a descobrir, como o património cultural e monumental, o certame Expodemo, a agenda do município, locais onde dormir e comer” e ainda obtém a georreferência do Google Maps.

“Moimenta Viva - Cidadão”, continua a nota, “oferece um acesso facilitado a várias informações municipais, nomeadamente notícias do concelho, agenda, farmácias de serviço, meteorologia, contactos úteis, avisos e alertas da proteção civil e também sugestões”.

A autarquia informa que para ter as aplicações no telemóvel ou ‘tablet’ “basta descarregar (fazer o ‘download’ gratuitamente nos sistemas operativos ‘android’ (Google Play) ou iOS (App Store da Apple).

Local
Motociclistas de Penalva do Castelo percorrem a Estrada Nacional 2 (com áudio)

Um grupo de seis motociclistas com ligações ao concelho de Penalva do Castelo vai percorrer, com motas de 50 cc, ida e volta, a Estrada Nacional 2 que atravessa o país, ligando Chaves a Faro.
O grupo sai da aldeia de Real no sábado, dia 14 de agosto, e regressa ao concelho de Penalva do Castelo no dia 18 deste mês de agosto.
Um dos participantes é o José Carlos que à Dão Digital assumiu a paixão pelas motas.
Os últimos dias têm sido de preparação para a viagem.
A apoiar o grupo de motociclistas vai uma viatura conduzida por Virgilio Ribeiro, que nos falou do percurso da Nacional 2 que no total, ida e volta, tem cerca de 1600 quilometros.

 

Local
Mais de metade do distrito de Viseu está com risco máximo de incêndio florestal

Mais de metade do distrito de Viseu está, esta quinta feira (12 de agosto), com risco máximo de incêndio florestal. São 15 os concelhos nessa situação, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera: Armamar, Castro Daire, Lamego, Mangualde, Moimenta da Beira, Penalva do Castelo, Penedono, Resende, S. João da Pesqueira, Sátão, Senancelhe, Tabuaço, Tarouca, Vila Nova de Paiva e Viseu.
Outros oito concelhos apresentam risco muito elevado: Carregal do Sal, Cinfães, Nelas, Oliveira de Frades, Santa Comba Dão, S. Pedro do Sul, Tondela e Vouzela.
Apenas Mortágua está com risco de incêndio elevado.
A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) anunciou que vai colocar os distritos de Bragança, Castelo Branco, Guarda, Portalegre e Faro em alerta laranja devido ao tempo  quente (o segundo mais grave) às 00:00 de sábado até às 23:59 de segunda-feira.
Os distritos da Guarda e Castelo Branco já estãoem alerta amarelo desde as 00:00 desta quinta-feira.
A partir da meia-noite de sexta-feira juntam-se a este nível de alerta os distritos de Beja, Bragança, Coimbra, Évora, Faro, Leiria, Lisboa, Portalegre, Santarém, Setúbal, Vila Real e Viseu, uma situação que se prolonga até às 23:59 de segunda-feira.

Local
Núcleo de Mangualde da Cruz Vermelha comemora o Dia Internacional da Juventude com recolha de lixo

O Núcleo de Mangualde da Cruz Vermelha Portuguesa quer comemorar o Dia Internacional da Juventude, assinalado esta quinta-feira (12 de agosto), com uma recolha de lixo no monte da Nossa Senhora do Castelo.
Sérgio Couto, membro do núcleo, explica os objetivos da iniciativa.
A recolha de lixo está prevista para o final desta tarde no monte da Nossa Senhora do Castelo, em Mangualde. Todos os jovens estão convidados a se associarem à iniciativa.

 

Local
Parque florestal de Lamego e Viseu beneficiam de medida de Resiliência dos Territórios Face ao Risco

