Foi apresentado, em Viseu, um estudo que revela baixa 'abrupta' de anticorpos em idosos vacinados

Em Viseu foi esta quinta-feira apresentado um estudo do Algarve Biomedical Center e da Fundação Champalimaud sobre os anticorpos nas pessoas idosas depois da vacinação. Um estudo do Algarve Biomedical Center e da Fundação Champalimaud realizado em mais de cinco mil pessoas vacinadas.
O concluiu que, passados quatro meses após duas doses de vacina contra a covid-19, há uma “diminuição abrupta” dos anticorpos.
“Há uma diminuição abrupta dos anticorpos em pessoas com mais de 70 anos que tenham tido duas doses de vacina e quatro meses após a vacinação completa. Contrariamente, as pessoas que tiveram covid-19 e que receberam uma dose de vacina mantêm níveis altos de anticorpos ao longo de todo o tempo”, anunciou o responsável do estudo do Algarve Biomedical Center.
Nuno Marques concluiu assim a apresentação do estudo denominado “Protetor covid-19”, realizado, com o apoio do Ministério do Trabalho, Solidariedade e da Segurança Social, durante 15 dias do mês de agosto nas regiões do Alentejo e Algarve, em 5.174 residentes e trabalhadores em lares de idosos.
Do total de pessoas analisadas, 2.303 foram funcionários de lares e 2.871 foram utentes residentes. A população do estudo foi maioritariamente feminina, e entre os funcionários a idade média foi de 47 anos enquanto nos utentes foi de 85 anos. Destes, 2.277 têm mais de 80 anos e mais de 1.000, têm mais de 90 anos.
Nuno Marques explicou que os objetivos do estudo, “o maior do género", era perceber qual a percentagem de utentes e funcionários de lares que possuem anticorpos para a covid-19, durante quanto tempo utentes e funcionários mantêm anticorpos após a vacinação, se a presença de anticorpos varia com a idade e se haveria diferenças na presença de anticorpos entre as pessoas vacinadas com duas doses e as que tiveram covid-19 e receberam uma dose de vacina.
“O estudo mostrou que nos funcionários temos anticorpos presentes em 79% deles e nos utentes em 46% deles. É uma diferença estatisticamente significativa e altamente considerável entre os dois, mas este dado precisava de ser trabalhado de outra forma para se compreender melhor”, avisou.
A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, assistiu à apresentação do estudo e, no final, disse que "fica evidente que não podemos baixar a guarda, do ponto de vista de manter as medidas de proteção, naturalmente com uma capacidade de irmos evoluindo, como fomos evoluindo”.
A governante alertou que “há muitas outras características deste isolamento que depois também têm efeitos nefastos nas pessoas” e apelou para que se cuide “dos outros lados da pandemia, nomeadamente do isolamento dos idosos”.
Ana Mendes Godinho disse que uma das medidas preventivas para proteger os idosos é “a testagem aos funcionários à entrada dos lares que vai manter-se” no programa de outono e inverno que está a ser preparado e pediu “a abertura para as visitas, sempre com medidas de prevenção, para retomar a vida de forma tranquila” também nos lares.
Nuno Marques anunciou que o estudo vai ser enviado para instituições europeias.

Publicado por: Irene Ferreira
2021-09-16 14:32:37

 

 


Publicidade

Outras Notícias


Local/Regional

Abatimento no pavimento corta trânsito na Estrada Nacional 16, no sentido Mangualde - Viseu

A circulação automóvel está cortada na Estrada Nacional 16, entre Mangualde e Viseu, devido ao abatimento no pavimento da via, junto à Rotunda que dá acesso a Pinheiro e às instalações da Visipapel. "Surgiu a necessidade de se proceder ao corte de trânsito na supra rua, para respetivos trabalhos de reparação", explica a Câmara Municipal de Viseu, acrescentando que o trânsito "será desviado em direção ao Retail Park, encontrando-se o desvio devidamente sinalizado".
A autarquia viseense refere que a reabertura da estarda irá acontecer "assim que estejam reunidas todas as condições de segurança, essenciais à sua utilização".
"Agradecemos, desde já, a colaboração de todos, lamentando o incómodo causado", conclui.

Local/Regional

Tempo de verão marca, finalmente, este fim-de-semana na região de Viseu

O verão chegou na quinta-feira (21 de junho) e vai fazer sentir-se, durante este fim-de-semana, na região de Viseu. Segundo a previsão do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o céu vai apresentar-se pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade por nuvens altas nas regiões Norte e Centro.
O  vento prevê-se fraco a moderado (até 30 km/h), soprando por vezes forte (até 40 km/h) nas terras altas. Há a possibilidade de formação de neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais.
Os valores da temperatura (máxima e mínima) vão subir. A máxima vai chegar, em diversas localidades da região, aos 30 graus no domingo.

