Mais Notícias

Local
Centro de Viseu vai contar com um novo espaço verde

Um novo espaço verde com mais de dois hectares vai ficar disponível para fruição pública no centro de Viseu, no âmbito de negociações com privados, anunciou esta quinta-feira (18 de agosto) o presidente da autarquia, Fernando Ruas.
O autarca congratula-se por, após “uma negociação extremamente bem conduzida”, que durou mais de meio ano, o espaço verde da Quinta do Serrado ficar em breve disponível para a comunidade.
“Era algo que nós tínhamos de fazer para ter cada vez mais a afirmação de cidade verde”, frisou, lembrando que, a poucas centenas de metros, se encontra o Parque Aquilino Ribeiro. Segundo Fernando Ruas, a casa principal da Quinta do Serrado será requalificada e futuramente colocada ao serviço da câmara.
O autarca explicou que está prevista “a requalificação da casa pelos promotores, que depois será disponibilizada para a câmara propiciar melhores condições à cultura” e para “apoio às atividades que depois se mostrarem importantes desenvolver naquele espaço verde”.
Fernando Ruas avançou que pretende disponibilizar o novo espaço verde rapidamente, até porque a sua principal preocupação “não é fazer muitas modificações”, uma vez que “tem beleza natural quanto baste”.
O espaço será cedido à autarquia por um período de 30 anos, renovável por mais cinco.

(...)

Cultura
Viseu: Museu da Misericórdia acolhe, ainda até domingo, exposição 'Diálogos' (com áudio)

Até domingo (21 de agosto) ainda é possível visitar a exposição “Diálogos. Na beleza das obras contemplamos a beleza do criador", patente no Museu da Misericórdia, em Viseu. 
Uma mostra itinerante promovida pelas Dioceses de Viseu, Aveiro, Lamego e Guarda e que está exposta desde fevereiro.
A coordenadora do Departamento dos Bens Culturais da Diocese de Viseu, Fátima Eusébio, relembra de que trata a exposição, que termina no domingo.

(...)


Publicidade

Local
Protocolo estabelece laços de amizade e cooperação entre Viseu e Taiyuan

O Presidente da Câmara Municipal de Viseu e o Presidente da Câmara da Cidade de Taiyuan, Zhang Xinwei, celebraram uma carta de intenção para o estabelecimento de uma relação amigável entre ambas as cidades portuguesa e chinesa.
Numa cerimónia online, ambos os autarcas firmaram um acordo que pretende o desenvolvimento de laços de amizade, entendimento e cooperação em áreas como a economia, o comércio, a ciência e tecnologia, a cultura, a educação, o desporto, a saúde, os recursos humanos, entre outras. Esta é a primeira vez que o município de Viseu inicia relações de geminação com uma cidade chinesa. 
“Viseu e Taiyuan partilham pontos em comum: uma identidade e história com mais de 2500 anos; a preocupação crescente para com a sustentabilidade ambiental, uma cidade mais “verde” e “amiga do ambiente”; a aposta na educação – e na inclusão na educação”, destacou o presidente da Câmara Municipal, Fernando Ruas.
“Mais do que uma carta de intenção, este é um compromisso para com as nossas populações, as gerações atuais e futuras, de trabalhamos conjuntamente para uma cooperação enriquecedora, de partilha de conhecimentos e boas práticas, para o planeamento e concretização de políticas e estratégias municipais de sucesso”, concluiu.

“Tanto Taiyuan como Viseu têm uma longa história e uma cultura esplêndida, têm muitos pontos de convergência. Têm um forte desejo e uma boa base para aprender uns com os outros e alcançar a prosperidade comum”, sublinhou o presidente da Câmara da Cidade de Taiyuan, Zhang Xinwei. “Esperamos sinceramente que a assinatura da carta de intenções seja uma oportunidade para aprofundar ainda mais a cooperação mutuamente benéfica, promover o desenvolvimento comum, dar as mãos, levar adiante o passado e seguir em frente, continuar a escrever um novo capítulo de trocas amistosas num novo ponto de partida e, em conjunto, fazer novos progressos no aprofundamento das relações entre a China e Portugal”, ressalvou o Presidente Zhang Xinwei.

(...)

Local
Exposição '140 Anos da Companhia das Águas Medicinais da Felgueira' para ver até final de agosto

O Balneário Termal das Caldas da Felgueira, no concelho de Nelas, tem patente até ao dia 31 de agosto a exposição comemorativa dos “140 Anos da Companhia das Águas Medicinais da Felgueira”.
Sob o mote “Traços do Passado na Construção de uma Aldeia de Portugal”, a exposição, desenvolvida pelos serviços municipais da Biblioteca Municipal, Arquivo e Património Cultura, é o resultado de um trabalho multidisciplinar, dinâmico e social. "Além de respeitar o correto tratamento histórico dos dados, envolveu a própria comunidade local no processo de recolha de informações orais e espólio fotográfico" explica a autarquia.
Com objetivo de preservar, respeitar e divulgar o passado singular da estância termal, "que muito contribuiu para o desenvolvimento e afirmação da aldeia das Caldas da Felgueira", recentemente classificada como Aldeia de Portugal, o município pretende que a exposição seja também itinerante, mantendo-se aberta para integrar outros conteúdos que possam resultar da transmissão de novos dados pela comunidade local.

 

(...)

Local
Incêndios: perigo máximo para quatro concelhos do distrito de Viseu, esta quinta-feira

Carregal do Sal, Mangualde, Nelas e Penalva do Castelo são os quatro concelhos do distrito de Viseu que estão em perigo máximo de incêndio, esta quinta-feira (18 de agosto). Os restantes 20 concelhos apresentam risco muito elevado e elevado.
Para esta quinta-feira, as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) apontam para uma subida da temperatura máxima e vento por vezes forte nas terras altas.

(...)



Faça Download

A nossa Equipa

Américo Albuquerque

Coordenador

Paulo Elvas

Editor / Produtor

Irene Ferreira

Jornalista



Apoios