Parques florestais de Lamego e Viseu vão beneficiar do programa Resiliência dos Territórios Face ao Risco que disponibiliza 1,5 milhões de euros para sete parques situados em espaços urbanos na região norte do país. Para além de Lamego também a Quinta do Soqueiro em Viseu é contemplada.
O programa governamental Resiliência dos Territórios Face ao Risco foi esta quarta-feira (11 de agosto) apresentado, e disponibiliza 45 milhões de euros para ações de recuperação, beneficiação e rearborização de áreas florestais, mas também para a modernização dos viveiros públicos.
“São de facto 45 milhões de euros destinados ao restauro dos ecossistemas”, disse aos jornalistas o ministro do Ambiente e Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes.
A verba será utilizada para intervir nos perímetros florestais, onde o ministro destacou o “papel da maior relevância” das associações de produtores florestais, “mormente dos baldios”.
Outro objetivo, acrescentou João Pedro Matos Fernandes, passa pelo combate à desertificação.
“O deserto não se combate regando, não vale a pena ir com mangueiras. O deserto combate-se garantindo que o solo é mais rico, tem mais matéria orgânica e a forma mais perene de garantir que essa matéria orgânica está no solo é plantando árvores”, argumentou.
O ministro do Ambiente avisou ainda que, para cumprir o objetivo do Governo de que Portugal tenha uma floresta “essencialmente baseada em árvores autóctones”, não existem plantas e sementes em quantidade suficiente para poder plantar todas as árvores novas que se quer.
“E, por isso mesmo, este grande investimento nos viveiros, esta descoberta de um Portugal onde não existem ainda viveiros de plantas dunares e a criação de um deles”, frisou Matos Fernandes, aludindo, também, ao investimento nos parques florestais, “alguns deles abandonados e que, estando na periferia próxima dos centros urbanos, são grandes espaços de educação ambiental e de educação para a floresta”.
A maior ‘fatia’ - 25 milhões de euros - fica reservada para a recuperação e manutenção dos territórios submetidos ao Regime Florestal (Matas Nacionais e Perímetros Florestais), dos quais poderão ser beneficiários o Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) e entidades gestoras dos baldios.
Dez milhões de euros são destinados à “[re]arborização de áreas ambientalmente sensíveis e suscetíveis à desertificação e de ações que promovam o aumento da fixação de carbono e de nutrientes no solo”.
O programa disponibiliza ainda dois milhões de euros para mais do que duplicar a capacidade de produção de plantas nos viveiros públicos (prevendo uma produção média anual de 2,25 milhões), mas também investir no Centro Nacional de Sementes florestais.

Local
Sátão: painéis fotovoltaicos instalados na cobertura de vários edifícios municipais

O Município de Sátão tem vindo a proceder à instalação de painéis fotovoltaicos na cobertura de vários edifícios municipais "que irão permitir a poupança de energia, dando assim mais um passo no objetivo de aumentar a produção de energia solar e o aproveitamento das características favoráveis para a instalação destes painéis".
"Trata-se de um investimento comparticipado que irá ter uma produção média estimada de energia por ano de 21.700 kwh/ano, e que evita a emissão anual de cerca de 9,5 toneladas de CO2 por ano, sendo assim fundamental para reduzir a fatura energética do Município", refere a autarquia do Sátão.

Local
Viseu: uma mulher foi detida por agredir um polícia

Por agressão e injúrias a agentes da PSP de Viseu, uma mulher de 26 anos foi detida. Segundo a polícia, a suspeita conduzia uma viatura de uma forma agressiva, não respeitando a sinalização existente, pondo em risco a segurança dos outros condutores.
Ao ser abordada a fim de ser fiscalizada, a mesma adotou um comportamento agressivo, não colaborante, proferindo palavras injuriosas contra os policias. A PSP acrescenta que apesar de a mulher ser advertida continuou com as injúrias e agrediu um dos agentes.

 Ainda em Viseu, a PSP deteve um homem de 51 anos por, no âmbito de uma fiscalização rodoviária, estar na posse de heroína que daria para cerca de 11 doses individuais.

Local
Municipio de Nelas aposta na informação digital e instala painel LED

A Câmara de Nelas acaba de ver aprovada uma candidatura apresentada ao Centro 2020/PT 2020 para implementação de um sistema de informação digital no concelho, com a instalação de um painel LED e 13 Mupis digitais, todos ligados em rede, para divulgação de atividades de interesse concelhio e informações úteis de diversa natureza, especialmente em pontos turísticos, sistema já posto a concurso. Um investimento de mais de 445 mil euros segundo informações da autarquia.

A instalação dos equipamentos públicos digitais terá ínicio no final do mês de setembro, depois da conclusão do concurso público internacional a que a aquisição deste tipo de material informático está sujeita por determinação legal.

Local
Mangualde, Penalva do Castelo, Sátão e Vila Nova de Paiva com risco máximo de incêndio

Mangualde, Penalva do Castelo, Sátão e Vila Nova de Paiva são os concelhos do distrito de Viseu que esta quarta-feira (11 de agosto) apresentam risco máximo de incêndio florestal. Todos os restantes concelhos estão com risco muito elevado à exceção de Mortágua que apresenta risco elevado.