Local/Regional

Mangualde: Paloma Guimarães é finalista do Concurso Astronauta por um Dia (com áudio)

Paloma Guimarães, de Mangualde, finalista do Concurso Astronauta por um Dia 2024, integra o grupo de 30 alunos, de vários pontos do país, que vai ter a oportunidade de realizar um voo parabólico, organizado pela Agência Espacial Portuguesa (AEP). São estudantes do ensino básico e secundário que vão experimentar a gravidade zero a bordo do Airbus A310 da Novespace.
Paloma Guimarães contou à Dão Digital que as capacidades dos participantes foram testadas em diversas eliminatórias ao longo dos últimos meses até à fase da entrevista que aconteceu há poucos dias.
A estudante de 17 anos tem tentado participar no projeto desde 2022, altura em que a Agência Espacial Portuguesa lançou o desafio, mas só agora conseguiu ser finalista. Diz-se muito emocionada com a conquista que considera ser uma oportunidade única.
Paloma Guimarães, aluna da Escola Secundária de Mangualde, não coloca de lado a hipótese de seguir os estudos na área.  
O voo está agendado para o dia 29 de setembro.

Local/Regional

Mangualde e Chãs de Tavares recebem prova de todo-o-terreno Challenge Ibérico Super Extreme (áudio)

Mangualde recebe este fim-de-semana (22 e 23 de junho), uma prova do Challenge Ibérico Super Extreme Trial 4x4. A competição vai contar com 22 participantes em dois momentos: no sábado no largo da feira semanal de Mangualde (prólogo noturno às 22h00) e, no domingo à tarde, no Monte do Bom Sucesso, em Chãs de Tavares. 
Na prova vão estar pilotos de Portugal continental, da Ilha da Madeira, e também de Espanha, como dá conta Alexandre Constantino, presidente da União de Freguesias de Tavares.
À semelhança de provas em anos anteriores, este ano, a organização espera milhares de pessoas para assistir ao todo-o-terreno.

Local/Regional

Vouzela: Tapado das Casas e Anta da Lapa da Meruje estão a ser alvo de escavações arqueológicas

Durante este mês de junho, investigadores da Universidade Nova de Lisboa e da Universidade do Algarve estão a promover mais uma campanha de trabalhos arqueológicos no Tapado das Casas e na anta da Lapa da Meruje, em Carvalhal de Vermilhas, no concelho de Vouzela.
De acordo com a autarquia local, as escavações no Tapado das Casas decorrem no âmbito do projeto MONS - Etnoarqueologia da Serra do Caramulo e vêm na sequência do trabalho já realizado no ano passado no mesmo local.
Segundo Catarina Tente, investigadora responsável pelo projeto, está a ser escavado um povoado sazonal que seria complementar de Carvalhal de Vermilhas na época medieval. "Vamos escavar uma a duas casas que identificámos no ano passado e que apresentam melhores níveis de preservação. Esperamos recuperar informação não só sobre a arquitetura da casa, mas também de materiais usados, utensílios, tipo de alimentação, os telhados, entre outras."
“Já na anta da Lapa da Meruje pretende-se reconhecer os diferentes momentos da presença humana neste local”, refere a autarquia. Como explica António Faustino Carvalho, investigador da Universidade do Algarve, "estamos a tentar perceber que tipo de atividades tiveram lugar neste espaço que foi um sepulcro, uma espécie de jazigo de famílias, mas que noutros períodos terá sido abrigo de pastores ou de agricultores”.
Nos trabalhos colaboram 11 estudantes das licenciaturas, mestrado e doutoramento de arqueologia.
“Para dia 29 de junho está previsto um dia aberto às escavações, dando a oportunidade à população de conhecer os trabalhos realizados pela Universidade Nova de Lisboa e do Algarve”, conclui a autarquia.

Local/Regional

Sátão: Ferreira de Aves pede ajuda para despesas do funeral do jogador colombiano Carlos Quiñones

O Ferreira de Aves, do concelho de Sátão, está a apelar à generosidade da comunidade para ajudar a custear as despesas inerentes ao funeral do jogador do clube, Carlos Quiñones, que, a 16 de junho, morreu num acidente de viação
Numa publicação nas redes sociais, o Ferreira  de Aves refere que a família do colombiano não tem recursos financeiros para fazer face às despesas do funeral nem para a compra dos bilhetes para viajar para Portugal e levar o corpo para a Colômbia.
O clube adianta ainda que serão necessários cerca de sete mil euros para cobrir as despesas, valor que pretende adiantar. Nesse âmbito, o Ferreira de Aves disponibiliza o NIB do clube para quem pretender ajudar a minimizar o valor através de donativos. Na publicação pode ainda ler-se que as ajudas podem também ser entregues, em mão, na delegação da Junta de Freguesia em Lamas, entre as 09h00 e as 16h00, assim como na Farmácia Santo André.