Para hoje o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê subida da temperatura, o que leva a que a partir das 12h00 de hoje e até às 18h00 de sexta-feira (13 de agosto), sete distritos fiquem sob aviso amarelo devido ao calor: Vila Real, Bragança, Guarda, Castelo Branco, Portalegre, Évora e Beja.

Local
Mangualde: nova empresa cria mais de 50 postos de trabalho

 Uma nova empresa abriu no concelho de Mangualde, com sede em Chãs de Tavares, instalada ao lado do Pavilhão da Junta de Freguesia, ao longo da A25, em cerca de 50.000 m2.
A empresa prevê iniciar o investimento de 14 milhões de euros no final deste ano e iniciar a produção um ano depois. Iniciará a atividade com cerca de 50 colaboradores, 30 dos quais com formação superior, e perspetiva um crescimento ao longo do tempo até 150 funcionários.
“A angariação deste projeto é o resultado de uma impecável colaboração entre a Câmara Municipal, a Junta de Freguesia e os promotores do investimento, e vem premiar uma aturada, discreta e eficaz diplomacia económica. É também um enorme contributo para o desenvolvimento, a coesão e o povoamento ativo do nosso território, gerando emprego qualificado, fundamental para atrair e fixar jovens”, afirmou o Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, Elísio Oliveira.

 "O projeto desta unidade fabril nasce da grande necessidade de pesquisa e desenvolvimento de novas matérias-primas e componentes, derivado da grave crise que vivemos com o fornecimento dos mesmos de uma forma generalizada, por todo o mundo. Esta unidade fabril está assente num grupo de três empresas, com operação de exportação para países fora da Europa e com necessidade de apoio na produção para exportação para esses mercados", explica a autarquia. Esta empresa, "que terá um elevado nível tecnológico", assentará na produção de matérias-primas como poliuretanos (espumas), fibras sintéticas e componentes de molas (para automóveis e mobiliário), "essenciais para o mercado destes operadores e visam na sua totalidade a continuidade na exportação e criação de novos mercados, sendo o principal os Estados Unidos". "A criação de fortes unidades de investigação e desenvolvimento é condição obrigatória deste projeto, com vista ao desenvolvimento de novas e diferenciadas matérias-primas para os mercados destes operadores. A proximidade destes Pólos Universitários garante qualidade e quantidade nos recursos humanos, apoiados em quadros médios e superiores de garantida qualificação", acrescenta. 

 

Local
Vouzela: autarquia atribui prémios aos produtores de gado

A Câmara Municipal de Vouzela volta, este ano de 2021, a apoiar a produção pecuária no concelho, com a atribuíção de um subsidio. A medida surge depois do cancelamento, devido à pandemia, dos três concursos pecuários que anualmente se realizavam no concelho, nomeadamente os concursos da Giesteira (Queirã) em junho, das Festas do Castelo (Vouzela) em agosto, e da Malhada do Salgueiro (Fornelo do Monte) em novembro. "Iniciativas que tinham como objetivo a promoção da atividade pecuária e a valorização das raças autóctones. Em 2018, estes concursos permitiram conceder aos produtores participantes apoios no valor de 5.300€. Já em 2019, o valor dos apoios distribuídos ascendeu a 7.535€, devendo-se o aumento à implementação da atribuição de prémios de presença a todos os animais a concurso e não somente aos melhores classificados, como acontecia até então", refere a autarquia.
Devido ao cancelamento dos concursos em 2020 e 2021, por causa da pandemia, e "para compensar os produtores por estas perdas, a autarquia está neste momento a atribuir um prémio suplementar aos 46 participantes dos concursos pecuários, num valor monetário que pode variar entre 50€ a 150€ por participante, em função das participações nos concursos pecuários de 2018 e 2019", explica. O valor global canalizado para esta medida ascende a 4.640€.
"Contas feitas, nestes últimos anos, a autarquia apoiou em cerca de 17.500 euros os produtores de bovinos e pequenos ruminantes do concelho, incentivando assim a atividade pecuária e o desenvolvimento rural do território", conclui a Câmara Municipal de Vouzela.

Local
Penedono: um homem morreu atropelado

Uma vítima mortal é o resultado de um atropelamento ocorrido esta manhã de terça- feira (10 de agosto) no concelho de Penedono. Segundo informações do Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viseu trata-se de um homem, com cerca de 30 anos, que foi atropelado por uma viatura pesada na Estrada Nacional 229, próximo da localidade de Beselga.
No local estiveram operacionais de Penedono, Moimenta da Beira, Viseu e a GNR de Penedono. 

Local
Penalva do Castelo: apoios à educação podem ser pedidos pela internet

Desde esta segunda-feira (10 de agosto) os encarregados de educação dos alunos dos ensinos Pré-Escolar e do 1.º ciclo do ensino básico (1º CEB) do concelho de Penalva do Castelo podem requerer os serviços de refeições escolares, prolongamento de horário e transporte escolar para o ano letivo 2021/2022 através dos serviços online do município.
Segundo a autarquia penalvense, o transporte escolar, gratuito para todos os níveis de ensino, é assegurado para todos os alunos que residam a mais de três quilómetros do estabelecimento de ensino que frequentam, "desde que não contrariem as normas estabelecidas de encaminhamento de matrículas, bem como para aqueles com dificuldades de locomoção que beneficiam de medidas ao abrigo da educação inclusiva, independentemente da distância da sua residência ao estabelecimento de ensino que frequentam, sempre que a sua condição o exija".
Para além destes apoios, pode ainda ser requerido um voucher para aquisição de material escolar, apenas para os alunos do 1.º CEB que estejam posicionados no escalão 1 ou 2 da Segurança Social.
Como medida complementar ao programa de gratuitidade e reutilização de manuais escolares e à semelhança de anos anteriores, a Câmara Municipal vai oferecer a todos os alunos que frequentem o 1º ciclo do ensino básico no concelho, cadernos de atividades dos manuais de Português, Matemática, Estudo do Meio e Inglês, "não carecendo este apoio de pedido".

Local
Tondela: morreu o vereador da autarquia, José Carlos Coimbra

A Câmara Municipal de Tondela decretou dois dias luto municipal (10 e 11 de agosto) pelo falecimento do vereador com funções executivas José Carlos Coimbra.
Segundo a autarquia tondelense o vereador de 68 anos morreu "após período de doença".
Natural de Vilar de Besteiros, era empresário no concelho de Tondela, no ramo da metalomecânica.
Foi vereador sem competências delegadas de 2013 a 2017 e entre outubro 2017 e agosto de 2019 foi membro da Assembleia Municipal de Tondela.
"Com uma vida dedicada à causa pública, foi autarca de freguesia, tendo sido presidente da Junta de Freguesia de Vilar de Besteiros de 1993 a 2013 e foi também dirigente associativo", acrescenta a autarquia.

"É com profundo pesar que o Município de Tondela informa o falecimento de José Carlos Coimbra. À família, bem como a todos os amigos, endereçamos as nossas profundas e sentidas condolências neste momento de dor", refere a Câmara Municipal.

Local
Mangualde e Moimenta da Beira estão, esta terça-feira, com risco máximo de incêndio florestal

Mangualde e Moimenta da Beira estão esta terça-feira (10 de agosto) com risco máximo de incêndio florestal. A informação é do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).
Em risco muito elevado estão 19 concelhos: Armamar, Carregal do Sal, Castro Daire, Cinfães, Lamego, Nelas, Penalva do Castelo, Penedono, Resende, Santa Comba Dão, S. João da Pesqueira, S. Pedro do Sul, Sátão, Sernancelhe, Tabuaço, Tarouca, Tondela, Vila Nova de Paiva e Viseu.
Mortágua, Oliveira de Frades e Vouzela apresentam risco de incêndio elevado.
O período crítico de incêndios dura até final de setembro e, até lá, é proibido fazer queimadas extensivas ou queima de amontoados sem autorização, usar fogareiros ou grelhadores em todo o espaço rural, e fumar ou fazer qualquer tipo de lume nos espaços florestais.
É proibido ainda lançar balões de mecha acesa ou foguetes ou fazer trabalhos na floresta que possam originar faíscas.
Para esta terça-feira, o IPMA prevê em Portugal continental uma pequena subida da temperatura e céu geralmente limpo, com nebulosidade matinal no litoral Centro. O vento vai soprar de forma mais intensa na faixa costeira ocidental e nas terras altas.

Local
Politécnico de Viseu tem abertas as inscrições para as Escolas de Verão

A Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) aprovou financiamento para a realização de três Escolas de Verão propostas pelos Centros de Investigação do Politécnico de Viseu (IPV), a decorrer em formato presencial, durante um mês. Os estudantes podem candidatar-se à frequência dos cursos até 13 de agosto.

Sessões de capacitação para a transição para sistemas alimentares sustentáveis, o desenvolvimento de soluções de realidade aumentada em ambiente industrial e a participação em projetos que envolvem a utilização da metodologia de histórias de vida como ferramenta promotora da saúde e igualdade de género são as temáticas propostas pelas Escolas de Verão do Politécnico de Viseu. Iniciativa que obtive financiamento pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), no âmbito do programa “Verão com Ciência 2021”. Os estudantes interessados podem obter mais informações sobre os cursos e respetivas condições de acesso (nomeadamente acesso a bolsas de investigação), através da consulta do edital disponível aqui.

Desde o ano passado, a FCT atribui um apoio especial para atividades de investigação científica e tecnológica em unidades de I&D com vista à valorização da capacidade científica e tecnológica e a sua relação com o ensino superior e a sociedade. Este apoio tem o objetivo de estimular a iniciação à atividade científica contribuindo assim para a promoção da cultura científica e tecnológica e para a difusão e divulgação do conhecimento científico e técnico junto dos estudantes de ensino superior.

Na edição de 2020 das Escolas de Verão, o Politécnico de Viseu teve aprovadas oito escolas, que funcionaram durante três meses, envolvendo um total de 50 docentes e 120 estudantes. "Este ano, o número de Escolas é necessariamente reduzido, já que a FCT determinou apoiar exclusivamente projetos dinamizados por unidades de I&D das Instituições de Ensino Superior com classificação de Bom, Muito Bom ou Excelente e limitadas à apresentação de uma única candidatura por unidade de I&D", refere o IPV.

TRÊS ESCOLAS / TRÊS CENTROS DE INVESTIGAÇÃO

O CERNAS – Centro de Recursos Naturais, Ambiente e Sociedade, o Centro de Estudos em Inovação e Educação (CIDEI) e o Centro de Investigação em Serviços Digitais (CISeD) são as unidades I&D do Politécnico de Viseu que vão dinamizar os cursos “Agroecologia e sistemas alimentares sustentáveis”, “Industrial Augmented Reality (IAR)” e “Metodologia de histórias de vida como ferramenta promotora da saúde e igualdade de género”, respetivamente.

Local
Viseu: dois homens detidos por injúrias e tentativa de agressão a polícias

Por injúrias e tentativa de agressão a agentes da PSP de Viseu, dois homens de 20 e 23 anos foram detidos no Campo de Viriato.

A polícia foi alertada devido aos indivíduos estarem alegadamente a injuriar e a ameaçar quem passava na rua e a perturbar o normal funcionamento de um estabelecimento, recusando o uso de máscara de proteção.

Quando os agentes chegaram ao local, os suspeitos já não estavam presentes, no entanto, e depois de efetuadas diligências, os mesmos foram interceptados numa esplanada no recinto da feira de S. Mateus a consumirem álcool.

Segundo a PSP, ao serem abordados, um deles injuriou os polícias. Na sequência da detenção, o outro suspeito tentou agredir os agentes, pelo que também foi detido.

A polícia acrescenta ainda que os suspeitos tinham furtado garrafas de cerveja, tendo danificado o cadeado de acesso a uma arca frigorífica.

De referir ainda que os suspeitos foram intervenientes em outras reclamações por comportamentos inadequados e entrarem noutros estabelecimentos comerciais sem fazerem uso de máscara.

Um dos suspeitos tem antecedentes por não cumprir as normas individuais de segurança emanadas pela Direção Geral de Saúde (DGS).

Local
Sol e calor para os próximos dias na região de Viseu (com áudio)

A temperatura máxima vai continuar a subir nos próximos dias na região de Viseu.
A meteorologista Cristina Simões deixa a previsão para esta semana.

Local
Tabuaço é cenário para 'Chouriço Santo'

O concelho de Tabuaço serve de cenário à mais recente produção cinematográfica realizada em Portugal. 
João de Carvalho, Luís Mascarenhas, Paula Luiz, Sara Norte ou Henrique Gomes são alguns nomes que compõem o elenco de “Chouriço Santo”.
O Santuário de Nossa Senhora do Sabroso, a Igreja Matriz de Chavães, a Foz do Távora e algumas das Quintas do concelho servem de cenário para as gravações que iniciaram no domingo, dia 8 de agosto. A estreia nas salas de cinema está marcada para a época de natal.
Realizada por Bernardo Antero, com apoio da Câmara Municipal, faz também parte do elenco o TEATRAÇO, Grupo de Teatro Local, cuja direcção de atores está a cargo do diretor da companhia Beto Coville. "A cada produção, a cada distinção ou nomeação, o nome que sobressai e as imagens que se vêem são Tabuaço e isso é a melhor publicidade na qual podemos apostar”, defende o presidente da Câmara Municipal, Carlos Carvalho.

Local
Oliveira de Frades: voluntários vigiam floresta do concelho

O Município de Oliveira de Frades está a dinamizar, durante este mês de agosto, mais uma edição do programa Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas, com jovens entre os 18 e os 30 anos, na sequência da aprovação de uma candidatura submetida ao Instituto Português do Desporto e Juventude.

O Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas é um programa de voluntariado juvenil, no âmbito da preservação da natureza, florestas e respetivos ecossistemas. Pretende-se sensibilizar as populações, prevenir contra os incêndios florestais e outras catástrofes com impacto ambiental, monitorizar e recuperar territórios afetados.

Este projeto, que envolve a participação de 16 jovens, pretende também promover o desenvolvimento pessoal e social dos participantes, a cidadania participativa e altruísta em benefício da comunidade e na proteção do ambiente.

Local
Autarquia de Resende assinala Dia Internacional da Juventude

De forma a comemorar o Dia internacional da Juventude, no dia 12 de agosto, a autarquia de Resende, vai promover de forma gratuita, o acesso às Piscinas Descobertas da Granja, Caldas de Aregos e Campo de Ténis do Complexo Desportivo da Granja, para todos os utentes que tenham até 30 anos, inclusive.

A par da iniciativa, os jovens que frequentam os programas “Férias na Câmara” e “Férias Desportivas” terão a possibilidade de vivenciar desportos náuticos, entre as 10h00 e as 13h00, e radicais, entre as 10h00 e as 16h00, no Parque Fluvial de Porto de Rei.

Será também ministrado um workshop de nutrição, durante a manhã, com o tema “Transformar Sistemas Alimentares: Inovação Juvenil para a Saúde Humana e Planetária”.

Esta data, instaurada após resolução da Assembleia Geral da ONU em 1999, visa realçar a importância da juventude para o progresso da sociedade e na realização do desenvolvimento sustentável.

 

Local
Mais de metade dos concelhos do distrito de Viseu estão com risco de incêndio muito elevado

Quinze concelhos do distrito de Viseu apresentam esta segunda-feira (09 de agosto), risco muito elevado de incêndio florestal. São Armamar, Carregal do Sal, Castro Daire, Mangualde, Moimenta da Beira, Nelas, Penalva do Castelo, Penedono, S. João da Pesqueira, Sátão, Sernancelhe, Tabuaço, Tarouca, Vila Nova de Paiva e Viseu.
Os restantes nove, Cinfães, Lamego, Mortágua, Oliveira de Frades, Resende, Santa Comba Dão, S. Pedro do Sul, Tondela e Vouzela, estão com risco elevado.

Para esta segunda-feira, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA)prevê em Portugal continental pequena subida da temperatura no interior Norte e Centro, céu pouco nublado ou limpo e vento mais intenso na faixa costeira ocidental e nas terras altas.

Local
Mangualde: Núcleo da Juventude da Cruz Vermelha quer criar Academia Jovem (com áudio)

Núcleo de Mangualde da Juventude da Cruz Vermelha assinala esta sexta-feira (30 de julho) um ano de atividade. Apesar do primeiro ano ficar marcado pela pandemia, o coordenador Sérgio Couto faz um balanço positivo.
Quanto ao futuro, é objetivo do Núcleo de Mangualde da Juventude da Cruz Vermelha criar uma Academia Jovem.
Também para agosto está prevista uma atividade para assinalar o Dia Internacional da Juventude.

Local
Termas Centro e mais 11 redes de turismo juntas em campanha de preservação da natureza

O consórcio Termas Centro associou-se a uma campanha nacional que desafia os portugueses a serem responsáveis e a pensarem no meio ambiente durante os meses de verão, altura em que há mais afluência às áreas naturais e protegidas.
A iniciativa tem como mote o apelo “Obrigado por Cuidar do Nosso País” e junta 12 redes de turismo. As Termas Centro, a ADERE Peneda-Gerês, as Aldeias de Montanha, as Aldeias do Xisto, as Aldeias Históricas de Portugal, o Geopark Naturtejo, as Heranças do Alentejo, os Lugares da Serra Alentejana, as Montanhas Mágicas, a Rota da Terra Fria Transmontana, a Rota do Românico e a Rota Vicentina irão mostrar, durante o mês de agosto, que o futuro do turismo está na preservação da natureza e da cultura local.
Abastecer-se com produtos locais, deixar menos lixo do que encontrou, respeitar os ritmos de vida locais, investir o valor justo pela qualidade, procurar informações sobre a região e as suas particularidades e não sobrecarregar locais sensíveis, são algumas das mensagens da iniciativa, que decorre nas redes sociais das 12 redes de turismo.
A ideia, que partiu do Turismo de Portugal, teve como objetivo juntar 12 redes colaborativas especialmente procuradas pela sua vasta oferta em Turismo de Natureza e Turismo Ativo. É o caso das Termas Centro, uma vez que a grande maioria das estâncias termais estão inseridas em territórios rodeados pela natureza.
“As estâncias das Termas Centro estão situadas em locais de grande beleza natural e tranquilidade, com uma envolvência que convida a usufruir da natureza e a praticar o turismo ativo. As Termas têm, aliás, um papel decisivo na promoção da saúde, não só pelos tratamentos terapêuticos, mas também pelo estímulo da atividade física que proporcionam. Não surpreende, por isso, que as Termas Centro estejam na primeira linha da defesa da sustentabilidade e da preservação da natureza”, explica Adriano Barreto Ramos, coordenador da rede Termas Centro.

Local
Mangualde: uma mulher morre por afogamento

Uma mulher com 68 anos morreu esta sexta-feira (30 de julho) por afogamento na aldeia de Vila Nova de Espinho, no concelho de Mangualde. O alerta foi dado por volta das 12h30. Segundo informações da GNR, a idosa terá caído sobre o rego da água, com a qual regava o quintal. O corpo da vítima foi encaminhado para o serviço de medicina legal para apuramento das causas da queda e consequente morte.

No local estiveram, segundo informações do Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viseu, 14 operacionais apoiados por seis viaturas. 

A GNR esteve também no local.

Local
Vigilância florestal do concelho de mangualde também é feita pelos jovens

Sob o lema “A prevenção cabe a cada um de nós! Estás disposto a fazer a vigilância do teu futuro?”, o Município de Mangualde promove, a partir desta segunda-feira (02 de agosto), o Programa Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas para o Posto de Vigia na Torre da Igreja da Nossa Senhora Castelo. A iniciativa decorre até dia 1 de setembro.
Segundo a autarquia mangualdense, as ações de vigilância de espaços rurais "têm cada vez mais importância na efetiva redução do número de ocorrências de incêndios florestais. Desta forma, estes projetos visam assegurar a deteção imediata de um foco de ignição, a sua localização e a rápida comunicação da ocorrência às entidades responsáveis pela primeira intervenção".

Local
Ecopista de Vouzela é inaugurada esta sexta-feira

A Câmara Municipal de Vouzela inaugura, esta sexta-feira, dia 30 de julho, ao final da tarde, a ecopista de Vouzela. Com uma extensão de cerca de 7 km, a obra resulta de um investimento de 857 mil euros financiado em meio milhão de euros pelo Turismo de Portugal, no âmbito do programa Valorizar, Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior.
O troço irá ligar ao projeto intermunicipal da ecopista do Vouga (a decorrer) que por sua vez ligará à ecopista do Dão, constituindo-se, no futuro, como a maior ecopista da Península Ibérica.
"Este será um produto diferenciador para o concelho, que alia a prática desportiva e de bem estar ao turismo, sendo fundamental para dinamizar o território e a sua economia local", refere a autarquia.
Também esta sexta-feira é inaugurado o Pastel de Vouzela Museu, um investimento privado realizado pelos proprietários da Casa Museu e da futura Casa das Ameias e igualmente promotores da Rota do Pastel de Vouzella.
 

Local
Figuras públicas promovem Centro de Portugal no projeto 'Experiências By...'

A Turismo Centro de Portugal apresentou o Projeto “Experiências By…”. É um projeto editorial, em que seis figuras reconhecidas dos portugueses assumem o papel de curadores em várias áreas e, nessa função, dão a conhecer percursos, viagens, memórias e recordações pelo Centro de Portugal. Em comum têm a sua origem ou ligação à região Centro.
Os roteiros podem ser descarregados, gratuitamente, no site do Turismo do Centro, em https://turismodocentro.pt/roteiros. O ritmo de publicação será semanal, sendo que o primeiro, da autoria da modelo e apresentadora Iva Lamarão, já está disponível.
Como explicou na apresentação Pedro Machado, presidente da Turismo Centro de Portugal, “este é um projeto de sedução. Queremos seduzir os portugueses, através dos olhos dos nossos curadores”“O ‘Experiências By…’ é um projeto de posicionamento e divulgação daquilo que é o Centro de Portugal e surge no seguimento de um trabalho que temos vindo a fazer, de afirmação desta região como destino de primeira escolha para os portugueses e de referência para os turistas internacionais. Agradeço aos curadores, que tiveram a disponibilidade e amabilidade para fazer as suas escolhas no Centro de Portugal e as proporem aos portugueses”, destacou Pedro Machado.

Na área da “Gastronomia e Vinhos”, o curador escolhido foi o chef Diogo Rocha, detentor da única Estrela Michelin da região, atribuída ao restaurante Mesa de Lemos. No projeto “Experiências By…”, Diogo Rocha irá focar-se nas tradições gastronómicas e produtos-chave das 8 sub-regiões do Centro de Portugal, propondo um percurso relacionado com produtos certificados, receituário tradicional, mercados municipais, locais de comércio tradicional local, eventos associados à temática e restaurantes de referência. Na apresentação, Diogo Rocha explicou que tentou “selecionar comidas e vinhos que sejam representativos da região Centro”, embora sabendo que “esta é uma região que tem muita coisa, especialmente no que toca à mesa”“Com o roteiro que proponho, quero provocar em que nos visita a vontade de conhecer. Estou muito entusiasmado com a oportunidade de apresentar um projeto que orgulhe a região”, disse.

Na temática “Espiritual”, o curador escolhido foi o escritor Afonso Cruz, que vai apresentar um percurso relacionado com percursos de peregrinação, lugares de culto e lugares que convocam à espiritualidade. Na temática “Lifestyle e Inspirational”, a curadora é a modelo e apresentadora Iva Lamarão, que irá convidar para um percurso relacionado com as tendências da vida contemporânea. “É um privilégio integrar este projeto, porque a região Centro diz-me muito. Fiquei muito feliz por poder dar o meu contributo para um roteiro que entusiasme as pessoas a visitar a região e a conhecer alguns cantinhos que me são queridos. É um roteiro agradável e que espero que desperte a curiosidade para que quem não conhece vir descobrir esta zona tão bonita do país”, sublinhou Iva Lamarão.

A cantora e compositora Rita Redshoes é a curadora da temática “Cultura” e irá apresentar um percurso relacionado com a oferta cultural da região. “As minhas sugestões são pontos estratégicos, com os quais tenho uma ligação emocional e cultural, pois contribuíram para a munha carreira artística. Penso que vão aguçar a curiosidade das pessoas em visitarem um território tão bonito como este”, frisou a artista.

O tema “Natureza e Bem-estar” é da responsabilidade de Pedro Pedrosa, empresário especializado em desporto de natureza. Como curador, vai sugerir um percurso relacionado com o património natural com condições de visitação, paisagens e lugares que convocam à contemplação, a prática de trilhos e percursos. “É difícil fazer escolhas, uma vez que o Centro tem tudo numa só região. Somos privilegiados, porque em duas horas vamos do mar até ao ponto mais alto de Portugal continental e temos uma diversidade de paisagens e uma autenticidade das pessoas que já é rara. Vale mesmo a pena pegar numa bicicleta ou numas botas, deixar o carro e deixar-se levar pela natureza no Centro de Portugal e é isso que proponho no roteiro”, explicou Pedro Pedrosa.

Finalmente, Teresa Almeida, ex-campeã mundial de bodyboard, é a curadora de “Turismo Desportivo e Ativo” e irá desafiar para um percurso relacionado com o património natural, associado à oferta de atividades desportivas.

 

Local
Nelas: um homem foi detido por cultivo de droga

Por cultivo de droga, um homem de 37 anos foi detido pela GNR no concelho de Nelas.

No âmbito de uma investigação que decorria há cerca de um mês, foi dado cumprimento a uma busca domiciliária, que culminou na apreensão de  23 plantas de canábis, 63 doses de canábis e diversos objetos relacionados com a prática dos factos.

O suspeito foi constituído arguido, e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Nelas.

Local
Material explosivo encontrado e destruído pela PSP de Viseu

Por suspeita da existência de produtos explosivos numa garagem em S. João de Lourosa, a PSP de Viseu foi chamada. No local, a equipa de fiscalização do Núcleo de Armas e Explosivos verificou que numa prateleira da garagem estava um rolo de cordão designado por rastilho e um saco de plástico com velas de dinamite.

Segundo a PSP, o local foi de imediato isolado e foi ativada uma equipa de inativação de explosivos que constatou a existência de 12 velas de dinamite e cordão de rastilho, designado por “mecha lenta”.

A políci